conecte-se conosco


Política e Governo

Icepi vai ofertar 252 vagas em residência médica até 2021

Publicado

Os projetos desenvolvidos pelo Instituto Capixaba de Ensino, Pesquisa e Inovação em Saúde (ICEPi) em pouco mais de um ano desde a sua fundação foram apresentados em reunião com o governador Renato Casagrande, ocorrida na tarde dessa segunda-feira (28) no Palácio Anchieta, em Vitória. Um dos destaques da atuação do instituto são os programas integrados de residência médica em saúde, hoje com 168 residentes em formação. A meta é ofertar 252 vagas em residência médica até 2021.

Atualmente, são oito programas implementados, sendo que sete foram iniciados por meio do ICEPi, são eles: Acupuntura, Psiquiatria, Medicina de Família e Comunidade, Cuidados Paliativos, Saúde Mental, Saúde da Família e Saúde Coletiva com ênfase em Vigilância. O Instituto prevê a implantação de oito novos programas de residência no próximo ano, que são: Clínica Médica, Medicina Intensiva 2, Ortopedia e Psiquiatria, Atenção em Terapia Intensiva 2, Reabilitação Física, Gestão e Políticas de Saúde.

“Essas residências são consideradas padrão ouro em formação em saúde, pois elas ocorrem no serviço, o profissional se dedica integralmente a formação. Até 2019 tínhamos apenas um programa de residência, isso em 30 anos de Sistema Único de Saúde (SUS). Temos residentes em todas as Superintendências Regionais de Saúde do Estado. A meta do Instituto é ofertar 252 vagas em residência médica até 2021”, destacou o diretor do ICEPi, Fabiano Ribeiro.

Outro destaque entre as ações desenvolvidas pelo ICEPi é no Programa Qualifica Atenção Primária à Saúde (APS). Mais de 600 bolsistas foram selecionados para atuar na APS dos municípios. Dados do Núcleo Especial de Atenção Primária apontam que, em janeiro de 2019, a cobertura no Espírito Santo de Estratégia Saúde da Família (ESF) era de 58,17% e a Atenção Básica possuía uma cobertura de 70,44%. Em abril deste ano, a cobertura da ESF passou para 64,32%, e a Atenção Básica para 78,94%, representando um aumento em torno de 6%, que representa, aproximadamente, três milhões de cidadãos assistidos.

Atualmente, o Espírito Santo conta com 812 equipes de ESF, compostas por médicos, enfermeiros e cirurgiões-dentistas que atuam na Atenção Primária dos 78 municípios capixabas. De julho de 2019 a abril de 2020 foram implantadas mais 155 equipes no Estado. Os profissionais em formação no Programa Qualifica APS atuam em todas as regiões de saúde do Estado.

Os projetos de inovação desenvolvidos pelo instituto ofertam 174 bolsas de formação nas áreas de Regulação Formativa, Samu para Todos, Núcleo Interno de Regulação (NIR), Medicina Hospitalista e no Programa de Tecnologias de Informação e Comunicação aplicadas à Saúde (ProticSUS).

Ao final da reunião, o secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, destacou que as políticas públicas estruturantes desenvolvidas atualmente possuem impacto de médio e longo prazo. “Temos um caminho a percorrer a partir de uma experiência de saúde pública diferenciada, focada na formação, na qualificação, dando um salto de qualidade que fará diferença para o cidadão que utiliza o serviço”, afirmou.

O governador Renato Casagrande parabenizou a equipe pelo trabalho desenvolvido e destacou a importância de fortalecer a Atenção Primária à Saúde. “Temos uma população que cada vez mais precisa do serviço público de saúde e precisamos estar cada vez mais preparados para dar a assistência que cidadão precisa. E ofertar esses serviços com cada vez mais qualidade é nosso compromisso e estamos no caminho certo, caminhando junto com os municípios e dando continuidade aos programas planejados mesmo em tempos de pandemia”, pontuou.

Também participaram da reunião, os subsecretários de Estado de Saúde, Rafael Grossi, Quelen Silva, Tadeu Marino, Gleikson Barbosa, Luiz Carlos Reblin, além dos superintendentes Regionais de Saúde e da equipe técnica do ICEPi.

ICEPi

Leia mais:  Majeski indica libras e outras tecnologias assistivas para garantir aprendizado aos alunos com deficiências

O Instituto Capixaba de Ensino, Pesquisa e Inovação em Saúde (ICEPi), é responsável por um conjunto de políticas de inovação em saúde. Seu objetivo é desenvolver projetos e atividades voltadas para a formação e desenvolvimento de profissionais para o SUS, além de difundir tecnologia, pesquisa científica e inovação tecnológica para modernização das práticas de cuidado da rede própria e no apoio aos municípios.

Confira a apresentação do ICEPi no link: https://bit.ly/30zaBs3

publicidade

Política e Governo

Sesa abre processo seletivo para médicos e outros profissionais de níveis Médio, Técnico e Superior

Publicado

A Secretaria da Saúde (Sesa) publicou, no Diário Oficial do Estado da última quinta-feira (22), três editais de processo seletivo simplificado para a contratação de profissionais de níveis Médio, Técnico e Superior para atuação em hospitais da rede e em setores administrativos da instituição. A seleção é para a formação de cadastro de reserva, com contratação em regime temporário em todas as regiões do Espírito Santo e visa a atender a necessidades de excepcional interesse público da Secretaria. Para acessar os editais completos clique em:

Edital Médicos

Edital Nível Superior  

Edital Nível Médio e Técnico

Errata Editais Médicos, Níveis Superior, Médio e Técnico 

As inscrições estão sendo realizadas eletronicamente, por meio do site www.selecao.es.gov.br e podem ser feitas até às 12h do dia 03 de novembro de 2020, observado o fuso-horário de Brasília.

Há vagas para médicos de diversas especialidades, como alergista, anestesista, angiologista, cardiologista, cirurgião plástico, cirurgião pediátrico, dermatologista, médico do trabalho, endocrinologista, oftalmologista, urologista, entre outras especialidades. Os salários vão de R$ 5.019,58 a R$ 10.039,17.

Também há vagas para outros profissionais de Nível Superior, como arquiteto, assistente social, biólogo, contador, enfermeiro, engenheiro civil, engenheiro eletricista, fisioterapeuta, farmacêutico, nutricionista, entre outros. Para os cargos de Nível Superior, os salários variam entre R$ 2.299,56 a R$ 4.599,12.

Já para os cargos de níveis Médio e Técnico, há vagas para assistente administrativo, auxiliar administrativo, auxiliar de serviços gerais, motorista, técnico de enfermagem, técnico em radiologia, entre outros. Os salários variam de R$ 1.148,00 a R$ 2.362,15.

Leia mais:  Oito cidades concentram 25% das riquezas do Brasil, afirma IBGE
Continue lendo

Política e Governo

Governador Casagrande entrega obras nos municípios de Muqui e Castelo

Publicado

O governador do Estado, Renato Casagrande, visitou, neste sábado (24), os municípios de Muqui e Castelo, na região sul capixaba, para a entrega de obras nas áreas da educação, esporte e infraestrutura. Foram investidos mais de R$ 8 milhões na construção de uma creche no bairro Boa Esperança; do ginásio poliesportivo na comunidade de Sumidouro; e do calçamento rural ligando as comunidades de São Luiz, Verdade e Formoso, todas em Muqui. Em Castelo, o governador entregou as obras de calçamento rural na comunidade de Santa Maria de Baixo.

O Centro de Educação Infantil (CEI) no bairro Boa Esperança teve investimento do Estado no valor de R$ 1.451.209,86, criando 65 novas vagas para crianças de zero a três anos. Assim, o município conseguirá eliminar a lista de espera e atender a meta do Plano Municipal de Educação. A construção conta com cinco salas de aula, brinquedoteca, parquinho, sanitários infantis, secretaria, sala de setor pedagógico, recepção, sala dos professores, direção, refeitório, despensa, almoxarifado, lavanderia, depósito e muro de contenção, sendo a área total de intervenção de 745 metros quadrados.

“Esse é um investimento importante para a Educação Infantil que estamos realizando aqui em Muqui. Este ano conquistamos vitórias importantes, avançando no Ideb nos anos iniciais e finais do Ensino Fundamental e com o melhor Ensino Médio do País. Além de obras de infraestrutura, também estamos investindo na formação e valorização dos servidores da Educação. Temos um longo caminho a percorrer, mas é importante darmos condições adequadas aos nossos alunos e servidores. Os anos iniciais são os mais importantes, onde nosso cérebro está aprendendo. Ter um local adequado, com bons profissionais e boa alimentação, transforma a vida dessas crianças”, enfatizou o governador.

Em Sumidouro, Casagrande entregou as obras do ginásio poliesportivo da comunidade, com investimento superior a R$ 1 milhão. O espaço conta com quadra, arquibancada e equipamentos esportivos para prática de atividades coletivas, como futsal, handebol, vôlei e basquete. Além disso, foram construídos no local sanitários para Pessoas com Deficiência (PCD), iluminação interna e externa, vestiários, palco, cozinha, cantina, pátio e oito vagas de estacionamento.

“Percorro muito o Estado, gosto de ir às comunidades e ver os investimentos do Governo. Temos aqui um equipamento importante para esta comunidade. A gente tem uma boa parceria com a Prefeitura. Fizemos um convênio para recuperar o museu, que é referência no Estado. Outra obra importante é a estrada da Serra da Aliança, que estava literalmente desmanchando. Chegamos ao Governo e estamos resolvendo o problema”, pontuou Casagrande.

O secretário de Estado de Esportes e Lazer, Júnior Abreu, comemorou a entrega de mais um equipamento esportivo para a população capixaba. “O esporte é uma das principais ferramentas de transformação social que temos na sociedade. Uma estrutura como essa é fundamental para a comunidade de Sumidouro, que agora vai contar com um espaço moderno e funcional para prática esportiva das crianças, jovens e também dos adultos e idosos”, disse.

Ainda em Muqui, o governador inaugurou mais um trecho de calçamento rural dentro do Programa Caminhos do Campo. O trecho do entroncamento que liga as comunidades de São Luiz, Verdade e Formoso tem mais de seis quilômetros da extensão. Foram investidos R$ R$ 5.908.125,00 pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag).

Durante a solenidade de inauguração, o governador lembrou que a obra atende a uma demanda da população. “Recebi jovens da comunidade de São Luiz, no Palácio Anchieta, no início do nosso governo, ocasião em que me entregaram uma carta. Nela pediram para terminar esse asfalto que iniciamos ainda em meu primeiro mandato. Hoje estamos entregando essa obra que era para ter ficado pronta há muito tempo. É uma importante rodovia que irá ajudar no escoamento da produção, diminuindo o desperdício do leite e aproximando essas comunidades”, pontuou Casagrande.

Para o subsecretário de Estado de Infraestrutura Rural, Rodrigo Vaccari, essa obra representa o compromisso com o desenvolvimento da agricultura familiar capixaba. “A Seag continua trabalhando para melhorar a infraestrutura rural das comunidades capixabas, também há avanços na qualidade de vida da população residente no campo. Mesmo com a pandemia, nosso trabalho não parou. Recentemente entregamos mais de R$ 15 milhões em investimentos com o Programa de Calçamento Rural, que também possibilita melhor trafegabilidade e mobilidade no campo”, disse.

Na parte da tarde, o governador Casagrande seguiu para o município de Castelo, onde entregou o calçamento rural na comunidade de Santa Maria de Baixo. O Governo do Estado investiu de R$ 151.980,44 na doação ao Município de 3.164,00 metros quadrados de blocos intertravados tipo holandês e 1.233,00 metros de meios-fios. Em contrapartida, a Prefeitura realizou a instalação e toda a infraestrutura necessária para obra. “Essa obra trará melhorias na infraestrutura para que a comunidade tenha mais facilidades de se deslocar e escoar a produção agrícola, além de eliminar a lama e a poeira”, destacou Vaccari.

Leia mais:  Governador e bancada federal se reúnem com ministro da Economia
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana