conecte-se conosco


Segurança

Armas apreendidas poderão ir para a polícia

Publicado

PL sugere que armamento detido em ações seja destinado às Polícias Civil, Militar e Técnico-Científica

Visando economizar com o custeio de armamentos, peças e munições, o Projeto de Lei (PL) 744/2019, de autoria do deputado Dr. Rafael Favatto (Patri), propõe a incorporação ao patrimônio das Polícias Civil, Militar e Técnico-Científica armas apreendidas em ações realizadas pela Polícia Militar e Civil.

Atualmente, de acordo com o parágrafo 1º do Artigo 25 da Lei Federal 10.826/2003, as armas apreendidas no território nacional devem ser encaminhadas pela Justiça ao Comando do Exército e este decide o destino delas, doando ou destruindo os armamentos.

O deputado Favatto propõe que o arsenal apreendido seja requerido junto ao Exército pela Polícia Militar, Civil e Técnico-Científica, por meio da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Sesp), para ser utilizada pelas corporações.

Dr. Rafael Favatto

Atualmente essas armas são encaminhadas pela Justiça para o Comando do Exército

Favatto argumenta que para o alto índice de criminalidade também contribui a escassez de equipamentos, “segundo pesquisas e análises dos profissionais de segurança pública, se revelam na falta de equipamentos públicos, derivada da escassez de recursos”.

Leia mais:  Cafés misturados até com milho são apreendidos em supermercados do ES

Por outro lado, o autor considera também os “efeitos educacionais e sociais, pois têm o condão de alterar a forma de pensar dos líderes das organizações criminosas caso tenham conhecimento que os armamentos e munições apreendidas eventualmente serão utilizados contra os próprios criminosos”, justifica.

Tramitação
A matéria receberá a análise das comissões de Justiça; Combate ao Crime Organizado e Finanças.

publicidade

Segurança

Sem CNH e bêbado, motociclista armado cai em vala e acaba preso no interior do ES

Publicado

Polícia recebeu denúncias de que o homem estava andando armado e tinha envolvimento com o tráfico de drogas

Um motociclista embriagado foi preso após cair em uma vala da estrada que liga Ecoporanga à zona rural do município. Contra o suspeito, segundo a polícia, havia denúncias de que ele estava andando armado e que tinha envolvimento com o tráfico de drogas.

A Polícia Militar foi acionada na madrugada nesta madrugada e esteve no local do acidente. Com o suspeito, os militares encontram uma garrucha calibre 22 com uma munição intacta na cintura do rapaz.

Um motociclista embriagado foi preso após cair em uma vala da estrada que liga Ecoporanga à zona rural do município. Contra o suspeito, segundo a polícia, havia denúncias de que ele estava andando armado e que tinha envolvimento com o tráfico de drogas.

A Polícia Militar foi acionada na madrugada de segunda-feira (16) e esteve no local do acidente. Com o suspeito, os militares encontram uma garrucha calibre 22 com uma munição intacta na cintura do rapaz.

Leia mais:  Corpo de adolescente que desapareceu em praia de Itaparica é encontrado

A Polícia Civil informou que o suspeito, de 39 anos, foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma de fogo e, como não pagou a fiança arbitrada pelo delegado de plantão, foi encaminhado ao Centro de Detenção Provisória de São Domingos do Norte.

Continue lendo

Segurança

Sargento da PM é baleado durante tentativa de assalto

Publicado

O sargento foi socorrido para um hospital de Vitória. Ele precisou passar por uma cirurgia, já que o tiro atingiu a artéria femoral

Um sargento da Polícia Militar de 49 anos ficou ferido ao reagir a um assalto, na rua Valdemar Versoza Pitanga, em Itapoã, Vila Velha. Ele seguia para a academia com a esposa, quando foi abordado por um suspeito de bicicleta.

O crime aconteceu por volta das 6h15 desta segunda-feira (16). O suspeito abordou o casal no meio da rua. O militar teria reagido, abaixando a arma do suspeito, e foi baleado pelo criminoso.

O sargento foi socorrido em uma ambulância para um hospital de Vitória. Ele precisou passar por uma cirurgia, já que o tiro atingiu a artéria femoral, mas passa bem. 

Após disparar contra o policial, o suspeito, que utilizava uma pistola ponto 40, fugiu do local. Em nota, a Polícia Civil informou que ocorrência está em andamento no plantão vigente do Departamento Especializado de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

“Somente após a finalização das diligências, que ainda estão em andamento, teremos informações do caso e se há detidos”, diz a nota. 

Leia mais:  Coletores encontram restos mortais dentro de lixo e acionam a polícia em Vila Velha

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana