conecte-se conosco


Cidades

Chuva diminui área atingida pela seca no Espírito Santo

Publicado

O volume acumulado de chuva no início deste ano contribuiu para a redução da seca no Espírito Santo. As informações foram constatadas pela Coordenação de Meteorologia do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper). De acordo com a última atualização do Monitor de Secas, a chuva inicialmente ficou concentrada na faixa litorânea do Estado. Só entre dezembro e janeiro é que a precipitação começou a se espalhar para outras regiões capixabas.

“Os municípios, principalmente da região noroeste do Estado, estavam enfrentando graves problemas socioeconômicos e ambientais por causa da seca: perda da produção, conflito pelo uso da água… São Roque do Canaã, por exemplo, chegou a fazer racionamento. Esta região não sofreu com a forte chuva. Os municípios sentiram os efeitos secundários, como a cheia do Rio Doce e de outros mananciais, mas não foram prejudicados pelo excesso de precipitação. Pelo contrário”, lembrou Hugo Ramos, coordenador de meteorologia do Incaper.

Thábata Brito, que também é meteorologista do Incaper, explicou que os efeitos da seca ainda são observados. “Os indicadores utilizados no traçado do mapa do Monitor apontam para um recuo acentuado na distribuição espacial e na intensidade das secas pelo território capixaba, mas ela ainda está presente no noroeste capixaba. É o que aponta a última atualização do Monitor de Secas para o mês de janeiro quando comparada ao mapa de dezembro de 2019”, explicou.

Leia mais:  Cerca de 4 mil pessoas serão beneficiadas com ações de Proteção Social no Espírito Santo

Ramos ressalta que a chuva melhorou a disponibilidade hídrica, principalmente para as culturas perenes. “Algumas áreas que ficaram alagadas, houve prejuízo, principalmente no cultivo de hortaliças. Mas para as culturas perenes, a chuva foi benéfica, porque o solo já estava muito castigado com meses seguidos de deficiência hídrica. Em quase todos os municípios capixabas, o volume de chuva acumulado tem superado a média climatológica desde o começo do verão, confirmando a tendência de normalização das chuvas divulgadas no início da estação”, acrescentou.

Para o secretário de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca, Paulo Foletto, a  redução da seca no noroeste é um alívio para as famílias da região. São Roque do Canaã, por exemplo, é uma grande cidade produtora de cachaça e estava prejudicada pela falta de chuva. Esperamos que o aumento nos níveis dos rios e córregos de um fôlego aos produtores rurais e moradores”, pontuou.

Sobre o Monitor de Secas

O Monitor é um processo de acompanhamento regular e periódico da situação de seca coordenado nacionalmente pela AgênciaNacional das Águas (ANA). O serviço também é desenvolvido conjuntamente com diversas instituições estaduais e conta com apoio operacional da Fundação Cearense de Meteorologia e Chuvas Artificiais (Funceme). Os resultados do Monitor de Secas são divulgados por meio do mapa mensal, que consolida o diagnóstico da situação de seca a partir da colaboração dos estados integrantes do projeto e de uma rede de instituições parceiras.

Leia mais:  Detran lança canal de atendimento com área de Habilitação

Utilizados como informação e suporte às políticas públicas de combate à seca, o mapa e demais produtos do Monitor de Secas promovem o monitoramento regular e periódico da situação da seca nos nove estados do Nordeste, além de Minas Gerais, Espírito Santo e Tocantins. Por meio deste desse acompanhamento é possível compartilhar informações e bases de dados, uniformizando o entendimento do fenômeno da seca e acompanhando sua evolução, classificando-a segundo o grau de severidade dos impactos observados. Em âmbito estadual, além do Incaper, o processo de acompanhamento e validação do Monitor está sendo realizado pela Agência Estadual de Recursos Hídricos (Agerh), Defesa Civil Estadual e Companhia Espírito-Santense de Saneamento (Cesan).

Você pode conferir o último mapa do Monitor pelo site:  http://monitordesecas.ana.gov.br/ , pelo aplicativo Monitor de Secas, disponível gratuitamente para download (Android e iOS). Você também pode acessar essas informações em https://meteorologia.incaper.es.gov.br/, no campo “Monitoramento”.

publicidade

Cidades

Parceria da Suzano e Detran-ES ilumina o Buda de Ibiraçu nas cores do Maio Amarelo

Publicado

O Buda gigante, segundo maior do mundo, não foi o único a receber a iluminação amarela; os portais da cidade de Aracruz também participam da ação pela redução de acidentes no trânsito

O Grande Buda de Ibiraçu e os portais da cidade de Aracruz agora brilham nas cores do Maio Amarelo. A iluminação é uma ação desenvolvida por meio da parceria entre o Detran ES, a Suzano, o Mosteiro Zen Morro da Vargem e as prefeituras municipais de Ibiraçu e Aracruz para conscientizar os motoristas e motociclistas que cruzam a BR-101, ES-445 e ES-010 na região norte do Espírito Santo.

Na solenidade, aos pés da segunda maior estátua de Buda do mundo, estiveram alguns representantes dos órgãos responsáveis. Em seu discurso, Leonardo José Toscano Conde, Relações Corporativas da Suzano, destacou a consonância da campanha com os valores da companhia.

“Para nós da Suzano, a segurança no trânsito é um valor inegociável e uma regra de ouro. Precisamos ter a consciência de que segurança no trânsito depende de todos nós. Esperamos que essa iniciativa possa contribuir com a reflexão dos motoristas sobre o seu papel de protagonismo na construção de um trânsito mais seguro”, defendeu Leonardo.

Leia mais:  Linhas de capital de giro possibilitam manutenção da atividade econômica no norte capixaba

O Gerente de Logística da Suzano, Lucas Bozolan, também participou da organização dessa parceria e destacou a estratégia da ação.“A segurança é um valor que preserva vidas. Durante todo ano reforçamos as ações de comportamento seguro com nossos colaboradores. O mês de maio é momento oportuno para levar esse tema também para toda a sociedade”, explicou.

Já Harlen da Silva, diretor geral do Detran, salientou que a parceria com a Suzano já vem de um longo tempo e aproveitou a oportunidade para falar sobre o desenvolvimento das ações. “Trabalhamos durante todo ano com a questão da segurança viária, mas esse mês, o Maio Amarelo, é o eleito para reforçarmos atitudes que trazem paz e harmonia para o trânsito”, disse.

A cerimônia também serviu para celebrar o diálogo inter-religioso e contou com a presença do Bispo Emérito da Diocese de Colatina, Dom Décio Zandonade. O sacerdote católico, ao lado do abade do Mosteiro Zen Cristiano, Daiju Bitti, comentou a importância da campanha. “Essa iniciativa de iluminar para o Maio Amarelo faz com que eduquemos para uma nova mentalidade no trânsito, de respeitar, de ajudar os outros”, disse Dom Décio.

Leia mais:  Fames e PMV celebram parceria para ampliar espaços de estudo de Música

Autoridades dos poderes municipais das duas cidades estiveram presentes no evento. O prefeito municipal de Ibiraçu, Diego Krentz, ressaltou a necessidade da campanha e lembrou de ações em conjunto com a Suzano. “A Suzano nos apoia em diversas outras [ações], seja com os idosos, seja com os adolescentes em Ibiraçu. Temos uma gratidão muito grande pelo que a Suzano vem fazendo”, defendeu.

Maio Amarelo

O Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para a redução de acidentes de trânsito. As atividades realizadas neste mês no Espírito Santo e em todo o mundo têm o objetivo principal de alertar e mostrar a dimensão e o impacto que os acidentes têm no cotidiano.

O tema deste ano, “Juntos salvamos vidas”, foi definido pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e pretende mostrar à sociedade que todos nós, independente do nosso ofício, podemos salvar vidas, conhecendo e cumprindo as regras.

Continue lendo

Cidades

Detran realiza ações do Maio Amarelo com estudantes em Guarapari e Vila Velha

Publicado

A equipe de educação para o trânsito do Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran|ES) participa de ações educativas que fazem parte da programação do movimento Maio Amarelo, destinadas aos alunos da Rede Municipal de Educação de Guarapari e também aos estudantes da Universidade Vila Velha (UVV).  

O evento de Guarapari é organizado pela Secretaria de Postura e Trânsito (Septran) do município, reunindo vários órgãos nestas quinta-feira (19) e sexta-feira (20), no Complexo Esportivo, em Muquiçaba, como o Detran|ES, a Polícia Militar do Espírito Santo (PMES), o Corpo de Bombeiros Militar (CBMES), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Eco101.  

O diretor geral do Detran|ES, Harlen da Silva, reforçou a importância da ação educativa com os estudantes. “O Detran acredita que ações integradas como essas têm um efeito mais amplo na sociedade. Estamos reforçando nossas ações educativas neste mês, em virtude do Maio Amarelo, nas vias de todo o Estado, em empresas, promovendo parcerias para a iluminação de espaços de amarelo”, destacou.   

Harlen da Silva ressaltou que o objetivo é chamar a atenção de condutores, motociclistas, ciclistas e pedestres para a conscientização e responsabilidade de cada um na construção de um trânsito seguro. “A educação, principalmente das crianças e adolescentes, sobre esse tema é essencial para mudar o comportamento no trânsito. Por isso, estamos intensificando a educação para o trânsito, que é o que já fazemos durante todo o ano com as ações do Detranzinho”, acrescentou. 

O secretário de Postura e Trânsito de Guarapari, Luiz Cardoso, destacou a integração dos órgãos. “A ação visa divulgar o Maio Amarelo, que é uma campanha nacional do trânsito. O município, com o Detran, a Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros e a Eco101, está unindo forças para poder transmitir às crianças a importância da sinalização, do uso do cinto de segurança, entre outras ações, e também para passar aos pais a questão da segurança no trânsito. Como o tema deste ano é ‘Juntos salvamos vidas’, achamos importante juntar as várias instituições envolvidas para transmitir esse recado para as crianças levarem para casa”, disse Cardoso. 

Leia mais:  Suzano incentiva ações virtuais de voluntariado durante a pandemia

“Gostei do jogo. Achei muito legal. É uma brincadeira que ensina ações importantes para a segurança no trânsito”, disse a estudante Sofia, de 8 anos. Kesly, de 11 anos, também elogiou as atividades. “Gostei bastante porque ajuda a gente a aprender as regras de trânsito e não causar acidentes”, comentou. 

Brunela é mãe do Samuel, de 8 anos, do 3º ano da Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental (EMEIEF) Ana Rocha Lyra, e acredita que essas ações são importantes para as crianças. “É gratificante ver como essas parcerias de vários órgãos de trânsito ensinam sobre a sinalização para as crianças, em forma de brincadeiras educativas. Vale a penas trazer os alunos”, elogiou.  

Vila Velha 

O Detran|ES, em parceria com o Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (BPTran), também promove, nesta quinta-feira (19), ações educativas com estudantes da Universidade Vila Velha (UVV) sobre pontos importantes para essa faixa etária.  

Nas ações, que já aconteceram pela manhã e também serão realizadas com as turmas da noite, os agentes fazem demonstração do teste do etilômetro e com o simulador de impacto. O objetivo é conscientizar os jovens para a necessidade de adotar comportamentos seguros no trânsito, principalmente em relação aos riscos da mistura de bebida e direção, e de também não respeitar os limites de velocidade. 

Leia mais:  Fames e PMV celebram parceria para ampliar espaços de estudo de Música

Programação 

Durante todo o Maio Amarelo, o Detran|ES está desenvolvendo ações educativas e atividades, em parceria com outros órgãos de trânsito e instituições públicas e privadas, com os propósitos de chamar a atenção da sociedade para o alto número de acidentes e reforçar a importância da participação de todos, visando à construção de um trânsito mais gentil e seguro em todos os 78 municípios capixabas. 

Confira a programação do Movimento Maio Amarelo aqui.  

Maio Amarelo 

O Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para a redução de acidentes de trânsito. As atividades realizadas neste mês no Espírito Santo e em todo o mundo têm o objetivo principal de alertar e mostrar a dimensão e o impacto que os acidentes têm no cotidiano. 

O tema deste ano, “Juntos salvamos vidas”, foi definido pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e pretende mostrar à sociedade que todos nós, independente do nosso ofício, podemos salvar vidas, conhecendo e cumprindo as regras. 

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana