conecte-se conosco


Entretenimento

Xuxa é acusada por Sikêra Jr de apologia às drogas e pedofilia

Publicado

O apresentador da RedeTV!, Sikêra Jr, ficou magoado com Xuxa Meneghel, de quem segundo ele, era fã quando criança. No programa ele falou sobre o escrito por ela, “Maya: bebê arco-íris”. Após as crítica de Xuxa a Sikêra por exibir zoofilia e dar risada do crime no Alerta Nacional, o comunicador falou que a “rainha dos baixinhos” leva as crianças para a “p*taria” com a história de uma menina com duas mães.

Ao vivo no programa, Sikêra Jr disse que lamentavelmente, era muito fã, desde pequenininho e  tinha o sonho de ir à plateia para vê-la presencialmente.

“Hoje, não dá mais audiência, está sendo empurrada para todo horário. A que vai lançar agora um livro LGBT para criança, viu? Para criança! Um livro LGBT para criança! Cuidado com o teu filho! Cuidado com a tua filha! A mesma que fez um filme com uma criança. Sim! Ela nua com uma criança de 12 anos. Ex-rainha, eu quero dizer para você que pedofilia é crime e não prescreve não, tá?”, disse o apresentador, associando a temática LGBTQIA+ ao crime de abuso sexual de menores.

Citando a entrevista em que Xuxa relatou que Sasha já tinha oferecido maconha a ela, Sikêra disse: “Você está usando desse nome que você criou para levar a criançada agora para a safadeza, para a putari*, para a surub*! Tua filha falando que ofereceu maconha para ‘tu’. Isso é uma coisa que se diga, ‘tu’, uma formadora de opinião? E aí? Todo mundo preocupado com o rabo do cavalo, né? Apologia às drogas também é crime, ex-rainha”.

Entenda a briga

Recentemente, Luisa Mell também virou alvo de críticas de Sikêra, mas nesta ocasião, ele decidiu não falar o nome da ativista e a chamou de “abelha”, fazendo referência ao sobrenome.

Luisa compartilhou o vídeo que Sikêra Jr. exibe um fazendeiro estuprando uma égua. “Meu Deus, estão rindo de um crime? Zoofilia é piada?”, reprovou Xuxa, na época, que também é militante da causa animal. Luisa Mell elevou o tom contra o apresentador e questionou se ele também riria de estupro de menores.

“O apresentador Sikeira Jr e sua equipe acham este tipo de violência muito engraçado. Neste vídeo vergonhoso, ele ri de algo doentio. Faz seu deprimente show em cima de um crime. Além de eticamente grotesco, sexo com animais é clinicamente perigoso. Deve ser combatido de todas as maneiras. O tal apresentador, quando criticado, manda as seguidoras arranjarem um jumento para se acalmarem! Demonstrando claramente que não respeita animais, nem pessoas. Alguns querem alegar que é humor. E eu pergunto. Se fosse uma criança sendo molestada, este senhor também acharia engraçado? Violência, estupro e abuso só podem ser motivo de piada em um mundo doente”, publicou Luisa, na ocasião.

Leia mais:  Miguel Falabella deixa a Globo após polêmica
publicidade

Entretenimento

Cantora gospel é agredida pelo marido em shopping

Publicado

O cantor Juninho Black, irmão da cantora Quesia Freitas, publicou vídeo da violência nas redes sociais e contou que a irmã era agredida há mais de um ano; o agressor, Bruno Feital, está foragido

Um vídeo publicado nas redes sociais mostra o momento em que a cantora Quesia Freitas foi agredida fisicamente por seu marido, Bruno Feital, em um shopping no Rio de Janeiro. Homens que passavam pelo local conseguiram parar o agressor, enquanto uma mulher que filmava a violência pedia para ele soltar Quesia (veja o vídeo abaixo).

As imagens foram publicadas pelo cantor gospel Juninho Black, que pediu ajuda para dar visibilidade ao caso. Ele contou que a irmã vinha sendo agredida há mais de um ano.”Cenas fortes e revoltantes! Minha irmã de sangue @quesiafreitasoficial foi agredida anteontem no Américas Shopping Recreio RJ na frente de todos. O AGRESSOR é o atual marido dela brunofeitaloficial que vem a agredindo há mais de um ano. Minha irmã vem sofrendo tortura psicológica, abuso emocional, agressões físicas e coação”, escreveu ele.

“Resolvi trazer a público o caso agora depois de perdoar várias vezes. Ele a agrediu dessa vez em público e repercutiu através do Instagram @recreionosso e outros grupos. Família, não quero que minha irmã caia nas estatísticas de feminicídio. Tenho outros vídeos de agressões em local público e as autoridades ainda não colocaram esse animal na cadeia”, desabafou.

“A gente só acredita quando acontece dentro da nossa família e infelizmente dessa vez está acontecendo com minha irmã. Autoridades responsáveis, aqui fica o apelo para que esse covarde pague pelo que vem fazendo com minha irmã e todo transtorno que está trazendo a minha família. Ele tem que estar atrás das grades. Peço ajuda a todos vocês amigos e artistas compartilhem o caso e a foto dele para chamar atenção da justiça”, pediu.

Nesta terça (24), ele agradeceu o apoio e disse que tem três advogados cuidando do caso. Quesia conseguiu uma medida protetiva para proibir o agora ex-marido de chegar perto dela. Bruno está foragido.

Em entrevista ao programa Balanço Geral nesta terça, ela contou que as agressões começaram no dia seguinte ao casamento, há cerca de um ano. Disse ainda que Bruno era muito ciumento e possessivo e que a proibia de sair sozinha. A cantora está se recuperando do trauma em São Paulo.

Quesia Freitas (Foto: Reprodução / Instagram)

https://www.instagram.com/p/CH6WWEIFyhq/?utm_source=ig_web_button_share_sheet

Leia mais:  Luciano Huck diz que não emprestou jato que buscou Lula em saída da prisão

Continue lendo

Entretenimento

Morre Francisco Camargo, pai dos sertanejos Zezé e Luciano

Publicado

Paciente ficou 14 dias internado em um hospital particular de Goiânia. Velório e enterro serão restritos à família e ocorrem no Cemitério Jardim das Palmeiras.

Pai de Zezé di Camargo e Luciano, Francisco José de Camargo, de 83 anos, morreu na noite de segunda feira (23), após 14 dias internado em um hospital particular em Goiânia. A informação foi confirmada pela assessoria da dupla na manhã desta terça-feira (24).

Por meio de nota, o Hospital Órion, onde Francisco estava internado, informou que o paciente morreu às 23h05 por causa de uma parada cardiorrespiratória e uma “instabilidade hemodinâmica”.

O velório está previsto para começar às 10h, no Cemitério Jardim das Palmeiras, em Goiânia. O sepultamento está marcado para as 17h. Porém, as cerimônias serão restritas à família para evitar a disseminação do coronavírus.

Também de acordo com a assessoria, Zezé já está na capital goiana. Luciano, que mora em São Paulo, testou positivo para Covid-19 e está em isolamento em casa.

Seu Francisco estava internado desde o último dia 10 de novembro, quando sentiu dores no intestino. Quatro dias depois, ele precisou passar por uma cirurgia de emergência para estancar um sangramento no órgão. No dia, Zezé e Luciano estavam em Goiânia para acompanhar de perto a evolução do quadro.

Francisco Camargo com esposa, filhos e netos; publicada em 24 de novembro de 2020 em redes sociais — Foto: Reprodução/Instagram

Apesar dos filhos famosos, ele só ficou conhecido nacionalmente em 2005, após o lançamento do filme “Dois Filhos de Francisco”, que contou a história dele e de sua família.

Francisco Camargo deixa a esposa, Helena Siqueira de Camargo, de 75 anos, e oito filhos: Mirosmar José de Camargo (Zezé), Marlene José de Camargo, Wellintgton Camargo, Emanoel Camargo, Luciele de Camargo, Welson David de Camargo (Luciano), Wesley José de Camargo e Walter José de Camargo. Outro filho do patriarca da família, Emival Camargo, que foi a primeira dupla com Zezé, morreu em 1975 em um acidente de carro.

Ele também tinha dez netos, incluindo a cantora Wanessa Camargo – filha de Zezé -, e bisnetos.

Internações

Nos últimos anos, Seu Francisco convivia rotineiramente com problemas de saúde e internações. Em março de 2018, ele ficou mais de um mês no hospital devido a uma pneumonia.

Já em fevereiro deste ano, Seu Francisco chegou a ser internado para tratar uma infecção decorrente de um enfisema pulmonar. Ele ficou oito dias no hospital e chegou a ocupar um leito de UTI.

Francisco Camargo com os filhos Zezé e Luciano, em Goiás — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

2 Filhos de Francisco

O filme “2 Filhos de Francisco” foi lançado em 2005 nos cinemas brasileiros e contou a história de vida da dupla Zezé di Camargo e Luciano e o esforço do pai para tornar a dupla famosa no mundo da música sertaneja. O ator Ângelo Antônio foi o responsável por viver o papel de Francisco. Já a atriz Dira Paes foi a responsável por viver a esposa dele, Helena.

Segundo sites especializados em cinema, o longa foi assistido por cerca de 6 milhões de pessoas e arrecadou aproximadamente R$ 34 milhões.

Leia mais:  William e Renata explicam caso do homem que fez jornalista refém
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana