conecte-se conosco


São Mateus

Empresa de ônibus deixa usuários a pé em São Mateus

Publicado

Toda empresa que tem o direito de explorar uma concessão de serviço público deve cumprir suas atribuições e exigências. Caso isso não seja feito, pode ter esse direito cassado. Na prática isso não funciona em muitas cidades do interior. Essas empresas têm, normalmente, uma relação incestuosa com o poder público, pois em época eleitoral vira parceiras “efetivas” de campanhas e os interesses são mantidos ou renovados.

Em São Mateus a Viação São Gabriel é a concessionária do serviço público de transporte coletivo da cidade. Está operando há mais de 30 anos esse serviço. Também as queixas contra a empresa beiram todo esse tempo. Nesses dias onde tem feriado que faz com que o fim de semana se torne longo, ela muda sua rotina, suprimindo horários deixando o cidadão que necessita da condução para chegar ao trabalho totalmente sem saber o que fazer. A empresa alega que é horário especial de feriado, se esquecendo que sábado (5) não é feriado, apesar das restrições voltadas para o comércio. Outros profissionais têm suas atividades diárias mantidas.

Contra esse tipo de abuso nunca se conseguiu enquadrar a empresa. Os governantes, ao que parece, não agem por, de alguma forma, ter “uma relação de conluio com a empresa que opera tanto tempo na cidade”, conforme declaração de um ex-vereador que conhece bem os bastidores desse cenário.

Ouvindo várias pessoas que estavam nos pontos de ônibus, a revolta era geral. “É uma falta de respeito não só da empresa como das autoridades”, disse um usuário. “Quero saber se tem algum candidato que preste que tenha o compromisso, sem se vender, para exigir que as coisas melhorem e os serviços dessa empresa sejam de qualidade e trate o usuário com dignidade”, reclamou Nelson Silva Júnior, mestre de obras, surpreendido pelo descaso da empresa.

A Viação São Gabriel, através de uma atendente, disse que o horário é especial de feriado, esquecendo que o feriado é segunda-feira e que neste sábado as pessoas costumam trabalhar ou mesmo circular pela cidade.

Leia mais:  Legislativo institui ‘Setembro Amarelo’ em São Mateus para Prevenção Contra o Suicídio
publicidade

São Mateus

Guarda municipal de São Mateus ganha viaturas novas

Publicado

A Secretaria Municipal de Defesa Social recebeu da Prefeitura, nesta sexta-feira (14), três viaturas 0 km, além de 15 notebooks. Nos próximos dias serão entregues mais 14 veículos para a Pasta.

De acordo com o secretário municipal de Defesa Social, Cilmar Quartezani, as viaturas ficarão à disposição da Guarda Municipal para atender a população e reforçar a segurança no Município. Os veículos são do modelo Chevrolet Spin Premier, com sete lugares. 

Os veículos e os equipamentos foram adquiridos através de emenda da senadora Rose de Freitas.

 

Leia mais:  Marinha terá unidade militar no porto de São Mateus
Continue lendo

São Mateus

São Mateus segue em risco moderado pelo novo Mapa de Risco Covid-19

Publicado

O Governo do Estado anunciou, nesta sexta-feira (14), o 55º Mapa de Risco Covid-19, que terá vigência desta segunda-feira (17) até o próximo domingo (23). Dos 78 municípios capixabas, 18 estão classificados em Risco Baixo, 32 em Risco Moderado e outros 28 em Risco Alto. Com o fim da regra da conurbação dos municípios da Grande Vitória, a classificação dos municípios passa a ser feita de forma individual.

Também foi anunciada a liberação total do transporte intermunicipal e interestadual, além da ampliação do horário do serviço de transporte público coletivo na Região Metropolitana de 5h à meia-noite.


A Matriz de Risco de Convivência considera no eixo de ameaça: o coeficiente de casos ativos por município dos últimos 28 dias, além da quantidade de testes realizados por grupo de mil habitantes e a média móvel de óbitos dos últimos 14 dias. Já o eixo de vulnerabilidade considera a taxa de ocupação de leitos potenciais de UTI exclusivos para tratamento da Covid-19, isto é, a disponibilidade máxima de leitos para tratamento da doença. A estratégia de mapeamento de risco teve início em abril do ano passado.

O Mapa de Risco segue as orientações dos boletins epidemiológicos do Ministério da Saúde e recomendações da equipe de especialistas do Centro de Comando e Controle (CCC) Covid-19 no Espírito Santo, que é composto pelo Corpo de Bombeiros Militar, Defesa Civil, Secretaria da Saúde (Sesa), Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN) e da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes). As decisões adotadas pelo Governo do Estado seguem parâmetros técnicos.

Confira a classificação de todos os municípios capixabas:

RISCO BAIXO: Águia Branca, Baixo Guandu, Bom Jesus do Norte, Colatina, Governador Lindenberg, Iconha, Itaguaçu, Itarana, Jaguaré, João Neiva, Mucurici, Muqui, Piúma, Ponto Belo, Santa Maria de Jetibá, São Domingos do Norte, São Roque do Canaã e Vila Pavão.

RISCO MODERADO: Afonso Cláudio, Água Doce do Norte, Alfredo Chaves, Alto Rio Novo, Aracruz, Atílio Vivácqua, Barra de São Francisco, Brejetuba, Castelo, Divino de São Lourenço, Domingos Martins, Dores do Rio Preto, Ibatiba, Ibiraçu, Ibitirama, Iúna, Jerônimo Monteiro, Laranja da Terra, Mantenópolis, Marechal Floriano, Marilândia, Mimoso do Sul, Muniz Freire, Nova Venécia, Pancas, Rio Novo do Sul, Santa Leopoldina, Santa Teresa, São Gabriel da Palha, São Mateus, Sooretama e Vitória.

RISCO ALTO: Alegre, Anchieta, Apiacá, Boa Esperança, Cachoeiro de Itapemirim, Cariacica, Conceição da Barra, Conceição do Castelo, Ecoporanga, Fundão, Guaçuí, Guarapari, Irupi, Itapemirim, Linhares, Marataízes, Montanha, Pedro Canário, Pinheiros, Presidente Kennedy, Rio Bananal, São José do Calçado, Serra, Vargem Alta, Venda Nova do Imigrante, Viana, Vila Valério e Vila Velha.

Leia mais:  Prefeito Daniel Santana inaugura unidade de saúde no bairro Seac
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana