conecte-se conosco


Medicina e Saúde

A importância do índice glicêmico dos alimentos

Publicado

O índice glicêmico dos alimentos é uma medida interessante de conhecer se quisermos seguir uma dieta saudável. Vamos explicar o que ele é e como usá-lo a nosso favor.

Ao desenvolver uma estratégia nutricional, existem muitos conceitos que podem ser complexos. O índice glicêmico dos alimentos é um dos mais importantes, embora nem todos saibam do que se trata. Vamos explicar os dados mais importantes sobre ele!

Embora muitas vezes haja a tentativa de simplificar a nutrição em uma distribuição de macronutrientes, tais como carboidratos, proteínas ou gorduras, existem outros componentes que muitas vezes não levamos em consideração e que podem determinar o sucesso de uma dieta.

Este é o caso do índice glicêmico que, embora não seja um macronutriente, mas sim uma medida bioquímica, representa um conceito muito importante na nutrição e até mesmo para a prevenção de doenças.

Índice glicêmico: fisiologia da absorção de carboidratos

O índice glicêmico é uma medida da resposta glicêmica do organismo após a ingestão de um alimento que contenha carboidratos. Para entender essa frase, é conveniente esclarecer alguns conceitos muito simples sobre a digestão e a absorção dos carboidratos:

  1. O alimento é ingerido. Ao contrário de outros macronutrientes, os carboidratos começam a ser digeridos na boca, graças a certas enzimas chamadas amilases, presentes na saliva.
  2. O bolo alimentar passa pelo esôfago até chegar ao estômago, onde ocorre a fase mais importante da digestão. Os carboidratos são quebrados em moléculas menores que são facilmente absorvidas pelo intestino delgado.
  3. Finalmente, as moléculas menores são as de glicose, que é transportada para o sangue graças a transportadores específicos presentes nas vilosidades intestinais. A glicose no sangue precisa da insulina para entrar nas células do corpo, de modo que a entrada de glicose no sangue a partir do intestino estimula a secreção de insulina.

O índice glicêmico dos alimentos é uma medida indireta da velocidade de digestão e absorção daqueles que contêm carboidratos. Um índice glicêmico mais alto indica um pico mais alto de glicose no sangue após a ingestão, de modo que este alimento é digerido e absorvido rapidamente.

A importância do índice glicêmico dos alimentos

Índice glicêmico alto ou baixo: o que é melhor?

Como vimos, um alimento com alto índice glicêmico é digerido rapidamente e a glicose passa para o sangue quase instantaneamente. A presença de altos picos de glicose vai estimular o pâncreas, que secretará grandes quantidades de insulina para que essa glicose seja introduzida nas células do corpo.

Devemos ter em mente que níveis elevados de glicose no sangue mantidos ao longo do tempo podem ser tóxicos para o corpo, de modo que a função do pâncreas, ao secretar a insulina, é essencial.

Consumir alimentos com alto índice glicêmico não é necessariamente ruim. No entanto, um estudo publicado no The American Journal of Clinical Nutrition afirma que uma dieta baseada neste tipo de alimento pode colocar o pâncreas em uma situação de estresse crônico, o que levaria a estados patológicos como o diabetes ou a síndrome metabólica.

Isso ocorre porque o pâncreas acaba perdendo a sensibilidade aos altos níveis de glicose porque se acostuma com eles ou até mesmo porque, diante do estresse, ele não é capaz de produzir insulina suficiente.

Carboidratos simples e complexos

Certamente, todos que já leram sobre nutrição já viram esses conceitos. Os carboidratos podem ser classificados em simples ou complexos, e isso é determinado pelo seu índice glicêmico.

  • Os carboidratos simples são aqueles que são rapidamente digeridos e absorvidos após a sua ingestão. Eles geram altos níveis de glicose no sangue e estimulam a secreção de grandes quantidades de insulina. Um exemplo desse tipo de alimento é o pão branco ou o açúcar.
  • Os carboidratos complexos, por outro lado, são mais difíceis de digerir. Isso ocorre porque eles geralmente têm um componente vegetal e é necessário mais tempo para quebrar as ligações entre os diferentes carboidratos. Por isso, eles são absorvidos de forma mais progressiva e não geram altos picos de glicose no sangue. Como exemplo, encontramos os alimentos integrais, as leguminosas ou os vegetais.
A importância do índice glicêmico dos alimentos

Assim, como podemos perceber, é muito mais benéfico para a saúde optar por baixos índices glicêmicos, presentes nos carboidratos complexos.

Os carboidratos complexos, por levarem mais tempo para serem digeridos e por não gerarem picos de glicose ou insulina, produzem uma maior sensação de saciedade. Esta é uma ótima ferramenta se tivermos como objetivo a redução do percentual de gordura.

Consuma mais alimentos com baixo índice glicêmico!

Verificar o índice glicêmico dos alimentos consumidos com frequência é extremamente conveniente. Se o seu índice for alto, é aconselhável substituí-los por outros de índice menor. Desta forma, não só vamos nos manter saudáveis, como também vamos nos sentir saciados por mais tempo e teremos um corpo mais saudável e esbelto.

Leia mais:  Setembro Verde: Sesa inicia campanha de conscientização sobre doação de órgãos
publicidade

Medicina e Saúde

Óculos reduzem em 3 vezes chance de contrair covid, afirma estudo

Publicado

Pesquisa comprovou que acessório funciona como barreira; médica alerta que uso só deve ser feito se houver necessidade

Pessoas que usam óculos têm três vezes menos chance de serem contaminadas pelo novo coronavírus, de acordo com um estudo realizado na Índia pelo oftalmologista Amit Kumar Saxena e publicado na plataforma medRxiv.

A entrada do SARS-CoV-2 no organismo acontece por meio da secreção contaminada, que pode entrar por meio dos olhos ou quando a região é tocada com as mãos contaminadas, por exemplo, segundo a infectologista Claudia Maekawa Maruyama.

“O uso dos óculos pode sim servir como uma barreira, tanto que é obrigatório o uso de proteção ocular em alguns procedimentos médicos”, afirma a especialista.

A pesquisa, que ainda não foi revisada por outros cientistas, foi realizada entre 26 de agosto e 8 de setembro de 2020 e analisou 304 pacientes de um hospital em Kanpur Dehat, distrito do norte da Índia, que já haviam sido diagnosticados com a covid-19. O risco de contágio foi calculado em relação às pessoas que usavam óculos, bem como às que não usavam. O comportamento de uso do acessório foi avaliado por meio de um questionário.

O resultado mostrou que entre os 58 pacientes que tinham o hábito de usar óculos continuamente durante o dia e sempre em atividades ao ar livre, o risco de contrair o SARS-CoV-2 era de 0,48, e de 1,35 em relação às pessoas que não usavam.

“O risco foi de 2 a 3 vezes menor na população que usa óculos do que na população que não usa. O papel protetor dos óculos foi considerado estatisticamente significativo, se aqueles fossem usados ​​por um longo período do dia (mais de 8 horas)”, diz a publicação.

Apesar disso, Claudia ressalta que o uso do óculos não é obrigatório no dia a dia caso não haja a necessidade para melhorar a visão. “A máscara e o distanciamento já são suficientes para impedir a entrada do vírus”, afirma. 

Leia mais:  Endometriose: calor pode aumentar o inchaço abdominal
Continue lendo

Medicina e Saúde

Idosos com 80 anos ou mais já podem agendar vacina em Vitória a partir desta quinta-feira

Publicado

Em Vila Velha e Cariacica, o agendamento deve começar na próxima segunda. Já na Serra, o agendamento será aberto assim que as doses chegarem

O agendamento online para vacinar idosos de 80 anos ou mais e trabalhadores ativos da saúde, começa nesta quinta-feira (24), a partir das 14h, em Vitória. De acordo com a Secretaria de Saúde no município  a vacinação do novo grupo já acontece na sexta-feira (26).

Já os idosos serão vacinados na Igreja Batista de Jardim da Penha, no Centro de Celebração de Jardim Camburi e nas unidades de saúde dos bairros Andorinhas, Do Quadro, República, Consolação, Alagoano, Fonte Grande, Grande Vitória, Ilha das Caieiras, Jabour, Maria Ortiz, Resistência, Santa Luiza, Santa Martha, Santo André e São Cristóvão. Os idosos acamados ou restritos ao leito serão vacinados em casa.

Os trabalhadores da saúde serão imunizados nas unidades de saúde dos bairros Conquista, Forte São João, Ilha de Santa Maria, Jardim Camburi, Maruípe, Praia do Suá, Santo Antônio e Centro.

VILA VELHA
Em Vila Velha, o agendamento da vacinação para idosos de 80 a 84 anos e dos profissionais da saúde ativos, será aberto na próxima segunda-feira (1), e a aplicação começa um dia depois, na terça (2). 

Uma cerimônia, realizada nesta quinta-feira (25), marcou o início da imunização para o novo grupo.  A vacinação para mais essa parcela foi possível com a chegada das 61 mil doses de vacina da AstraZeneca/Oxford e Coronavac (Sinovac/Butantan). Com isso, será concluída a imunização dos idosos de 85 a 89 anos e também iniciada a vacinação de 24% dos idosos com 80 a 84 e 8% dos profissionais da saúde.  

SERRA
Na Serra, a secretaria de Saúde informou que o Governo do Estado sinalizou a distribuição aos municípios de vacinas contra a covid-19 para esta quinta (25) e sexta-feira (26), e assim que as doses chegarem, será aberto o agendamento online. 

Segundo determinação do Ministério da Saúde, essas doses se destinam à complementação da imunização com a primeira e segunda doses dos grupos de profissionais de saúde e de idosos com idade acima de 85 e para iniciar a ampliação da primeira dose em idosos maiores de 80 anos. 

CARIACICA
Com as novas doses que o município irá receber, a Secretaria Municipal de Saúde (Semus) irá ampliar o público a ser vacinado, iniciando a faixa etária de 80-84. A previsão é de que na próxima segunda-feira sejam abertas novas vagas para agendamento, já contemplando esse público. O agendamento deve ser pelo site vacina.cariacica.es.gov.br. 

VIANA
No município de Viana, a vacinação já está adiantada. Nesta quinta-feira (25), o município começa a imunizar idosos com idade entre 75 e 79 anos. 

Leia mais:  135 mil brasileiros vivem com HIV sem saber, diz ministério
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana