conecte-se conosco


Camisa 10

Atletas contemplados pelo Bolsa Atleta sobem ao pódio no final de semana

Publicado

O último fim de semana foi recheado de competições para os contemplados pelo programa Bolsa Atleta, da Secretaria de Esportes e Lazer (Sesport). Os esportistas fizeram bonito ao conquistarem medalhas em diversas modalidades. 

Uma das atletas que se destacou foi Eloisa Fernandes, do tiro esportivo, que disputou o Campeonato Brasileiro da modalidade, no Centro Militar, em Deodoro, Rio de Janeiro, no sábado (04) e domingo (05). A atleta conquistou três medalhas, duas de prata, na pistola mista de ar e pistola mista de 50 metros, e uma de bronze, na prova feminina de ar. 

Contemplada pelo Bolsa Atleta, a atleta viajou com o apoio do Compete Esportivo, programa que custeia as passagens aéreas para atletas e paratletas, e reforçou a importância desses benefícios para a manutenção da carreira.

“O Compete é um grande incentivo para que o atleta possa competir e lutar por melhores colocações. É uma oportunidade de estar sempre em ritmo de competição. Já o Bolsa Atleta, me possibilita treinar com tranquilidade e me manter no ranking nacional. Atualmente, estou entre as três melhores atletas do País em três das principais provas do tiro”, disse Eloisa Fernandes.

Outro contemplado pelo Bolsa Atleta que subiu ao pódio foi Marcos Vinícius Barcellos, que disputou o Campeonato Brasileiro de Paratriathlon, em Brasília, no domingo (05), e conquistou a terceira colocação geral na competição.

Além dos atletas citados, a equipe capixaba de Luta Olímpica disputou o Campeonato Brasileiro Regional, em Minas Gerais, terminando a competição com dez medalhas, sendo quatro de ouro, quatro de prata e duas de bronze.

Alana Oliveira (66 kg), Felipe Moreira (113 kg), Juliana Oliveira (61 kg) e Lúcia Helena Freitas (46 kg) faturaram o ouro; enquanto Ana Clara Arrais (62 kg), Erika Carvalho (56 kg) e Júlio Cândido (70 kg) ficaram com a prata. Por fim, Emanuel Cordeiro (50 kg), Nathan Coelho (58 kg) e Thiago Martins (73 kg) conquistaram as medalhas de bronze.

Boxe

Ainda no domingo (05), o Brasileiro de Boxe Masculino Elite, ao lado do 19º Campeonato Elite Feminino, teve início na cidade de Cuiabá, Mato Grosso. Os atletas capixabas já garantiram duas provas, com Ester dos Santos da Silva (57kg) e com Luiz Henrique da Cruz Nascimento (69kg). A competição termina no próximo domingo (12).

 

Leia mais:  "Ele não estava normal", diz Cuca sobre live em que Danilinho

Saiba mais sobre os programas

Neste ano, o Programa Bolsa Atleta está beneficiando 151 atletas e paratletas de alto rendimento, 30 a mais que no ano passado, alcançando um recorde no número de bolsas concedidas. O auxílio financeiro mensal varia de acordo com a categoria do atleta dentro do edital, sendo R$ 500 (estudantil), R$ 1.500 (nacional), R$ 2 mil (internacional) e R$ 4 mil (olímpico). O investimento total da Sesport no programa é de R$ 2,3 milhões.

O valor recebido pelo atleta pode ser utilizado para cobrir gastos com alimentação, assistência médica, odontológica, psicológica, nutricional e fisioterápica, medicamentos, suplementos alimentares, transporte urbano ou para participar de treinamentos e competições, além da aquisição de material esportivo.

Já o Compete Esportivo é um programa que custeia viagens de avião para que atletas e paratletas disputem competições nacionais e internacionais. A previsão da Secretaria de Esportes e Lazer para o edital 2021 é de um investimento de cerca de R$ 1,5 milhão em passagens aéreas, destinadas a esportistas de alto rendimento.

Até o momento, 293 passagens aéreas já foram emitidas pelo programa, beneficiando mais de 250 atletas e paratletas capixabas de diversas modalidades, entre elas taekwondo, vôlei, surf e judô. As passagens foram emitidas tanto para destinos dentro do Brasil (Brasília, São Paulo, Alagoas e Paraná) quanto para fora do País (Uruguai, Paraguai e Estados Unidos).

Leia mais:  Olimpíadas serão realizadas ‘com ou sem covid-19’, diz vice-presidente do COI
publicidade

Camisa 10

Negociação avança, e Michael fica mais perto de deixar o Flamengo

Publicado

Negociação avança, e Michael fica mais perto de deixar o Flamengo

O Flamengo tem em mãos, desde a última semana, uma proposta do Al Hilal, da Arábia Saudita, por Michael. Nesta terça-feira, a negociação entre as partes avançou e o atacante está próximo de deixar o clube da Gávea. A direção da Gávea já aceitou a oferta e, inclusive, comunicou o Goiás, que detém 5% dos direitos do atleta, sobre o acerto. Esse percentual é, justamente, um dos ajustes que faltam para a transferência ser concretizada.

Os direitos de Michael estão divididos da seguinte forma: 80% do Flamengo, 5% do Goiás e 15% do próprio atacante. A proposta do Al Hilal é de 8,25 milhões de dólares, cerca de R$ 45,6 milhões. O Rubro-Negro deseja receber um percentual superior aos 80% e está negociando com as partes envolvidas.

Procurado pela reportagem, o departamento de futebol do Flamengo não respondeu sobre o assunto até a publicação da matéria. Já o Goiás informou que “apoiará o negócio que for feito” pela direção do Rubro-Negro.

Para a temporada 2020, o Flamengo venceu a concorrência no mercado e, por 7,5 milhões de euros (R$ 34,5 milhões na cotação da época), tirou Michael do Goiás. O atacante, revelação do Brasileirão de 2019, tardou a se encaixar, passou pelas mãos de Jorge Jesus, Domènec Torrent, Rogério Ceni e Renato Gaúcho e só foi deslanchar do meio de 2021 para frente, encerrando o ano como um dos nomes mais decisivos do time, com 19 gols e dez assistências.

Leia mais:  Vasco pedirá exclusão do VAR na Série B e anulação do jogo contra o Brasil-RS
Continue lendo

Camisa 10

Capixaba Hugo Cibien participa da Mil Milhas Brasileiras em Interlagos

Publicado

Na virada do dia 22 de janeiro, de meia noite até meio dia, é disputada a corrida mais tradicional do automobilismo brasileiro

A corrida mais tradicional do país, a Mil Milhas Brasileiras, terá a participação do piloto capixaba Hugo Cibien. O atleta vai assumir o carro vencedor da edição do ano passado, o protótipo MRX 73 de Leandro Totti, da LT Team. A competição inicia na virada do dia 22 (sábado), à meia noite e segue até o dia 23 (domingo), finalizando por volta do meio dia.

Hugo, que esteve em 2021 competindo pela Imperio Endurance Brasil, com a equipe LT Team e os companheiros Guga Ghizo, Sarin Carlesso, Eduardo Souza e José Vilela irá reencontrá-la em Interlagos na próxima semana. 

“A Mil Milhas é uma prova muito difícil e muito tradicional aqui no Brasil. É excelente poder participar com companheiros da equipe de 2021”. Para a edição de 2022 as expectativas da LT Team estão altas. “Ano passado não participei das Mil Milhas, esse ano entro no carro vencedor da geral de 2021, substituindo o Leandro. A equipe está forte e temos muito mais competidores da Endurance Brasil na edição deste ano. A briga vai ser boa!”

Sobre a corrida

Criada em 1956, pelo piloto Wilson Fittipaldi pai, o “barão”, a corrida mais tradicional do automobilismo brasileiro, a Mil Milhas Brasileiras, é uma prova de longa duração que já esteve no calendário mundial do campeonato de Endurance, ao lado das 24h de Le Mans, e 6h de Spa Francorchamps.

Essa prova já foi conquistada por pilotos consagrados do automobilismo mundial, como Wilson Fittipaldi, Christian Fittipaldi, Nelson Piquet, Marc Gene, Chico Serra, Helio Castroneves, Ingo Hoffman, Chico Landi entre outros.

O Autódromo de Interlagos, em São Paulo, foi o principal cenário da corrida Mil Milhas Brasileiras. Porém, houve duas disputas fora de Interlagos: em 1997, no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Brasília, e em 1999, no Autódromo Internacional de Curitiba.

Leia mais:  Nova Venécia vence a Desportiva e conquista a classificação para as semifinais da Copa ES 2021
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana