conecte-se conosco


Camisa 10

Flamengo bate o Palmeiras, cola no Inter e acirra ainda mais o Brasileirão

Publicado

Rubro-Negro domina ações e vence confronto direto pelas primeiras posições do Brasileirão. Time agora é o 3º colocado

O sonho do bicampeonato brasileiro consecutivo está mais vivo do que nunca para o Flamengo. Nesta quinta-feira (21), a equipe venceu um duelo direto com o Palmeiras por 2 a 0, em Brasília, e, além de deixar o rival mais para trás na tabela, assumiu a 3ª colocação do Brasileirão.

Graças a um gol de Pepê, e outro contra de Luan, o Rubro-Negro chegou aos 55 pontos, agora na frente do Atlético-MG e atrás apenas de São Paulo e Internacional, líder, com 59. O time treinado por Rogério Ceni tem um jogo a menos que os dois rivais. Já o Alviverde permanece nos 51 pontos, ainda na 5ª posição.

Início em alto nível
Desde os primeiros minutos, ficava claro que o duelo era entre dois dos melhores times do Brasil, tamanha qualidade técnica dos jogadores. Quem assustou primeiro foi o Palmeiras. Logo aos 3, Danilo acertou belo lançamento para Vida, que cruzou para Willian. O atacante, na pequena área, bateu para fora.

No lance seguinte, foi o Flamengo quem quase marcou. Arrascaeta aproveitou sobra de bola e tentou de bicicleta. Weverton salvou o Palmeiras.

Flamengo melhor
O Rubro-Negro foi ficando mais à vontade no jogo, e envolvia o rival por meio de tabelas. Aos 11 e aos 13, Gabigol perdeu duas chances que não costuma perder.

Gol contra bizarro
O Flamengo seguia melhor e foi recompensado com um gol digno dos “Trapalhões” já aos 45. Após bela tabela, Arrascaeta finalizou por baixo das pernas de Weverton. Kuscevic impediu o gol, mas chutou a bola em Luan, que não conseguiu sair da frente e mandou para o gol. Gol contra bizarro!

Palmeiras quase empata
Em desvantagem, o Palmeiras precisava de um “choque” no vestiário para equilibrar as ações. Para o time de Abel Ferreira, o jogo pedia mais arrojo com a bola nos pés – já que, efetivamente, apenas Danilo teve êxito na etapa inicial. Luiz Adriano, por exemplo, não foi abastecido e estava apagado.

O Verdão passou a ter mais posse, inclusive no campo de ataque – o que não vinha ocorrendo. Menino chegou a desperdiçar uma chance com a bola na marca da cal, sem marcação, no início do segundo tempo.

Marcha lenta
Para a última fatia do jogo, os treinadores promoveram diversas alterações. A intensidade, de ambos os lados, deixou de ser uma tônica. Erros de passe nas respectivas intermediárias passaram a comprometer a criatividade dos times, e o embate entrou em marcha lenta. Eis que uma cria do Ninho do Urubu decidiu.

Um protagonista improvável
Quando o jogo se encaminhava para o fim, o Flamengo sacramentou a vitória na bola parada. E o autor do segundo gol veio do banco e pode ser considerado um protagonista improvável: Pepê, cujo vínculo expiraria em dezembro e, graças ao pedido de Ceni, renovou até o fim do Brasileiro. O meia acertou um lindo chute após Pedro ajeitar a bola, que veio de uma cobrança de escanteio. Um belo gol para dar números finais.

FLAMENGO 2X0 PALMEIRAS – 31ª RODADA DO BRASILEIRO

Estádio: Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Data/hora: 21 de janeiro, às 19h
Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF)
Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e José Reinaldo Nascimento Junior (DF)
Árbitro de vídeo: Caio Max Augusto Vieira (RN)
Cartões amarelos: Bruno Henrique, Renê (FLA) / Raphael Veiga, Luan (PAL)
GOLS: Luan (contra), 45’/1ºT (1-0); Pepê, 37’/2ºT (2-0)
FLAMENGO (Técnico: Rogério Ceni): Hugo Souza; Isla, Rodrigo Caio (Gustavo Henrique, 33’/1ºT), Willian Arão e Filipe Luis; Gerson (Vitinho, 30’/2ºT), Diego (Pepê, 30’/2ºT), Everton Ribeiro e Arrascaeta (João Gomes, 17’/2ºT); Bruno Henrique e Gabigol (Pedro, 30’/2ºT).
PALMEIRAS (Técnico: Abel Ferreira): Weverton; Marcos Rocha, Luan, Kuscevic e Matías Viña (Gustavo Scarpa, 21’/2ºT); Danilo (Gabriel Silva, 40’/2ºT), Gabriel Menino, Raphael Veiga (Pedro Acácio, 26’/2ºT) e Zé Rafael; Luiz Adriano (Breno Lopes, 21’/2ºT) e Willian (Lucas Lima, 21’/2ºT).

Leia mais:  Suárez chora após título espanhol: 'Atlético me abriu as portas'
publicidade

Camisa 10

Ex-BBB Arthur Picoli é apresentado oficialmente como jogador de futebol 7 do Flamengo

Publicado

Anúncio do capixaba foi feito por meio das redes sociais. Ele estava como apresentador da FlaTV e foi convidado para integrar o time nesta quarta-feira

Após aceitar o convite para integrar o time de Futebol 7 do Flamengo, o ex-BBB Arthur Picoli foi apresentado oficialmente como novo reforço do Rubro-Negro na grama sintética.

Por meio das redes sociais, o capixaba de Conduru, distrito de Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do estado, posou para as fotos com a camisa do clube. Na postagem ele novamente agradeceu a oportunidade, declarou ser um dia especial e estar realizando um sonho. Confira na íntegra.

O perfil oficial do Flamengo Fut7 também fez o anuncio da contratação do capixaba para a temporada. O time é o atual campeão da Liga Fut7 Nacional e defende uma invencibilidade de um ano no esporte mais praticado no país. 

Além disso, a equipe estreia este final de semana na Copa do Brasil e terá pela frente ainda o Campeonato Carioca, Liga Fut7 Nacional e a Liga das Américas, que equivale a Libertadores da modalidade e será disputada no Chile.

O gestor do futebol 7 rubro-negro, Christhian Rojas, afirmou que a ideia veio do diretor da modalidade, Bruno Almeida, e foram apresentados vários fatores positivos que contribuíram para a decisão.

“Quando nosso diretor trouxe a ideia vimos que era boa. O Arthur é bom jogador e chega, já sabendo da grandeza do projeto e, certamente, nos ajudará nas competições”, disse Rojas.

Leia mais:  Nova Venécia FC faz amistoso em Jaguaré
Continue lendo

Camisa 10

Medalha de ouro é acusado de fazer parte de grupo terrorista

Publicado

Javad Foroughi, campeão no Tiro Esportivo, foi apontado como membro de uma das forças do Estado Islâmico pelo grupo United for Navid, atuante em prol dos direitos humanos no Irã

Uma grande polêmica foi levantada após Javad Foroughi conquistar a medalha de ouro no Tiro Esportivo, na pistola de ar de 10m. De acordo com o grupo United for Navid, que cobra ações imediatas do Comitê Olímpico Internacional (COI), o iraniano é “membro atual e antigo” da Força Quds do Corpo de Guardas da Revolução Islâmica, designado como organização terrorista.

Javad Foroughi, medalha de ouro no Tiro Esportivo em Tóquio — Foto: Ann Wang / REUTERS

O United for Navid foi criado após a execução do lutador iraniano Navid Afkari, e vem pedindo frequentemente punições ao Irã por conta de violações aos direitos humanos e à Carta Olímpica. Em sua acusação, o grupo pede à Comissão de Ética do COI que inicie uma investigação imediata, ou então será “cúmplice na promoção do terrorismo e de crimes contra a humanidade”.

No comunicado divulgado, o United for Navid ainda exige que, enquanto a investigação esteja em curso, todos os prêmios e medalhas conquistados por Javad Foroughi sejam suspensos. O Irã vem enfrentando pressão diante do COI por continuar se recusando a permitir que seus atletas enfrentem israelenses em competições.

– Conceder uma medalha de ouro olímpica a um membro de uma organização terrorista é uma afronta terrível aos atletas e aos ideais olímpicos e deixa uma marca negra no COI – disse o grupo.

Vale lembrar que, em abril, a Federação Internacional de Judô baniu o Irã por um período de quatro anos depois que o país instruiu Saeid Mollaei a evitar enfrentar um adversário de Israel no Campeonato Mundial de 2019. Até aqui, foi a única entidade a punir o Irã diante da postura polêmica adotada há um bom tempo. O COi ainda não se manifestou sobre o caso.

Leia mais:  Ceni tem uma sombra poderosa no Flamengo. Renato Gaúcho
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana