conecte-se conosco


Cidades

Artesãos da bacia do rio Doce levam arte capixaba à 30ª Feira Nacional de Artesanato

Publicado

Importante oportunidade de negócios, exposição é a maior da América Latina e será realizada em Belo Horizonte (MG) até o dia 8

Artesãos de sete comunidades atingidas pelo rompimento da barragem de Fundão em Mariana (MG), em 2015, terão a oportunidade de expor e comercializar seus produtos na 30ª Feira Nacional de Artesanato, que acontece entre os dias 3 e 8 de dezembro, no Expominas, em Belo Horizonte.

Ao todo, 26 representantes de 12 grupos de artesanato, sendo sete de Minas Gerais e cinco do Espírito Santo, apresentarão seus produtos no evento, dentre eles bordados, crochês, pinturas, peças de decoração e doces artesanais. Da bacia do rio Doce, na porção capixaba, os representantes serão dos municípios de Aracruz, Regência, Povoação e Baixo Guandu, com destaque para o artesanato indígena.

Os grupos apresentarão os trabalhos em um estande coletivo, onde também será mostrada toda a trajetória do processo de reparação e da retomada de atividade das comunidades. Esse é um trabalho feito por meio de capacitações, investimentos, desenvolvimento de marca e produtos, abertura de novos mercados, entre outras ações apoiadas pela área de Economia e Inovação da Fundação Renova.

O Grupo Arte (Associação dos Artesãos e Assemelhados de Regência e Região) também estará presente no evento. Para a artesã Claldenisia Correia, a oportunidade será de aprendizado. “A ida à feira nos proporcionará o conhecimento do mercado. Lá, poderemos ver o que o temos de novo. Esperemos que nossa participação possa nos acrescentar e que nossas vendas sejam um sucesso”, diz.

Para o especialista em Economia e Inovação da Fundação Renova, Roberto Ruggeri, a experiência é uma oportunidade de promover as manifestações culturais dos dois Estados para visitantes do Brasil e do mundo. “Além da exposição e comercialização dos produtos, a ideia é proporcionar a convivência entre os grupos. Assim, há uma troca de conhecimentos acerca de necessidades, demandas, oportunidades de mercado. Com o evento, eles conhecem outros expositores, firmam parcerias e evoluem profissionalmente”, diz.

A expositora Andreia Luiza Tolentins Vasconcelos, do grupo Casa das Artes de Mariana, ressalta a importância da participação na 30ª Feira Nacional: “Levaremos bordados em rechilie, bordado livre, flores de crochê. Mas também levaremos, com o nosso artesanato, o nome da cidade para conhecimento de toda Minas Gerais e também de outros Estados. Assim, esperamos fazer contato com comerciantes para a revenda de nossos produtos, o que é importante para o nosso desenvolvimento e crescimento”, explica.

Serviço – 30ª Feira Nacional de Artesanato
Data
: de 3 a 8 de dezembro

Local: Expominas — Avenida Amazonas, 6.200, bairro Gameleira, Belo Horizonte – MG
Informaçõeswww.feiranacionaldeartesanato.com.br

 

Sobre a Feira Nacional de Artesanato

A Feira Nacional de Artesanato é o maior evento do gênero em toda a América Latina e comemora, em 2019, 30 anos de realização em Belo Horizonte. Além de beneficiar diretamente milhares de pessoas, a feira possibilita conhecer a diversidade do artesanato brasileiro e tem como premissa a valorização do cenário artístico local.

Workshops, cursos e oficinas demonstrativas, incluindo as que utilizam materiais descartados na Feira Nacional de 2018 também farão parte do evento neste ano. Os visitantes ainda poderão aproveitar, gratuitamente, shows e apresentações culturais.

Leia mais:  Sistema indenizatório para casos de difícil comprovação é ampliado em municípios do ES
publicidade

Cidades

Banestes promove uso seguro da internet em apoio à Semana da Segurança Digital

Publicado

Iniciativa da Federação Brasileira de Bancos visa instruir a população sobre como se prevenir dos golpes digitais mais recorrentes.

Na próxima segunda-feira (25), terá início mais uma edição da Semana da Segurança Digital. A campanha da Federação Brasileira de Bancos (Febraban) busca promover a conscientização da sociedade para o uso dos canais digitais de forma segura e, para isso, conta com a colaboração das instituições bancárias.

Assim como nas edições anteriores, o Banco do Estado do Espírito Santo (Banestes) aderiu à campanha, que ocorre entre os dias 25 e 29 de outubro. O objetivo é atuar ativamente na disseminação de informações que instruam funcionários e clientes sobre como se prevenir dos golpes e fraudes mais recorrentes no ambiente digital.

O Banestes investe em segurança continuamente e atua com agilidade e eficácia na resposta aos ataques. Segundo o diretor de Riscos e Controle do Banestes, Carlos Artur Hauschild, o Banco “derruba” mensalmente cerca de 30 páginas falsas, criadas por criminosos para aplicar golpes, e orienta aos clientes para que identifiquem contatos suspeitos.

“É importante que os clientes estejam atentos e lembrem que os dados bancários são pessoais e intransferíveis. O Banestes nunca realiza contato para pedir informações sigilosas ou solicita que o cliente acesse um link e forneça suas credenciais“, ressaltou Hauschild.

Caso receba uma ligação afirmando ser do banco, o Banestes recomenda que o cliente utilize outra linha para contatar a Central de Atendimento, que atende pelo 0800 727 0474, ou a agência de relacionamento. Os telefones das agências podem ser consultados pelo link “Rede de Agências”, no rodapé no site oficial www.banestes.com.br.

Hauschild reforçou ainda que, caso seja vítima desse tipo de crime, é fundamental que o usuário proceda com agilidade. “Ao tomar ciência do golpe, imediatamente registre um boletim de ocorrência e comunique à agência o ocorrido. Quanto mais rápido o incidente for relatado, maiores são as chances de reaver o valor roubado”, orientou.

Para transmitir mais informações sobre prevenção a golpes digitais, no período da campanha, a Febraban irá promover uma live com o tema “Fraudes e Golpes”. Mais detalhes sobre o evento serão divulgados pela Febraban.

Todas as dicas antigolpes e alertas sobre os golpes mais comuns estão disponíveis em https://antifraudes.febraban.org.br/. Mais conteúdos sobre segurança digital são postados de forma rotineira nas redes sociais oficiais do Banestes: Facebook, LinkedIn, Instagram e Twitter.

A população pode aderir à Semana da Segurança Digital compartilhando as postagens e materiais divulgados com a hashtag #SemanadaSegurançaDigital.

Semana da Segurança Digital 2021:

  • De 25 a 29/10/2021.
  • Informações completas em https://antifraudes.febraban.org.br/.
  • Conteúdos sobre prevenção a golpes são postados de forma rotineira nas redes sociais oficiais do Banestes: Facebook, LinkedIn, Instagram e Twitter. Siga para acompanhar.
  • Compartilhe com a hashtag: #SemanadaSegurançaDigital.

Leia mais:  Saiba quantas doses da vacina contra a covid-19 cada região do ES recebeu
Continue lendo

Cidades

Detran chama atenção para e-mails falsos em nome do órgão

Publicado

O Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran|ES) alerta que não envia informes ou notificações de infrações por e-mail. O órgão esclarece que utiliza correspondências enviadas pelos Correios, ou mensagens via SMS ou aplicativo para aqueles condutores e proprietários de veículos que utilizam o aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT) e orienta que, diante de e-mails supostamente enviados pelo Detran|ES, o cidadão não acesse links ou abra arquivos contidos nas mensagens. 

Serviços on-line   

O DETRAN|ES disponibiliza no seu site www.detran.es.gov.br informações sobre infrações, veículos e Habilitação. Em caso de dúvida, o cidadão pode acessar o site e verificar os seus dados clicando nos banners das áreas na página principal e nos serviços listados. 

Para consultar informações sobre o veículo, o proprietário deve acessar o serviço ‘Consulta de veículo’ (https://publicodetran.es.gov.br/ConsultaVeiculo/NovoConsultaVeiculoES.asp) e informar a placa e o RENAVAM. Na página, consta o dossiê do veículo, débitos, infrações, registradas, recursos, inclusive se há restrições no veículo ou processos em andamento. 

As infrações registradas por condutor estão disponíveis no serviço o ‘Consulta de pontuação’ (https://renach2.es.gov.br/Penalidade/Publico/pub_consulta_pontuacao.aspx). O condutor deverá informar os dados solicitados, que constam em sua CNH, para ter acesso às infrações registradas e pontuação. 

Para aqueles que realizaram algum serviço relacionado à habilitação, como obtenção da primeira Habilitação, renovação ou segunda via da CNH, é possível acompanhar o andamento do processo e o código de rastreio do documento no ícone ‘Acompanhamento de Processos de CNH’ (https://detran.es.gov.br/habilitacao/servicos-online). 

É necessário fazer o cadastro no portal Acesso Cidadão, caso ainda não tenha. No caso de algum desses processos, o cidadão com e-mail cadastrado no órgão poderá receber uma mensagem via e-mail do Portal de Serviços da SENATRAN (https://portalservicos.senatran.serpro.gov.br/#/) com os dados para que ele possa baixar sua CNH Digital no aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT). 

Leia mais:  Sedu oferta mais de nove mil vagas em Cursos Técnicos Integrados ao Ensino Médio para 2021
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana