conecte-se conosco


Entretenimento

Cultura em Toda Parte: Guaçuí recebe programação gratuita na última parada da caravana cultural

Publicado

A caravana do Cultura em Toda Parte 2022 vai pegar a estrada para a última parada. Dos dias 13 a 15 de maio, de sexta-feira a domingo, Guaçuí é a cidade-sede do evento e recebe uma programação cultural totalmente gratuita e desenvolvida para toda microrregião Caparaó, que contempla os municípios de Alegre, Bom Jesus do Norte, Divino São Lourenço, Dores do Rio Preto, Ibatiba, Ibitirama, Iúna, Irupi, Muniz Freire e São José do Calçado. As apresentações acontecerão no Caminhão Palco, que estará estacionado na Praça 25 de dezembro; e no Teatro Municipal Fernando Torres, localizados no Centro da cidade. Toda a programação é gratuita.

 Durante os dias de evento, o público poderá conferir um recorte da produção cultural do Espírito Santo, com 14 apresentações culturais divididas em shows musicais de diversos gêneros, além de espetáculos teatrais e mostra audiovisual, comprovando a diversidade e o talento dos artistas capixabas. Os profissionais selecionados foram escolhidos por meio de chamada pública, que aconteceu entre os meses de janeiro e fevereiro, por meio do Mapa Cultural ES.

 

Programação

 As apresentações começam nesta sexta-feira (13), no Caminhão Palco, a partir das 18 horas, com a atração “Contos de Cor”, da Cia. Mais um Ponto, Mais um Conto. Construído com linguagem teatral, a encenação compreende cinco histórias de autores negros sobre o povo negro, destacando a importância da representatividade nos livros infantis.

 Às 20 horas, a música toma conta do evento. Quem abre a programação musical é a cantora e compositora Aline Maria. A artista leva para o palco o show “Bordado à Fé”, uma apresentação de voz e violão, com intervenções poéticas autorais ao toque do tambor. Na sequência, o cantor, compositor e produtor musical Jota[C] apresenta o trabalho autoral firmado para enaltecer a cultura afro e dar voz à pele preta, tendo como base solos de guitarra e elementos eletrônicos.

 Fechando o primeiro dia de evento, acontece a Mostra de Videoclipes. Essa sessão une o audiovisual à música e exibirá dez produções que evidenciam a pluralidade de gêneros musicais e estéticos, de artistas que produzem no Espírito Santo.

 No sábado (14), a programação tem início logo pela manhã, às 10 horas, no Teatro Municipal Fernando Torres, com a peça infantojuvenil “A Lenda das Icamiabas”, do Coletivo Guaçuí Em Cena. Durante uma excursão ao Pico da Bandeira, na Serra do Caparaó, Guaracy se perde do guia e se depara com um portal onde está o guarda Puchirõ, protetor de um reino místico.

 Depois, às 15 horas, ainda no Teatro Municipal Fernando Torres, o Grupo Teatral Gota, Pó e Poeira sobe ao palco com “A Saga Amorosa dos Amantes Píramo e Tisbe”. A peça é um fragmento de “Sonho de uma Noite de Verão”, de William Shakespeare, e, em cena, os atores mostram o dia a dia de uma companhia, repassando os ensaios com seus erros e acertos, trazendo ainda a característica do “Gota Pó e Poeira” em manter uma interação com a plateia, além da pesquisa musical em desenvolvimento.

Leia mais:  Parque Estadual de Itaúnas realiza 2º Concurso de Fotos

 À noite, a partir das 19 horas, o público vai conferir as apresentações do Caminhão Palco. Quem abre a programação é a Banda Projeto Feijoada, com um som que mistura samba, groove e pop, entre versões e músicas autorais. Logo após, se apresenta a banda de música brasileira contemporânea, de rock rural e indie pop, A Transe. No setlist, estão canções do primeiro álbum Hora Dourada e do EP Bad Vibes de Casal. A programação termina com o rock n’ roll da banda Sansten, que traz no repertório clássicos do pop rock nacional, além de canções autorais, como “Se Eu Pudesse e Caminhos”.

 No domingo (15), a programação tem início pela manhã, às 10 horas, no Teatro Municipal Fernando Torres, com a peça teatral “Contos Assombrosos”, da Cia. Mais um Ponto, Mais um Conto. O espetáculo de contação de histórias compreende cinco histórias de suspense e terror que, atrelado a canções autorais, tem um tom sombrio para soltar a imaginação de todos.

 No mesmo local, às 14 horas, o Grupo Anônimos de Teatro apresenta o espetáculo “Anônimos: Uma Leitura”, no qual os intérpretes fazem uma leitura dramática dos textos mais importantes da trajetória do grupo, passando por textos jornalísticos, obras de autores capixabas e trechos de dramaturgias montadas pelo grupo. As interpretações são acompanhadas pelos músicos do grupo em execução ao vivo da trilha.

 No entardecer, a partir das 17 horas, no Caminhão PalcoCleyton Aguiar não vai deixar ninguém parado com um show repleto de forró e sertanejo. Na sequência, quem sobe ao palco é o Suindara. Formado por Aline Maria, Laíssa Gamaro e Relva Rodrigues, o repertório do trio traz canções autorais, rezas e cânticos ancestrais sagrados, além de canções populares que trazem em si mensagens de coragem, luta, esperança e fé.

 Encerrando a programação cultural do evento, Salvador Cantor traz um repertório que reúne gêneros populares, como o sertanejo universitário e o forró, além de adaptações em ritmos, como funk e axé, para não deixar ninguém parado. 

 Oficinas e palestras

 Além das apresentações culturais, a programação do Cultura em Toda Parte 2022 inclui seis atividades de formação. Divididas entre oficinas e palestras, as ações acontecem em parceria com a Escola Viva Monsenhor Miguel de Sanctis e serão realizadas nos dias 16 e 17 de maio.  As atividades são gratuitas e voltadas para os alunos da Rede Estadual de Ensino. 

Leia mais:  Sem Ana Maria Braga, 'Louro José' se casa com nova namorada

O Cultura em Toda Parte foi idealizado pela Secretaria da Cultura (Secult) e está sendo gerido por duas organizações da sociedade civil: o @parceirosdobeminstituto e o @galpaoibca, que vão cuidar de 100 ações, em cinco municípios e cinco finais de semana.

 

CULTURA EM TODA PARTE

 

Região 2 – Guaçuí

 

APRESENTAÇÕES ARTÍSTICAS

 

CAMINHÃO PALCO

Praça 25 de dezembro – Centro

 

TEATRO MUNICIPAL FERNANDO TORRES

Avenida Governador Francisco Lacerda Aguiar, s/nº, Centro

 

Sexta-Feira – 13 de maio

18h – Caminhão Palco  – Praça 25 de dezembro – Centro

 

Contos de Cor / Cia. Mais um Ponto, Mais um Conto (Teatro)

 

Aline Maria / show Bordado à Fé (Música)

 

Jota[C] (Música)

 

Mostra de Videoclipes

-Disco Voador – Intérprete: Banda Alldeia / Direção: Thiago Soares

-Eu Queria Voar – Intérprete: Margozzo / Direção: Margozzo

-Filha de Luz – intérprete: Negras Conectadas / Direção: Viviane Lopes Pereira

-Let The Melody Guide Your Soul – Intérprete: Clara Marins / Direção: Guajardo Films

-O Que Que a Quarentena Fez  – Intérpretes: Dório e Gabriel / Direção: Tafarel Silversom

-Pra Sorrir – Intérpretes: Douglas Lopes  e Nano Vianna / Direção: Douglas Lopes e Aniceto Frizzera Neto

-Rio pro Mar – Intérprete: Rafael Martins / Direção: Marcos Baretta

-Space Woods – Intérprete: My Magical Glowing Lens / Direção: Gustavo Senna

-Trajetórias Interrompidas – Intérprete: Beto Pinheiro / Direção: Beto Pinheiro

-Tudo ou Nada – Intérprete: Alinne Garuth / Direção: Alinne Garuth e Flora Fiorio

Sábado – 14 de maio

Teatro Municipal Fernando Torres

 

10h – A Lenda das Icamiabas / Coletivo Guaçuí Em Cena (Teatro)

15h – A Saga Amorosa dos Amantes Píramo e Tisbe / Grupo Teatral Gota, Pó e Poeira (Teatro)

 

19h –  Caminhão Palco – Praça 25 de dezembro – Centro

Banda Projeto Feijoada (Música)

A Transe (Música)

Sansten (Música)

 

 

Domingo – 15 de maio

Teatro Municipal Fernando Torres

 

10h –  Contos Assombrosos / Cia. Mais um Ponto, Mais um Conto (Teatro)

14h – Anônimos: Uma Leitura / Grupo Anônimos de Teatro (Teatro)

17h – Caminhão Palco  Praça 25 de dezembro – Centro

 

Cleyton Aguiar (Música)

Suindara (Música)

Salvador Cantor (Música)

publicidade

Entretenimento

Concerto marca os 30 anos do curso de violão da Fames

Publicado

Na próxima terça-feira (24), o Palácio da Cultura Sônia Cabral, localizado no Centro de Vitória, recebe o Duo Teixeira-Mayer, às 19h30, para um concentro de violões. O recital, que faz parte das comemorações dos 68 anos da Faculdade de Música do Espírito Santo (Fames), também marca os 30 anos do curso de Violão da instituição.

A data é especial para os violonistas do duo, Moacyr Teixeira e Fabiano Mayer, que são professores e foram alunos Fames. “A contribuição da Fames com o desenvolvimento do violão no Espírito Santo tem grande relevância e somos testemunhas dessa história”, afirma Teixeira.

O evento também abre a “Série Violões Capixabas”, idealizada pela recém-criada Associação de Violão do Espírito Santo (Aves), que prepara uma agenda de diversas apresentações com instrumentistas da terra.

Duo Teixeira Mayer

Formado por dois dos maiores representantes do violão capixaba e professores da Fames, o Duo Teixeira Mayer é ganhador do Concurso Souza Lima, em São Paulo. Graças ao álbum de estreia “Imagens Brasileiras”, os músicos já garantiram presença em diversos eventos de música, além do Espírito Santo, em São Paulo, Minhas Gerais, Rio de Janeiro e ainda em outras partes do mundo, como Paraguai e Espanha.

Leia mais:  Sem Ana Maria Braga, 'Louro José' se casa com nova namorada

Serviço:
Duo Teixeira Mayer
Data:
 24/05 (terça-feira)
Horário:
 19h30
Local:
 Palácio da Cultura Sônia Cabral – R. São Gonçalo, Centro, Vitória.

Entrada Franca: Retirada de convites na Fames e no teatro.

Continue lendo

Entretenimento

Iluminação do Grande Buda de Ibiraçu chama atenção para o Maio Amarelo

Publicado

O Grande Buda do Mosteiro Zen Morro da Vargem foi iluminado em alusão ao Maio Amarelo com o objetivo de alertar os motoristas e motociclistas que trafegam pela BR-101 em Ibiraçu, na região norte do Estado, para o movimento internacional de conscientização com foco na redução dos acidentes de trânsito. A cerimônia de iluminação oficial aconteceu nessa terça-feira (17) e marca a parceria do Mosteiro com o Governo do Estado, por meio do Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran|ES).

A iluminação do local, que atrai turistas por ser a maior estátua de Buda do Ocidente, com 35 metros de altura, e se destaca por sua grandeza e representatividade, é simbólica também devido à localização às margens da BR-101. O ato possibilita a sensibilização para a causa do Maio Amarelo por parte de condutores e passageiros que passam pela rodovia.

“Ter o Grande Buda iluminado de amarelo é um relevante alerta para que todos que transitam pelo local participem desse movimento e contribuam para a redução de acidentes. Principalmente ali, por estar em uma rodovia movimentada, que registra muitos acidentes e mortes. Se cada condutor que passar no local se sensibilizar e seguir sua viagem com a velocidade adequada da via, obedecendo à sinalização, temos certeza que vamos ter viagens mais tranquilas e vidas salvas, que é o objetivo principal do Maio Amarelo”, afirmou o diretor geral do Detran|ES, Harlen da Silva.

O abade do Mosteiro, monge Daiju Bitti, destacou a importância das parcerias para a realização de ações voltada à população. “Juntos salvamos vidas sim! E juntos podemos fazer muitas coisas. Toda essa estrutura da praça é porque construímos parcerias entre o Mosteiro, a Prefeitura de Ibiraçu, a Diocese e o Santuário. Temos também a escola de cerâmica, voltada para pessoas de baixa renda. Tudo isso só é possível graças às parcerias”, reforçou.

Leia mais:  Após flagra, Gusttavo Lima revela tentativa de retomar casamento com Andressa Suita

O prefeito de Ibiraçu, Diego Krentz, salientou que a educação no trânsito deveria ser iniciada nas escolas, já que é importante educar os jovens desde muito cedo. “Venho acompanhando o trabalho que vem sendo realizado pelo Detran|ES. A gente fica muito feliz quando vê os concretos do órgão nesse sentido. Sabemos que trabalhar a conscientização é trabalhoso e precisa ser constante. Por isso, o Detran|ES vem fazendo um trabalho muito positivo com todos os municípios”, declarou.

O representante da empresa Suzano, responsável pelas Relações Corporativas, Leonardo Conde, falou sobre a satisfação da empresa em fazer parte desse marco para a campanha Maio Amarelo. “Para nós, a segurança no trânsito é um valor inegociável. Não pelo transporte da nossa matéria prima, mas sim pelos nossos colaboradores. Atualmente, a Suzano tem alguma interface em 72 dos 78 municípios capixabas. Então, nossos colaboradores se deslocam bastante pelas estradas e rodovias. Por isso, para a empresa, a segurança no trânsito é uma regra de ouro, uma matriz de consequência muito firme. Não devemos esperar que algo aconteça para que tenhamos consequência. Precisamos trabalhar um passo antes, a conscientização. Fixar no condutor que ele tem responsabilidade nas suas atitudes”, comentou.

De acordo com Leonardo Conde, esse é um dos motivos que levaram a Suzano a abraçar o Maio Amarelo e colaborar para a iluminação do Grande Buda. “Esse é um monumento que por si só já chama a atenção de quem passa na via. Certamente, na cor amarela, vai possibilitar que os motoristas que por aqui passarem possam refletir e tentar melhorar o seu comportamento no trânsito. Não basta só fiscalização e sinalização, o condutor precisa melhorar esse comportamento”, acrescentou.

Leia mais:  ​Espetáculo “Os Saltimbancos” disponível para alunos assistirem

Além do Mosteiro Zen Morro da Vargem, outros pontos do Estado também aderiram ao movimento Maio Amarelo. Quem chega ao município de Aracruz passa pelos portais da cidade iluminados de amarelo, tanto nas rodovias BR-101 quanto na ES-010. Em Colatina, o Cristo Redentor e a Ponte Florentino Avidos estão iluminados desde o início do mês. Os pilares da Terceira Ponte, que liga Vitória a Vila Velha, também estão com iluminação amarela.

Participaram também da cerimônia, a diretora técnica do Detran|ES, Édina de Almeida Poleto; o diretor de Habilitação, Veículos e Fiscalização, Marcus Perozini; o bispo emérito Dom Décio Sossai Zandonade; o vice-prefeito de João Neiva, Renan Pattuzzo; além de vereadores de Ibiraçu, João Neiva e Aracruz; representantes do Sebrae; e da Polícia Militar do Espírito Santo (PMES).

Programação

Durante todo o Maio Amarelo, o Detran|ES está desenvolvendo ações educativas e atividades em parceria com outros órgãos de trânsito e instituições públicas e privadas para chamar a atenção da sociedade para o alto número de acidentes e a importância da participação de todos, visando à construção de um trânsito mais gentil e seguro em todos os 78 municípios capixabas.

Confira a programação do Movimento Maio Amarelo aqui

Maio Amarelo

O Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para a redução de acidentes de trânsito. As atividades realizadas neste mês no Espírito Santo e em todo o mundo têm o objetivo principal de alertar e mostrar a dimensão e o impacto que os acidentes têm no cotidiano.

O tema deste ano, “Juntos salvamos vidas”, foi definido pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e pretende mostrar à sociedade que todos nós, independente do nosso ofício, podemos salvar vidas, conhecendo e cumprindo as regras.

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana