conecte-se conosco


Política e Governo

Apresentação de Coral de internos com Banda da PM encanta no Palácio Anchieta

Publicado

Dando início às festividades de fim de ano, o coral “Vozes em Busca da Liberdade”, formado por internos do sistema prisional, se apresentou no Salão São Tiago no Palácio Anchieta, em Vitória, no início da noite desta sexta-feira (06). Cerca de 40 apenados dividiram o palco com a Banda da Polícia Militar e entoaram canções natalinas, além de músicas populares. O governador Renato Casagrande e a vice-governadora Jaqueline Morais também estiveram presentes.

O evento foi realizado pela Secretaria da Justiça (Sejus), com apoio do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES), da Comissão em Defesa da Vida da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Espírito Santo (OAB-ES), do Conselho Estadual de Igrejas (CEIGEVES) e da Associação de Pastores de Vitória (APEV).

Durante a abertura do evento, o governador Casagrande tratou a cultura como um fator de grande contribuição para o processo de ressocialização. “Quem tem condições e capacidade de cantar, de tocar um instrumento, ajuda na melhora de um ambiente como o sistema prisional”, comentou.

Leia mais:  Governador anuncia suspensão das aulas da Rede Estadual a partir desta terça (17)

Coral Vozes em Busca da Liberdade

O coral foi criado em abril pela Igreja Adventista Área Sul. Ele é formado por internos das seguintes unidades prisionais: Centro de Detenção Provisória de Cachoeiro de Itapemirim (CDPCI), Centro Prisional Feminino de Cachoeiro de Itapemirim (CPFCI), Penitenciária Regional de Cachoeiro de Itapemirim (PRCI), Penitenciária Semiaberta de Cariacica (PSC), Penitenciária de Segurança Máxima 1 (PSMA 1), Centro de Detenção Provisória de Viana 2 (CDPV2) e Penitenciária Estadual de Vila Velha 5 (PEVV 5).

A subsecretária de Ressocialização da Sejus, Roberta Ferraz, explica que o projeto faz parte das ações do Grupo de Trabalho Interconfessional do Sistema Prisional (Ginter) da Secretaria, que realiza trabalho socioespiritual de forma voluntária nas unidades prisionais do Estado:

“Essa apresentação de hoje é motivo de orgulho para nós. Ao trazer os internos para se apresentarem no Palácio Anchieta, junto com policiais militares, com o apoio de órgãos e instituições que acompanham o trabalho desenvolvido pela Sejus estamos demonstrando a todos do sistema prisional que a sua reintegração social é possível. Estamos trabalhando para diminuir o estigma e o preconceito contra o interno e os egressos, criando oportunidades para sua qualificação e ocupação. Foi uma bela apresentação que certamente irá ajudar a perspectiva desses internos e de seus familiares”, afirmou a subsecretária.

Leia mais:  Centro de Operações Estratégicas elabora plano para conter coronavírus no ES

O coral demonstra as ações de políticas criminais desenvolvidas pelo Governo do Estado em parceria com as instituições que atuam na efetivação da execução da pena e alcance da sua função social como fator de reintegração da pessoa humana em privação da liberdade.

publicidade

Política e Governo

Ramalho decide disputar a Câmara Federal

Publicado

Após ser rifado pelo partido na disputa do Senado e ter desabafado que o “sistema” tinha retirado o seu sonho, o ex-secretário da Segurança Pública Coronel Alexandre Ramalho (Podemos) vai disputar uma vaga de deputado federal. Ele vai se somar à chapa que já tem o ex-prefeito Gilson Daniel e o vice-prefeito de Vila Velha, Victor Linhalis, entre outros.

A decisão foi divulgada em nota na tarde desta quinta-feira (11), por sua assessoria. O comunicado diz que a homologação da candidatura foi deferida pelo prefeito de Viana, Wanderson Bueno, que representou a Executiva estadual.

Nos bastidores, a ida de Ramalho para a chapa federal do Podemos dá mais tranquilidade aos candidatos que temiam não alcançar nenhuma das 10 vagas. Agora, os cálculos dão conta da possibilidade de conquistar até duas cadeiras, segundo analistas políticos. O Podemos faz parte da base aliada do governo e vai apoiar a senadora Rose de Freitas (MDB) à reeleição.

Leia a nota na íntegra:

“Nesta quinta-feira (11), após refletir sobre a negativa da homologação da sua candidatura ao Senado, o Coronel Ramalho, ex-secretário de Segurança Pública e Defesa Social do Espírito Santo, decidiu continuar na disputa eleitoral de 2022, agora como candidato a deputado federal.

Sua candidatura foi homologada pelo prefeito de Viana, Wanderson Bueno, que representou a Executiva estadual do Podemos, que também o orientou e motivou a permanecer com seu nome à disposição da sociedade capixaba.

A decisão foi tomada após ouvir sua família, amigos e principalmente as pessoas que o incentivaram a continuar lutando por uma vaga no Congresso Nacional. A deliberação final foi pautada ainda na possibilidade concreta de ser o único candidato com experiência e propostas efetivas no campo da segurança pública.

Ramalho continuará defendendo a modernização e adequação da Legislação Penal Brasileira, que no seu entender, não atende aos anseios dos operadores de segurança pública e das famílias brasileiras, que sofrem nas mãos dos criminosos e não são devidamente alcançados e punidos”.

Leia mais:  Novo Terminal de Itaparica é entregue à população nesta sexta-feira (22)
Continue lendo

Política e Governo

Profissionais da Educação do ES vão receber bônus de até um salário a mais este mês

Publicado

Segundo a Sedu, recebem o Bônus Desempenho todos os profissionais da Educação (efetivos, comissionados e de Designação Temporária)

Conforme divulgado pelo governador do Estado, Renato Casagrande, por meio das redes sociais, nesta quarta-feira (10), o “bônus desempenho”, benefício pago aos profissionais ativos da educação, referente ao exercício de 2021, será pago na folha de pagamento de agosto deste ano.

Sobre o assunto, a Secretaria de Educação (Sedu) informou, em nota, que a concessão do bônus por desempenho para profissionais ativos da Educação é um direito e um reconhecimento do trabalho dos professores e servidores, regulamentado pela Lei Complementar nº 504 e pelo Decreto nº 2761-R, alterado pelo Decreto 3949-R e Lei Complementar 887, que concede aos profissionais ativos no âmbito da Secretaria da Educação (Sedu), sendo que o período de avaliação é de acordo com o calendário escolar.

Leia mais:  Governador Renato Casagrande confirma agenda nesta quarta-feira em Pedro Canário

Também segundo a Sedu, recebem o Bônus Desempenho todos os profissionais da Educação (efetivos, comissionados e de Designação Temporária). Ao todo, serão beneficiados 12.975 profissionais neste ano.

A bonificação é concedida anualmente aos profissionais que atuam em escolas e outras unidades da Sedu e é calculada com base em indicadores coletivos e individuais. Desse modo, o profissional pode receber até um salário a mais, conforme os resultados apurados pela unidade de ensino onde exerce suas funções.

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana