conecte-se conosco


Segurança

Colombiano que traficava cocaína em blocos de rocha no estado é extraditado ao Brasil

Publicado

O traficante colombiano Juan Pablo Munhos Hernandes, preso em março de 2018 na Espanha, foi extraditado para o Brasil e chegou a Vitória na manhã desta quinta-feira (12), para ficar no Presídio de Segurança Máxima de Viana. Segundo a Polícia Federal, ele é o chefe de um grupo que traficava drogas, sobretudo cocaína, dentro de blocos de mármore e granito que eram mandados para exportação que saíam do Espírito Santo.

A extradição para o Brasil aconteceu porque foi o país onde ele cometeu o crime. Ele vai ficar preso preventivamente até a conclusão do processo.

publicidade

Segurança

Militares do Corpo de Bombeiros vão apagar incêndio e encontram corpo na Serra

Publicado

Polícia Militar e peritos investigadores da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa foram acionados

Militares do Corpo de Bombeiros foram em local de mata apagar um incêndio e encontram um corpo no meio da vegetação. O caso aconteceu no bairro Civit II, na Serra

Funcionários de uma empresa da região acionaram o Corpo de Bombeiros após perceberem o início de chamas na vegetação.

O mato estava seco, o que pode ter contribuído para a propagação das chamas. Durante o combate ao incêndio, os militares encontraram um corpo.

A Polícia Militar e peritos investigadores da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa foram acionados. 

Devido ao estado de carbonização do corpo, a causa da morte não foi identificada no local. O caso segue sob investigação da Polícia Civil. q

Quem tiver detalhes que possam ajudar a polícia pode ligar para o disque-denúncia de forma anônima pelo 181.

Por nota, a Polícia Militar informou que foi acionada na tarde de sexta-feira (1º) por uma equipe do Corpo de Bombeiros, que durante um atendimento de ocorrência de incêndio no bairro Civit II, na Serra, localizou o corpo carbonizado. Uma viatura foi até o local e confirmou o fato.

Leia mais:  Enseada do Suá e Parque Moscoso têm ataques simultâneos a ônibus; veja fotos

Continue lendo

Segurança

Quadrilha de agiotas chefiada por colombianos é alvo de operação no ES

Publicado

Os dois suspeitos de agiotagem que foram presos pela Polícia Civil utilizavam armas de fogo para constranger, ameaçar e extorquir as vítimas

Uma quadrilha de agiotas chefiada por colombianos foi alvo de uma operação da Polícia Civil do Espírito Santo, que cumpriu mandados de prisão contra dois suspeitos de agiotagem, que utilizavam armas de fogo para constranger, ameaçar e extorquir as vítimas.

De acordo com as investigações, eles trabalhavam para colombianos, responsáveis por emprestarem dinheiro a juros, semelhantes à quadrilha de agiotas estrangeiros com atuação na Grande Vitória. Parte dessa quadrilha já foi presa na Operação Cartagena, que foi deflagrada no mês de setembro de 2020.

A Operação Usura foi deflagrada por meio do 12° Distrito Policial (DP) da Serra, na terça-feira (28), com o intuito de dar cumprimento a dois mandados de prisões temporárias, além de apreender armas de fogo e aparelhos celulares.

Os alvos dos mandados de prisão eram dois homens, de 27 e 29 anos, ambos investigados pelo crime de agiotagem. Os suspeitos residem nos municípios da Serra e de Vitória.

Leia mais:  BPMA fiscaliza loteamentos irregulares em Domingos Martins

Os suspeitos de agiotagem utilizavam armas de fogo para constranger, ameaçar e extorquir as vítimas, que pegavam dinheiro emprestado e, em razão dos juros exorbitantes, não conseguiam pagar as dívidas.

Por meio de diligências, a equipe policial conseguiu localizar a residência de um dos suspeitos de agiotagem, em Jardim Camburi, em Vitória. 

No local, a equipe foi recebida pela ex-companheira do investigado, que informou que ele não aparecia no imóvel há cerca de 15 dias. Na casa foi apreendida uma maleta de pistola Taurus com o nome do investigado marcado.

O segundo suspeito não foi localizado em sua residência. Ambos são considerados foragidos da Justiça e a investigação continuará.

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana