conecte-se conosco


Política e Governo

Comissão de Cidadania vai ouvir construtoras de condomínios com problemas no próximo dia 27

Publicado

A pedido do deputado Bruno Lamas, Comissão de Cidadania da Assembleia marcou a data para que os responsáveis possam explicar problemas estruturais que resultaram no desabamento de caixas d’água, destruição de apartamentos, desalojamento de famílias e até levou à morte de um trabalhador em Cariacica

A Comissão de Cidadania da Assembleia Legislativa aprovou hoje (13), por unanimidade, o pedido do deputado Bruno Lamas (PSB) de convite aos representantes das construtoras e incorporadoras para que possam explicar, no próximo dia 27, os problemas estruturais que resultaram no desabamento de caixas d’água, destruição de apartamentos, desalojamento de famílias e até levou à morte de um trabalhador em Cariacica.

Serão convidados a se explicar os responsáveis pela construção dos condomínios Residencial Top Life Cancun, em São Diogo, na Serra; Condomínio Residencial Vila Velha, em Jabaeté, no município canela-verde; no Condomínio Residencial São Roque, Padre Gabriel, Cariacica; e Condomínio Residencial Otílio Roncetti, em Gilson Carone, Cachoeiro de Itapemirim.

Os condomínios residenciais fazem parte do programa Minha Casa Minha Vida, que têm apresentado problemas em série no Estado.

Bruno também é autor do pedido de abertura da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Caixa D’ Água, que tem como objetivo investigar os casos e, constatando as irregularidades, punir os responsáveis. A proposta do parlamentar ainda aguarda assinaturas.

O parlamentar reforça que, em funcionamento, a CPI vai convocar todos os responsáveis para prestar explicações, entre eles as construtoras, o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Espírito Santo (Crea-ES), Defesa Civil, bancos, dentre outros.

DENÚNCIA

No último dia 30, a Comissão de Cidadania recebeu uma grave denúncia do síndico Vanderli do Nascimento, que atua no Condomínio Residencial São Roque, no bairro Padre Gabriel, em Cariacica, o mesmo que, em dezembro, viveu uma tragédia, duas semanas após ser inaugurado: duas torres d’ água de 15 metros de altura desabaram, deixando dezenas de famílias desalojadas e matando um trabalhador.

“Os restos das caixas d’ água foram tirados de dentro do condomínio, mas a construtora deixou o material em volta do seu entorno. Hoje, elas são depósito do mosquito da dengue, servem para prática de sexo de adolescentes e até marginais se escondem dentro delas”, denunciou o síndico, que garantiu já ter alertado a construtora responsável, mas que nenhuma providência foi tomada.

Segundo ele, a reivindicação dos moradores é que elas sejam retiradas imediatamente porque as crianças veem as caixas como um “parque de diversão”. No empreendimento, do programa Minha Casa Minha Vida, moram 496 famílias.

“Há um risco muito sério porque todo o equipamento já está enferrujado. Se uma criança cortar uma perna ou se acidentar, é possível que ela tenha o membro decepado. Já alertamos, mas até agora nada. Por isso, pedimos ajuda a vocês deputados. Não nos abandone. Nossa luta é grande contra a construtora”, declarou Vanderli.

Bruno, por sua vez, cobrou providências e teve seus pedidos aprovados pela comissão.

“Vamos ouvir as empresas responsáveis na Comissão de Cidadania. Queremos que vocês (síndicos) encaminhem toda essa documentação para que possamos montar um dossiê, que sirva de prova das solicitações. Todos têm de examinar as suas responsabilidades: Corpo de Bombeiros, a Defesa Civil e as prefeituras. Estamos tentando abrir a CPI da Caixa D’ Água”, enumerou.

O deputado também oficiou a CPI dos Maus-Tratos Contra os Animais, presidida pela deputada Janete de Sá (PMN), para que investigue a proibição de moradores levarem seus pets para um hotel. A medida, considerada ilegal, foi revertida após pressão dos síndicos.

“A sociedade civil organizada, o parlamento e a imprensa, quando se unem, fazem valer direitos. Vamos fazer leis rígidas para resolver esses problemas. O nosso papel é fiscalizar. Pedimos perdão dos momentos em que estivemos ausentes. A Assembleia é a porta de entrada de vocês. Não estão sozinhos”, garantiu Bruno.

Leia mais:  Governo do Estado anuncia edital de macrodrenagem no bairro Aribiri, em Vila Velha
publicidade

Política e Governo

Governador anuncia expansão das obras de pavimentação da ES-388 em Vila Velha

Publicado

O governador do Estado, Renato Casagrande, anunciou, neste sábado (31), a publicação do edital do segundo trecho das obras de pavimentação da Rodovia ES-388, em Vila Velha. Será contemplado o trecho que vai do entroncamento da ES-060 na Barra do Jucu até o bairro Santa Paula II, com extensão total de 5,2 quilômetros. Casagrande também visitou as obras de pavimentação já em andamento na rodovia no trecho entre Xuri, em Vila Velha, e a BR-101 em Amarelos, em Guarapari.


A obra está sendo executada pelo Departamento de Edificações e de Rodovias (DER-ES). Estão sendo implantadas pista dupla e simples no trecho de 17,5 quilômetros da via que liga duas importantes zonas rurais da Grande Vitória, com destaque também para o turismo.


“Com a ES-388, uma nova Vila Velha vai surgir para essa região. A rodovia será importante ainda para os municípios de Viana e Guarapari, sendo uma ligação da Rodovia do Sol até a BR-101, onde teremos uma ferrovia que vai até o sul do Estado. Quando melhoramos a infraestrutura de uma cidade e do Estado, melhoramos a qualidade de vida da população, gerando emprego e renda para as famílias. Com essas ações reduzimos a desigualdade que hoje assola o nosso País. Daqui a alguns meses voltaremos para conferir de perto a mudança na realidade dos moradores”, afirmou o governador Casagrande.

O diretor-presidente do DER-ES, Luiz César Maretto Coura, explicou que as obras da ES-388 estão sendo realizadas em duas partes. “O trecho rural já está bem encaminhado e, agora, publicaremos o edital para a pavimentação do trecho urbano que vai garantir à população trafegar por uma via mais segura e confortável”, comentou.

O prefeito de Vila Velha, Arnaldinho Borgo, falou sobre a importância das obras para o município. “A Região 5 é a menina dos olhos da nossa administração e o governador está trazendo muito desenvolvimento para esse local. Com a ES-388 teremos mais empregos e consequentemente, mais renda. Vamos capacitar as pessoas dessa região para que as empresas que vierem a se instalar aqui possam contratar os moradores locais”, anunciou.

A vice-governadora Jacqueline Moraes lembrou a parceria do Governo do Estado com os municípios. “Vou repetir uma frase da Bíblia: ‘Quem semeia justiça, colhe o fruto do amor’. É isso que estamos fazendo, olhando com amor e com carinho porque o nosso governador Renato Casagrande decidiu semear a justiça em sua caminhada por todo o Espírito Santo. Assim vamos colhendo resultados positivos. E que Deus continue abençoando as nossas vidas”, frisou.

Também participaram da solenidade, os deputados estaduais Rafael Favatto e Dr. Hércules; o diretor presidente da Companhia Espírito Santense de Saneamento (Cesan), Carlos Aurélio Linhalis, o Cael; além de vereadores e lideranças da região.

Leia mais:  Covid-19: cartilha reúne linhas de crédito emergencial
Continue lendo

Política e Governo

Prefeito de Barra de São Francisco vai coordenar movimento de apoio à reeleição de governador

Publicado

Dando prosseguimento à intenção manifestada no dia seguinte à sua eleição em novembro passado, o prefeito Enivaldo dos Anjos (PSD) anunciou na noite desta quinta-feira (29) que vai coordenar um movimento político na região Norte do Estado em apoio à reeleição do governador Renato Casagrande (PSB) em 2022.

O atual chefe do Executivo de Barra de São Francisco apoio à candidatura do socialista em 2014, quando não se reelegeu, e em 2018 e chegou a ser líder do governo na Assembleia Legislativa, como deputado estadual, em 2019. “Esse movimento é de grupo e não um movimento pessoal.

O governador tem apoiado muito a nossa região e vamos trabalhar juntos para que isso se amplie ainda mais. Vamos começar reunindo vereadores e lideranças da região Noroeste, em Barra de São Francisco, para lançarmos um manifesto conjunto de apoio, mas também para discutir participação no Governo e garantir aporte de recursos públicos na nossa região”, disse Enivaldo.

Em 2014, o governador Renato Casagrande, como candidato, venceu a disputa em apenas sete municípios: na Grande Vitória, em Castelo, onde nasceu, e na região Noroeste, em Alto Rio Novo, Barra de São Francisco e Ecoporanga, graças à liderança de Enivaldo.

Já em 2018, com Enivaldo deputado e candidato à reeleição, Renato Casagrande teve uma grande vantagem de votos na região Noroeste, consolidando a influência do atual prefeito de Barra de São Francisco, cidade onde o socialista teve 72% dos votos.

Para Enivaldo, “o governador Renato Casagrande, além de prestigiar o interior do Estado, demonstra competência na condução do Estado não apenas do ponto de vista financeiro, com equilíbrio fiscal e administrativo, sem deixar de investir em obras. E durante a pandemia demonstrou sua liderança, conduzindo a política no Estado com equilíbrio e bom senso, mantendo o controle da situação e ainda criando reserva para apoiar a retomada econômica”. E concluiu: “Hoje, o Espírito Santo tem um fundo de R$ 250 milhões para emprestar a custo baixíssimo para os pequenos empreendedores, enquanto São Paulo, com aquele tamanho todo, só disponibilizou R$ 100 milhões. Isso é resultado de capacidade de gestão e condução política”.

Leia mais:  Governador visita obras rodoviárias e de reconstrução de pontes em Vargem Alta e Castelo
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana