conecte-se conosco


Mundo Cristão

“A esposa precisa cuidar dos detalhes”, ensina pastora

Publicado

Amanda é casada com o pastor Ramon Tessmann e mãe da Laura. Eles servem como pastores auxiliares na Igreja das Nações, em Criciúma (SC).

Ela desenvolve seu ministério principalmente na ajuda e inspiração de mães e esposas e compartilha muitos conselhos e dicas em seu Instagram (@amandapollitessmann).

Amanda cita a Bíblia e lembra que a mulher foi criada para ser uma auxiliadora, mas salienta que ela “não é mais, nem menos importante que o homem”. “Foi criada para andar ao lado e colaborar”, diz.

Sobre o diferencial da mulher cristã, ela elenca o temor a Deus, a obediência e a sabedoria como seus pontos fortes, mas aconselha a busca pela melhora constante para que o plano de Deus seja experimentado.

Papel

Ela lembra que a primeira instituição criada por Deus foi a família e que o Criador estabeleceu na Criação a ordem e os papéis do homem e da mulher.

“Muitos pensam que a mulher é inferior ao homem e sugerem a ordem da criação – como ela foi criada depois – como motivo para tal pensamento”, pontua. “Esses ainda não entenderam o real valor que há no lindo papel que é ser mulher”, argumenta.

Para Amanda, o capítulo 31 de Provérbios ensina como é extraordinário ser mulher e desenvolver seu papel da melhor forma possível.

“Servir a sua família, administrar seu lar com excelência, ensinar seus filhos por princípios, honrar seu marido, ter uma vida com Deus, ser criativa e organizada e evidenciar na sua vida a presença de Deus”, explica.

Lar

A pastora pontua que a mulher é “especialista” em cuidar da “atmosfera do lar”. “Mesmo em dias difíceis, ela deve usar a criatividade para que a paz continue reinando”, afirma.

Ela ensina que o lar deve ser um “lugar de amor e relacionamento” e que, “como as mulheres são muito habilidosas”, devem usar todos os recursos disponíveis para manter o ambiente tranquilo.

“Podemos decorar a mesa da refeição com flores do jardim, escrever recadinhos no espelho do banheiro usando batom, levar café na cama em datas não comemorativas”, exemplifica.

Ela alerta que a mulher deve buscar a organização, porque “um lar bagunçado revela muito sobre a situação do lar”. “Quando há ordem, há paz. As coisas fluem”, completa.

Sociedade

Amanda alerta para os riscos da comparação e fala sobre o poder de influência que uma mulher possui quando se sente segura. “Ela se destaca pela forma como conduz e tem sucesso em todas as áreas”, destaca.

Salienta, contudo, que a mulher deve ser “livre para fazer o que quiser”. Lembra que a “mulher virtuosa” também auxiliava no sustento da casa fazendo negócios, mas aconselha que “o casal deve entrar em acordo quanto a isto”.

“É comum achar que a mulher da Bíblia deve ser somente do lar”, diz, mas discorda. “Ela é tão incrível que consegue conciliar o trabalho com a administração da casa”, enfatiza.

Sobre o feminismo, ela não nega que exista “situações machistas que diminuem o nosso valor”, mas cita extremos perigosos e uma competição errônea com o homem nessa ideologia.

“Eu prefiro me posicionar de uma forma que eu ganhe espaço mostrando a minha vida, do que carregando uma bandeira. Espero um dia poder conversar de perto com esse público, entender o que há em seus corações e amá-las”, afirma.

Conselhos

“É tão bom ter a quem recorrer quando os nossos sentimentos estão bagunçados”, diz. Ela orienta que é preciso buscar alguém que conheça seu coração e saiba exatamente o papel que tem sobre a sua vida.

“Continue plantando boas sementes através do cuidado”, aconselha. “Afinal de contas, uma semeadura requer muito trabalho, mas a colheita em abundância será inevitável”, finaliza.

Leia mais:  Pais testemunham milagre em bebê com coronavírus
publicidade

Mundo Cristão

Pastora é assassinada em frente igreja com golpes de barra de ferro

Publicado

Odete Rosalina Machado da Costa tinha 82 anos; suspeito do crime seria usuário de drogas

Uma pastora da Assembleia de Deus, de 82 anos, foi morta na porta da igreja, em Goiânia. O acusado do crime estaria sob o efeito de drogas.

Uma multidão se reuniu na porta da igreja evangélica logo após o crime. A família da pastora Odete Rosalina Machado da Costa estava desesperada.

Pastora de 79 anos é assassinada em igreja com golpes de barra de ferro, em  Goiânia

A pastora estava reunida com um frequentador da igreja, quando um homem apareceu no portão, que estava trancado. Sem roupas e gritando muito, ele pulou o muro, quebrou uma porta de vidro e passou a atacar os dois com uma barra de ferro. A pastora tentou pedir socorro ao vizinho, mas foi golpeada novamente e morreu.

Antes do crime, sistemas de segurança gravaram o homem, de 22 anos, caminhando nu pela cidade. Em um vídeo, ele parece discutir com uma câmera. Em outro, ele é visto segurando uma faca.

O rapaz foi preso em um terreno baldio. Ele seria usuários de drogas e teria deixado uma clínica de reabilitação há dois meses. O suspeito mora com a mulher e uma enteada e, na madrugada desta sexta, segundo a polícia, entrou em surto antes de sair de casa. O homem que estava com a pastora no momento do ataque teve ferimentos leves.

Um dos filhos de dona Odete Rosalina é o cantor e compositor Delino Marçal, ganhador do Grammy latino de 2019, na categoria música gospel.

Leia mais:  Pais testemunham milagre em bebê com coronavírus
Continue lendo

Mundo Cristão

Culto em presídio leva centenas de detentos a louvarem a Deus: ‘Ele me Ama’

Publicado

Um ministério de evangelismo dedicado a anunciar a Palavra em presídios divulgou um vídeo de um culto em que 260 presidiários louvam a Deus com a música Ele me Ama.

O ministério God Behind Bars publicou o vídeo em seu canal no YouTube e em sua conta no Instagram, com os presidiários cantando a música How He Loves, da banda Jesus Culture, que em português foi traduzida como Ele me Ama.

O culto foi realizado em um Presídio de Segurança Máxima da Flórida (EUA) e o vídeo já soma, no Instagram, mais de 3 milhões de visualizações, de acordo com informações do portal FaithPot.

O momento de adoração aconteceu em um dos cultos promovidos pelo ministério na prisão e contou com a participação do grupo cristão Maverick City. O vídeo mostra que as centenas de detentos ergueram as mãos declarando o amor de Deus em alta voz.

Na legenda, o ministério God Behind Bars testemunhou: “O som sacudiu o terreno por toda a prisão. Duzentos e sessenta presos adoravam tão alto que os outros 1.600 detentos que não foram ao culto podiam ouvir as palavras ‘Deus os ama’”.

De acordo com o ministério, ao todo, 300 presos compareceram ao culto na ocasião e centenas já aceitaram Jesus como seu Salvador: “Deus está se movendo nesta prisão da Flórida”.

Mensagem de liberdade

Desde 2009, o God Behind Bars tem anunciado Jesus nas prisões americanas, suprindo as necessidades de relacionamento, físicas e espirituais dos detentos e de suas famílias.

Com o apoio de igrejas locais e outras organizações cristãs, o ministério promove cultos dentro dos presídios e discipulado, colhendo muitas conversões e testemunhos de transformação.

O ministério Evangelístico também oferece programas de recuperação familiar e recuperação de dependência química, além de auxiliar ex-detentos, quando as sentenças são concluídas, em um processo de reintegração na sociedade, ajudando na busca por emprego, moradia e cursos profissionalizantes.

“Continuamos nosso relacionamento com os ex-presidiários para fornecer suporte contínuo. Voluntários da igreja local os encontram na saída da prisão e ficam conectados nas próximas semanas, atendendo a necessidades práticas como moradia, mantimentos, tratamento médico, aconselhamento, treinamento em habilidades para a vida e muito mais”, diz nota no site do ministério.

Leia mais:  Eleições 2020: cresce em 34% o número de candidatos evangélicos
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana