conecte-se conosco


Internacional

Ciclista sobrevive após cair de uma ponte na Itália; veja o vídeo

Publicado

TV local flagrou o momento em que Remco Evenepoel, de apenas 20 anos, bate na lateral de um muro e é arremessado para fora da pista

Um ciclista belga sobreviveu após cair em um penhasco, durante prova de ciclismo na Lombardia, Itália, na manhã deste sábado (15). Uma imagem capturada pela equipe de transmissão local da “VTM Channel” mostra o exato momento em que Remco Evenepoel, de apenas 20 anos, bate na lateral de uma ponte e é arremessado para fora da pista.

Por sorte, o jovem sobreviveu a queda e foi retirado do local de ambulância. Veja o vídeo:

Evenepoel estava a menos de 50 quilômetros do fim da prova e brigava entre os líderes pelo título quando caiu na localidade conhecida como ‘Muro di Sormano’. Segundo a organização da prova, ele não perdeu a consciência.

O belga é um grande nome em ascensão da modalidade e era um dos favoritos a vencer a prova deste sábado, o que não aconteceu devido o acidente. Só nesta temporada, o jovem de 20 anos tinha disputado quatro corridas (San Juan, Algarve, Burgos e Polónia) e vencido todas.

Leia mais:  Indonésios pegos sem máscara são forçados a cavar covas para vítimas da Covid-19
publicidade

Internacional

Reino Unido e Dinamarca registram alta de casos de Ômicron

Publicado

Ambas as nações são amplamente vistas como líderes em sequenciamento e testes genômicos, o que lhes dá uma vantagem no rastreamento da disseminação do vírus e de suas mutações

O Serviço Nacional de Saúde do Reino Unido (NHS, na sigla em inglês) confirmou 86 novos casos da Ômicron neste domingo, dia 5, elevando o total para 246. Já na Dinamarca, as autoridades relataram 183 infecções pela cepa ante 18 contabilizadas na sexta-feira. 

Ambas as nações são amplamente vistas como líderes em sequenciamento e testes genômicos, o que lhes dá uma vantagem no rastreamento da disseminação do vírus e de suas mutações, publicou o The New York Times. Ainda de acordo com o jornal americano, a mutação da covid-19 já foi identificada em 45 países.

Mais cedo, em entrevista à CNN americana, o conselheiro da Casa Branca para infectologia, Anthony Fauci, informou que cerca de um terço dos Estados americanos já registraram infecções pela Ômicron. 

No entanto, disse que os primeiros sinais sobre a gravidade da variante, vindos da África do Sul, são “um tanto encorajadores”. 

“Até agora a cepa não parece ter um grande grau de severidade”, afirmou, mas acrescentou que é muito cedo para tirar conclusões definitivas e que mais estudos são necessários.

Henrik Ullum, diretor do Statens Serum Institut, centro de referência para doenças infecciosas na Dinamarca, vê com cautela o avanço da variante.

“Estamos vendo um aumento preocupante no número de infectados com Ômicron na Dinamarca. Agora existem cadeias de infecção em andamento, onde a transmissão é observada entre pessoas que não viajaram ou têm ligações com viajantes”, disse. (Com agências internacionais).

Leia mais:  Nova Zelândia zera casos de Covid-19 e retira maioria das restrições
Continue lendo

Internacional

Ladrões roubam joalheria vestidos de criaturas de ‘Harry Potter’

Publicado

Assaltantes confessaram culpa à Corte Superior de Edimburgo, capital da Escócia, dois anos depois do crime

A Justiça da Escócia prendeu na última terça-feira (30) três homens que confessaram o roubo a uma joalheria da cidade de Dundee, em setembro de 2019. Os assaltantes entraram no estabelecimento fantasiados de dementadores, seres malvados do universo de Harry Potter.

O trio invadiu a joalheria com um martelo, uma marreta e um machado e levou dois relógios de luxo, avaliados em 17.850 euros (aproximadamente R$ 114 mil, na cotação atual).

Durante o assalto, um dos clientes da loja tentou reagir, mas foi atingido na cabeça com a marreta e precisou ser hospitalizado. O trio fugiu da joalheria após os funcionários acionarem um alarme contra roubo, de acordo com o portal britânico Mirror.

Segundo a procuradora Jennifer Harrower, os assaltantes são de Manchester, na Inglaterra, e viajaram até a Escócia para realizar os crimes, que ela classificou de “violentos”.

“Esses homens viajaram para a Escócia, se armaram e fizeram assaltos violentos em plena luz do dia”, contou Harrower. “É graças ao trabalho de investigação exaustivo e à cooperação com as forças policiais em outras partes do Reino Unido que esses três homens foram levados à Justiça.”

O trio também realizou outro assalto na Escócia cerca de um mês antes do roubo à joalheria de Dundee, no qual uma pessoa também ficou ferida. Se condenados, os três receberão uma pena somada de 32 anos.

Leia mais:  Vírus misterioso mata duas pessoas na China, e Brasil reforça cuidado
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana