conecte-se conosco


Política e Governo

Artigo: Na pandemia também florescem os oportunistas

Publicado

Por Antonio Tuccílio,

presidente da Confederação Nacional dos Servidores Públicos (CNSP)

Há otimistas que defendem que após a pandemia de Covid-19 a humanidade vai melhorar. Acreditam que esse momento de dificuldade nos levará a questionar e refletir sobre a vida e que, por isso, sairemos da pandemia mais solidários e empáticos. Porém, enquanto brasileiros honestos agem em benefício dos mais necessitados, há também os oportunistas, principalmente os da classe política, que se aproveitam para aumentar impostos.

Um exemplo é o Projeto de Lei 250/2020, que dispõe sobre o Imposto de Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCMD).

Esse PL é de autoria dos deputados estaduais Paulo Fiorilo e José Américo, ambos do PT/SP, e, se aprovado, permitirá que a alíquota do ITCMD (que hoje é de 4%) chegue a 8% do valor. A justificativa para a proposta é enviar mais recursos para a saúde.  O brasileiro morre, talvez pelo coronavírus, e sua família ainda precisará pagar o dobro de imposto em um futuro próximo. Beira o desumano.

Esse aumento por si só não tem justificativa, mas o que chama a atenção é o surgimento dessa proposta durante uma pandemia, enquanto milhares de brasileiros perdem seus empregos, a estabilidade emocional e seus familiares. Até o momento, mais de 12 mil já partiram.

Quem dera esse fosse apenas um caso isolado. Recentemente, a pedido do Estado de São Paulo, o TJ-SP suspendeu os pagamentos de precatórios por 180 dias. Há uma longa fila para recebimento e muitos casos já duram 17 anos. São Paulo e vários outros estados não arcam com suas dívidas e ainda se aproveitam da doença para ganhar mais tempo. Enquanto isso, o cidadão – que espera seu precatório há décadas e que, mais do que nunca, precisa receber o que lhe é devido – fica a ver navios.

Com ou sem pandemia, oportunistas sempre vão existir. A humanidade já passou por doenças terríveis e cá estamos nós: sobrevivendo aos mandos e desmandos dos poderosos, assistindo casos de corrupção estampados no noticiário nacional e tendo de lutar contra cortes de salários e projetos de leis criados por quem deveria nos ajudar, mas que usa seus cargos – bem remunerados, vale lembrar – para nos prejudicar.

Já disse diversas vezes e reforço que se políticos têm a real intenção de contribuir, que comecem cortando seus próprios benefícios. Que sejam exemplo daquilo que querem aparentar ser.

Leia mais:  Governo apresenta projetos de reforma da previdência dos servidores estaduais
publicidade

Política e Governo

Governador Casagrande se reúne com embaixador dos Estados Unidos

Publicado

O governador do Estado, Renato Casagrande, realizou uma reunião virtual com o embaixador dos Estados Unidos, Todd Chapman, na manhã desta quinta-feira (9), no Palácio Anchieta, em Vitória. Na pauta, estratégias para a criação de um plano de trabalho e troca de experiências entre o Espírito Santo e os Estados Unidos.

Casagrande apresentou as potencialidades do Espírito Santo, destacando a sua boa geolocalização para o recebimento de investimentos. “Gostaria de convidá-lo a vir ao Espírito Santo, nos fazer uma visita quando passar essa pandemia, quem sabe realizar uma palestra. Apresentaremos nossas potencialidades e será um prazer ter um plano de trabalho com a Embaixada”, apontou.

Segundo o embaixador, a ideia é criar um plano de trabalho e conhecer as empresas norte-americanas. “Queremos conhecer o que se passa em infraestrutura e concessões, quais empresas americanas estão instaladas e fazer um plano de trabalho em conjunto. Temos escritórios de promoção no Rio de Janeiro e queremos ampliar”, comentou Todd Chapman.

O secretário de Estado de Desenvolvimento, Marcos Kneipp, também participou da reunião virtual.

Leia mais:  Governo do Estado anuncia reestruturação e ampliação da Patrulha da Comunidade
Continue lendo

Política e Governo

Governador autoriza início da reforma de escola em Dores do Rio Preto

Publicado

O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Educação, autorizou, nesta quinta-feira (09), o início da obra de reforma da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) Pedro de Alcântara Galveas, no município de Dores do Rio Preto. A Ordem de Serviço foi assinada pelo governador Renato Casagrande, durante solenidade virtual, transmitida ao vivo pelas redes sociais. O valor do investimento na reforma da escola é de R$ 5.537.992,73.

Casagrande destacou a importância da reforma da escola, que é um elo de toda a comunidade local. “Sei a importância de uma escola estadual, pois quando se tem um colégio de referência se cria uma ligação muito forte com a unidade e os amigos que estudaram conosco. É uma amizade que se faz para a vida inteira. A qualidade da educação depende de uma série de fatores, como um projeto pedagógico sólido, envolvimento das famílias, implantação de tecnologia, valorização dos profissionais e envolve também a infraestrutura”, afirmou.

O governador lembrou que a qualidade na infraestrutura gera um sentimento maior de pertencimento. “Desde o ano passado estamos fazendo muitos investimentos nas escolas e não paramos mesmo com essa crise. Não podemos deixar a qualidade das nossas escolas de lado. Se Deus quiser, vamos estar presencialmente fazendo a inauguração dessa escola”, disse.

A reforma da unidade escolar contempla a demolição e reconstrução da quadra esportiva, construção de escada, elevador para acessibilidade, demolição e reconstrução do telhado de toda unidade escolar, urbanização e paisagismo da área externa, adaptação para corpo de bombeiros por meio de projeto de incêndio, reforma geral das instalações elétricas e instalação de aparelhos de ar condicionado. A calçada pública existente dos fundos da escola será demolida e reconstruída no modelo de calçada cidadã, e a calçada frontal será recuperada.

O subsecretário de Suporte à Educação Aurélio Meneguelli Ribeiro, destacou que a escola será totalmente reformada – obra que era muito aguardada por toda a comunidade. “Quando assumimos a gestão, logo identificamos que essa unidade estava há muito tempo sem investimento e precisando de intervenções. Estamos falando de uma obra de grande porte. Será feita uma reforma geral de mais de R$ 5 milhões”, frisou.

Aurélio Meneguelli citou que esse investimento faz parte do plano de reestruturação da rede física das escolas, que vem sendo desenvolvido pela Sedu desde o início do ano passado. “A continuação dessas obras promove a valorização dos profissionais que trabalham pela educação. Esperamos trazer um acalento para toda comunidade nesse momento de crise. Vemos que essa gestão tem dado grande prioridade à educação”, disse o subsecretário de Estado.

Leia mais:  Governo apresenta projetos de reforma da previdência dos servidores estaduais
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana