conecte-se conosco


Cidades

Atendimento para indenização de pescadores é concluído em Patrimônio da Lagoa no ES

Publicado

Foram pagos mais de R$ 3,2 milhões em acordos de indenizações, realizados por meio de atendimentos remotos

Os atendimentos de indenização de pescadores profissionais e não-regularizados da comunidade de Patrimônio da Lagoa, em Sooretama, foram concluídos em fevereiro deste ano. Foram pagos cerca de R$ 3,2 milhões em indenizações. Todo o processo foi realizado por meio de atendimentos remotos.

Ao todo, foram atendidos 73 pescadores profissionais ou pescadores comerciais não regularizados nas categorias: dono de embarcação a motor, dono de embarcação a remo, parceiro de pesca de embarcação a motor. Desses, 63 acordos foram firmados e 61 atingidos já receberam o pagamento. A indenização inclui o pagamento de lucros cessantes, Auxílio Financeiro Emergencial (AFE), além de dano moral conforme a categoria.

Todo o processo de acordo coletivo foi acompanhado e mediado pela Defensoria Pública do Estado do Espírito Santo (DPES) e com ciência da Câmara Técnica de Organização Social (CTOS). A política indenizatória do Programa de Indenização Mediada (PIM) da Fundação Renova foi apresentada e aprovada pela comunidade em fevereiro de 2020.

Em meio ao avanço do novo coronavírus no país, a Fundação Renova adotou o atendimento à distância na comunidade, em julho de 2020, para dar continuidade aos acordos de indenização. As ferramentas de e-mail, WhatsApp e videoconferência foram utilizadas como auxiliares para a análise de elegibilidade à indenização. Além disso, um aplicativo foi especialmente desenvolvido para facilitar o envio de informações de marcações de embarcação. 

Até janeiro de 2021, a Fundação Renova destinou R$ 11,89 bilhões para as ações integradas de recuperação e compensação em toda a calha do rio Doce. Cerca de R$ 3,26 bilhões foram pagos em indenizações e auxílios financeiros emergenciais para aproximadamente 320 mil pessoas. Em 2021, deverão ser pagos mais de R$ 2 bilhões em indenizações e auxílios financeiros, fazendo com que o total ultrapasse os R$ 5 bilhões. 

Sobre a Fundação Renova

A Fundação Renova é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos, constituída com o exclusivo propósito de gerir e executar os programas e ações de reparação e compensação dos danos causados pelo rompimento da barragem de Fundão.

A Fundação foi instituída por meio de um Termo de Transação e de Ajustamento de Conduta (TTAC), assinado entre Samarco, suas acionistas Vale e BHP, os governos federal e dos estados de Minas Gerais e do Espírito Santo, além de uma série de autarquias, fundações e institutos (como Ibama, Instituto Chico Mendes, Agência Nacional de Águas, Instituto Estadual de Florestas, Funai, Secretarias de Meio Ambiente, dentre outros), em março de 2016.

Leia mais:  Prorrogadas as inscrições para o edital de projeto de criação de abelhas sem ferrão no ES
publicidade

Cidades

Adolescente é resgatado de helicóptero após ter pulmão perfurado por galho de árvore

Publicado

O menino e o pai faziam a poda de uma árvore no sítio da família, em Laranja da Terra, interior do Espírito Santo, quando o acidente aconteceu

Um adolescente de 16 anos foi resgatado por um helicóptero do Núcleo de Operações e Transporte Aéreo da Secretaria da Casa Militar (Notaer) após ser atingido por um galho de árvore e ter o pulmão perfurado e as costelas quebradas.

O acidente aconteceu na manhã deste sábado (23) em Laranja da Terra, interior do Estado. Em 25 minutos, a aeronave levou o menino para o Hospital São Lucas, em Vitória, onde ele está internado.

Eles preferiram não gravar entrevista, mas contaram que o adolescente e o pai acordaram cedo e foram cortar os galhos de uma árvore no sítio da família. Durante a poda, um galho caiu em cima do menino.

Segundo informações da polícia, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) fez os primeiros atendimentos ao adolescente e acionou o transporte aéreo logo em seguida.

O Major Pablo afirmou que acionar o Notaer reduziu o tempo de deslocamento até o hospital: “Um trajeto que uma ambulância demoraria entre 3 a 4 horas para realizar, o helicóptero fez em 25 minutos”.

Ainda segundo a família, as primeira informações da equipe médica do hospital são de que o menino está na chamada “sala de choque” para se recuperar do trauma.

Leia mais:  Prorrogadas as inscrições para o edital de projeto de criação de abelhas sem ferrão no ES
Continue lendo

Cidades

Carro vai parar embaixo de caminhão em Nova Venécia

Publicado

Neste sábado (23), por volta de 11h15min, um acidente foi registrado na rotatória da Avenida Guanabara, em Nova Venécia.

Um veículo, Fiat Strada HD WK, de cor prata, registrado em Vila Pavão, desceu o morro que fica ao lado do posto de gasolina e descontrolado bateu na carroceria de um caminhão.

Com o impacto, o para-choques que fica na traseira do caminhão foi arrancado.

No Fiat Strada estava apenas a motorista que sofreu ferimentos em uma das mãos.

Por sorte não havia ninguém no carona, parte que ficou completamente destruída.

A motorista do Fiat Strada, em estado de choque, não soube explicar o que aconteceu.

Leia mais:  Sistema Indenizatório Simplificado chega à comunidade de Degredo a partir de agosto 
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana