conecte-se conosco


Camisa 10

Atlético-MG confirma chegada de Eduardo Vargas para assinar contrato até 2022

Publicado

Atacante chileno será o 11º reforço do técnico Jorge Sampaoli na temporada

Os últimos acertos foram definidos, e Eduardo Vargas será jogador do Atlético-MG pelos próximos dois anos. A negociação com o Tigres, do México, com quem o atacante tinha contrato até o fim do ano, foi concretizada pela diretoria do Galo. O ge apurou que o clube pagou um valor inferior a 2 milhões de dólares pela liberação do atleta. Além disso, com a chegada do chileno, o Atlético encerra o ciclo de contratações.

Eduardo Vargas é aguardado em Belo Horizonte neste sábado para a realização dos exames e, posteriormente, a assinatura do vínculo com o Atlético. Diante da iminente saída, o atacante já havia sido cortado da relação de convocados do Tigres para o duelo deste sábado contra o Atlas, pelo Campeonato Mexicano.

Vargas é mais um jogador avalizado pelo técnico argentino Jorge Sampaoli. Ele será o 11º reforço do treinador. Antes dele, foram contratados pelo Atlético na “era Sampaoli”: Léo Sena (emprestado ao Spezia, da Itália), Keno, Marrony, Bueno, Junior Alonso, Alan Franco, Mariano, Eduardo Sasha, Everson e Matías Zaracho. Em toda a temporada, contando o período pré-Sampaoli, o Atlético já anunciou 19 contratações.

Agora, o Galo conta com seis estrangeiros no grupo principal: Junior Alonso, Alan Franco, Savarino, Dylan Borrero, Matías Zaracho e Eduardo Vargas. Pelo regulamento do Campeonato Brasileiro, única competição que o clube ainda disputa na temporada, apenas cinco podem ser relacionados por jogo.

Vargas é velho conhecido de Jorge Sampaoli. Eles foram campeões da Copa Sul-Americana com a Universidad de Chile. Ainda sob o comando do argentino, mas na seleção chilena, o jogador foi campeão e artilheiro da Copa América de 2015.

No futebol brasileiro, Eduardo Vargas passou pelo Grêmio em 2013, quando disputou 37 partidas e marcou nove gols.

Características

Eduardo Vargas se encaixa no modelo de atacante pedido por Sampaoli à diretoria atleticana. O argentino deixou claro que queria contar com um jogador móvel, capaz de sair da área para participar do momento ofensivo da equipe.

Alguns centroavantes, considerados típicos “Camisas 9”, foram oferecidos ao treinador, que rejeitou e insistiu em nomes como o do chileno, que se encaixam melhor ao estilo de jogo que é proposto no Atlético.

Leia mais:  Corpo de jogador é achado sendo devorado por tubarões na Austrália
publicidade

Camisa 10

Globo coloca jogo do Flamengo para ‘barrar’ crescimento do SBT com Seleção Brasileira na Copa América

Publicado

O Flamengo foi peça chave na manobra da Globo para travar o crescimento do SBT com a transmissão do jogo da Seleção Brasileira contra a Venezuela, domingo, às 18h, pela abertura da Copa América. O confronto entre Fluminense e Bragantino, marcado anteriormente para às 16h do mesmo dia, sofreu alterações. Agora, a Globo irá transmitir Flamengo x América-MG no mesmo horário, enquanto o duelo do rival carioca passou para às 20h30.

Assim, para impedir que a emissora de Silvio Santos assuma a liderança em audiência com o jogo da Seleção pela competição sul-americana sediada no Brasil, o Grupo Globo espera criar larga vantagem ao assumir praças no Rio de Janeiro, Distrito Federal e estados da região Norte e Nordeste.

Já para o confronto entre Atlético-MG e São Paulo, às 16h, a Globo reservou os estados de São Paulo e Minas Gerais para exibir ao vivo o duelo. Grêmio x Athletico-PR vai ao ar para o Rio Grande do Sul.

Com a Seleção Brasileira entrando em campo próximo às 18h, a expectativa da rede carioca é diminuir a migração de audiência de torcedores que acompanhavam as partidas do Brasileirão para o SBT.

Leia mais:  Montevidéu será palco das finais da Libertadores e da Sul-Americana em 2021
Continue lendo

Camisa 10

Ex-atacante de Flamengo e Santos morre em acidente

Publicado

Segundo informações da Polícia Militar, o ex-jogador Diogo perdeu controle de sua moto e bateu em um poste. Ele iniciou sua carreira no Santos e passou pelo Flamengo em 2004. Seu último time foi o Grêmio Maringá

O ex-jogador Diogo, 38 anos, que teve passagem pelo Flamengo e pela base do Santos, morreu na noite desta quarta-feira, em um acidente de moto, na cidade de Maringá, no norte do Paraná.

Segundo informações da Polícia Militar de Maringá, Diogo estava dirigindo uma moto, quando perdeu o controle e bateu em um poste de energia elétrica. Ele teve traumatismo craniano, não resistiu aos ferimentos e morreu na hora.

Diogo jogou pelo Teófilo Otoni, de Minas Gerais — Foto: Divulgação

A morte do jogador foi lamentada pelo Flamengo, em suas redes oficiais. O ex-jogador atuou pelo time em 2004 e é lembrado pela torcida flamenguista por conta de seu primeiro jogo vestindo a camisa rubro-negra, contra o CRB, pela Copa do Brasil. Ele começou nas categorias de base Santos e não chegou a jogar pelo profissional. Depois passou por diversos clubes do Brasil e seu último time foi o Grêmio Maringá, em 2017.

Leia mais:  Fred inicia percurso de bicicleta até o Rio, para se apresentar no Flu
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana