conecte-se conosco


Camisa 10

Com 3 gols do capixaba Richarlison, Brasil vence a Alemanha na estreia em Tóquio

Publicado

O primeiro gol do atacante brasileiro foi marcado no início do jogo, aos sete minutos do primeiro tempo

Com um toque capixaba, o Brasil estreou com o pé direito no futebol masculino dos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020. Mais especificamente, com o pé direito de Richarlison. Em partida que reeditou a decisão da última Olimpíada, o capixaba de Nova Venécia deu show, marcou três vezes e foi decisivo na vitória por 4 a 2 sobre a Alemanha no estádio de Yokohama, no Japão.

Em um primeiro tempo avassalador, o Brasil não deixou a seleção alemã ter tranquilidade com a bola no pé. Em noite iluminada, o Pombo então aproveitou a fragilidade defensiva adversária e começou o show a parte.

Inspirado com a camisa 10 da seleção, o capixaba Richarlison abriu o placar em Yokohama, no Japão logo com sete minutos. Após entrar no campo da Alemanha, ele recebeu um passe de Antony e finalizou duas vezes para abrir o placar. 

Logo depois, o jogador ampliou o marcador para o Brasil. Após cruzamento de esquerda de Guilherme Arana, atleta do Galo, o atacante brasileiro fez o segundo gol da partida.

Leia mais:  Arrascaeta, a 'surpresa' de Renato Gaúcho para a final da Libertadores

Motivado, não demorou muito para o atacante do Everton, da Inglaterra, fazer seu terceiro gol em uma jogada com Matheus Cunha, centroavante brasileiro do Hertha Berlin. O capixaba recebeu do camisa 9 pela esquerda, cortou para o meio e soltou a bomba sem chances para o goleiro alemão. 

No final da primeira etapa, a seleção brasileira até teve a oportunidade de fazer o quarto gol, mas Matheus Cunha perdeu cobrança de pênalti e o primeiro tempo da partida terminou em 3 a 0.

SUFOCO NO SEGUNDO TEMPO

Na etapa final, a seleção alemã voltou melhor e equilibrou as ações do jogo. Não atoa diminuiu o placar, com Amiri que finalizou de fora da área e contou com o quique da bola para enganar o goleiro Santos.

No entanto, o time brasileiro seguia criando bastante oportunidades no ataque, mas o time de André Jardine não conseguiu matar o jogo e foi empilhando chances perdidas. Até que aos 38 minutos, os alemães fizeram o segundo com Ache de cabeça e colocou pressão na partida.

Mas já nos acréscimos, o atacante Paulinho, que entrou no lugar de Richarlison, partiu em velocidade e bateu no ângulo para marcar um golaço e pôr fim ao sufoco brasileiro, fechando o marcador na estreia.

Leia mais:  Gabigol antecipa Flamengo e anuncia acerto: "Fico"

INESQUECÍVEL

Dono da partida e jogando pela primeira vez com a camisa 10 da seleção brasileira, Richarlison não escondeu a emoção para falar sobre o momento que classificou como inesquecível.

“É uma sensação que não tem como explicar. Estou feliz, com sonho realizado. Espero continuar assim e essa foi uma noite inesquecível na minha vida”, disse o camisa 10 da seleção brasileira, que também mandou um recado à família, reunida em Nova Venécia, norte do Estado. 

“Quero mandar um abraço à eles que estão me acompanhando lá, meus pais, sobrinhos e todos que estão lá. Infelizmente não pude estar por muito tempo com eles, mas foi o suficiente para recarregar minhas energias”, concluiu.

publicidade

Camisa 10

Túlio Maravilha é apresentado oficialmente como reforço do Sport-ES

Publicado

O centroavante vestiu pela primeira vez a camisa do clube capixaba em evento no Shopping Praia da Costa. Com nome no BID, ele pode estrear neste fim de semana

O atacante Túlio Maravilha já está em terras capixabas para a disputa do Capixabão Série B 2022 pelo Sport-ES. 

Nesta quinta-feira (11) o jogador foi apresentado oficialmente pelo clube em evento realizado no Shopping Praia da Costa, em Vila Velha.

O eterno ídolo do Botafogo vestiu uma camisa personalizada com metade da equipe capixaba e outra do clube alvinegro. 

Devidamente apresentado, o principal reforço do Tigre para a Série B do Capixaba pode estrear já nesta 1ª rodada.

Nesta quarta-feira (10) o clube informou que o atacante de 53 anos já está regularizado e pode entrar em campo na estreia do time diante do Castelo. A partida está marcada para às 15 horas deste sábado (13), no estádio Kléber Andrade, em Cariacica.

O Sport-ES está no grupo B da competição que conta com 12 clubes. Os quatro melhores das duas chaves de seis equipes avançam para as quartas de final da competição. Os dois finalistas garantem o acesso para o Capixabão de 2023.

Leia mais:  CBF prepara representação contra árbitro do VAR, após cotovelada de Otamendi em Raphinha

Continue lendo

Camisa 10

Com emoção! São Paulo elimina o Ceará nos pênaltis na Sul-Americana

Publicado

Tricolor agora enfrenta o Atlético-GO que passou pelo Nacional-URU pelas semifinais da competição

O Ceará recebeu o São Paulo na noite desta quarta-feira (10) em partida válida pelas quartas de final da Copa Sul-Americana. O Tricolor perdeu por 2 a 1 no tempo regulamentar, mas devido a vantagem no placar por 1 a 0 no jogo de ida encaminhou a partida para os pênaltis, onde venceu pelo placar de 4 a 3. 

Com o resultado, o São Paulo está classificado para a semifinal da competição e enfrentará o Atlético-GO, que venceu o Nacional na última terça-feira (9) por 3 a 0 e carimbou o passaporte nas semis do torneio continental.

Mendoza abriu o placar para o Vozão aos 44 minutos. O empate do São Paulo veio aos 8 minutos do segundo tempo com Igor Vinicius, mas Guilherme Castilho com um belo gol de fora aos 18 da segunda etapa levou o jogo para os pênaltis. 

Agora, ambas as equipes voltam suas atenções para o Campeonato Brasileiro. O Ceará disputa o clássico diante do Fortaleza no próximo domingo (14), às 16h (de Brasília), no Castelão. Já o São Paulo recebe o RB Bragantino, também no domingo (14), às 16h (de Brasília).

Leia mais:  Kleber Andrade recebe evento cultural neste sábado (04)

FICHA TÉCNICA
Ceará x São Paulo
Local: Castelão (Fortaleza-CE)
Data e hora: Quarta-feira (10), às 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Fernando Rapallini (ARG)
Auxiliares: Juan Pablo Belatti (ARG) e Gabriel Chade (ARG)
Cartões amarelos: Reinaldo, Igor Vinicius, Miranda e Galoppo (São Paulo); Richardson, Víctor Luis (Ceará)
Gols: Mendoza aos 43’/1T e Guilherme Castilho aos 17’/2T (Ceará) ; Igor Vinícius aos 8’/2T (São Paulo)

CEARÁ: João Ricardo; Michel Macedo (Buiú), Luis Otavio, Messias e Vitor Luis; Guilherme Castilho, Richardson (Erick), Lima (Fernando Sobral), Vina e Mendoza (Iury Castilho); Zé Roberto (Matheus Peixoto). Técnico: Marquinhos Santos.

SÃO PAULO: Felipe Alves; Diego, Leo e Miranda; Igor V, Pablo Maia (Gabriel), Galoppo (Rodrigo Nestor), Igor Gomes e Nikão (Luciano), Reinaldo (Welington) (Patrick); Calleri. Técnico: Rogério Ceni.

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana