conecte-se conosco


Política e Governo

Governo do Estado entrega Farmácia Cidadã em Castelo

Publicado

O município de Castelo conta agora com uma Farmácia Cidadã Estadual, a 13ª do Espírito Santo. A unidade foi entregue à população pelo governador Renato Casagrande e pelo secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, em solenidade ocorrida na manhã desta sexta-feira (14). Durante a agenda no município, o governador também visitou obras, participou da inauguração da Unidade de Saúde da Família (USF) Nivaldo Tessinari, no bairro Volta Redonda, e assinou o convênio para construção de sete pontes entre Castelo e Muniz Freire.

“É muito bom estar presente nos municípios novamente, seguindo todos os protocolos sanitários em decorrência da pandemia. Iniciamos nossa agenda com uma visita técnica na rodovia que liga Muniz Freire a Castelo. São mais de R$ 100 milhões de investimento em uma rodovia importante que faz a ligação da região do Caparaó e Central-Sul e vai apoiar a agricultura e o turismo e será importante para o nosso desenvolvimento”, afirmou o governador.

Casagrande prosseguiu: “Estamos aproximando o serviço do Estado às pessoas para que não precisem se locomover centenas de quilômetros. Entregamos ainda o posto avançado do Corpo de Bombeiros, que irá atender a cidade de Castelo e toda região do entorno. Visitamos a nova Delegacia do município, já entregue, e também as obras da Ponte de Aracuí, que foi carregada pelas chuvas do início do ano e estamos agora reconstruindo. Também fui acompanhar o andamento das obras de calçamento rural que estão sendo feitas no interior. É um conjunto de investimentos em Castelo que tem a marca do Governo do Estado, que a cada dia se consolida como um governo municipalista”, complementou.

A Farmácia Cidadã Estadual fica localizada ao lado da Farmácia Cidadã Básica, em frente à Secretaria Municipal de Saúde, na Rua Jose Alves Rangel, nº 52, no bairro Santo Andrezinho. A unidade já conta com 1.000 processos ativos, que antes eram atendidos na unidade de Cachoeiro de Itapemirim. O investimento estadual para o funcionamento da farmácia será em parcela única de R$ 30 mil, além de R$ 10 milhões por ano em transferência de medicamentos do componente especializado.

“Temos aproximadamente mil cadastros ativos de pacientes de Castelo e são pacientes que poderão receber toda atenção de assistência farmacêutica em seu município. Isso faz parte de uma estratégia  de microrregionalização do acesso ao componente de alto custo da assistência farmacêutica do Estado. No futuro, outros municípios da microrregião também poderão ser atendidos nessa nova unidade”, explicou o secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes.

A unidade de Castelo iniciou o atendimento aos usuários nessa segunda-feira (10). A média de atendimento semanal de dispensação é de 100 usuários por dia. A nova unidade terá uma estrutura padronizada, assim como as demais farmácias espalhadas estrategicamente pelo Estado. No espaço, haverá um guichê para senha e triagem, um guichê para abertura de processos e mais dois guichês para dispensação de medicamentos com farmacêuticos.

“A nova unidade da Farmácia Cidadã Estadual de Castelo vai tornar o acesso ainda mais próximo aos munícipes e de forma mais cômoda e rápida. Os pacientes contarão com atendimento exclusivo e de dispensação com qualidade feito exclusivamente por farmacêuticos”, informou a coordenadora das Farmácias Cidadãs Estaduais, Laís Frigini Postay.

O funcionamento da Farmácia Cidadã Estadual em Castelo será de segunda-feira a sexta-feira, sempre das 7h às 16 horas, e o telefone da unidade é o (28) 3542-8552. Saiba mais abaixo na seção “Como ter acesso”.

O governador Renato Casagrande e o secretário Nésio Fernandes participaram ainda da inauguração da USF Nivaldo Tessinari, no bairro Volta Redonda. Construída em uma área de 600,40 metros quadrados, a Unidade de Saúde da Família recebeu investimentos da ordem de R$ 936 mil, contando com equipamentos. A unidade conta com dois consultórios médicos e odontológicos, sala de inalação, imunização, suturas, curativos, farmácia; auditório e setores administrativos.

A nova USF atenderá uma população estimada de seis mil habitantes, contando com três equipes completas de Estratégia Saúde da Família, chegando a 100% de cobertura do território castelense.

“Faz parte da estratégia de cobertura do município, por meio do Programa de Provimento e Qualificação da Atenção Primária em Saúde, promovida pelo ICEPi, que pôde compor a unidade de profissionais médicos e enfermeiros do nosso programa de provimento. E que está colaborando para que o município alcance 15 equipes de saúde. Nos permite ainda que consigamos realizar entregas concretas que colaboram com a expansão da Atenção Básica no Estado”, destacou o secretário Nésio Fernandes.

Farmácia Cidadã Estadual: Como ter acesso

No Espírito Santo, quem precisa fazer tratamento com medicamentos de alto custo pode ter acesso aos remédios por meio das unidades da Farmácia Cidadã Estadual. Atualmente, o serviço oferece 368 tipos de medicamentos de alto custo no elenco padronizado, usados no tratamento de doenças crônicas de terapias prolongadas, como Mal de Alzheimer, doença de Parkinson, esquizofrenia, artrite reumatoide, hipertensão pulmonar, glaucoma, entre outras, além de fórmulas nutricionais e insumos para tratamento de doenças graves.

A entrega dos medicamentos é feita exclusivamente por farmacêuticos e os usuários saem das farmácias com as informações que precisam para usá-los corretamente. No retorno, são questionados sobre possíveis efeitos adversos e sobre o quadro clínico geral do paciente.

Caso necessite de algum medicamento especializado, o cidadão deve recorrer à Farmácia Cidadã Estadual localizada em seu município ou aquela que for referência para o seu local de residência. O paciente deve apresentar exames e documentos fornecidos pelo médico, e a farmácia abrirá um processo para avaliar a solicitação.

Quando a avaliação é concluída, a Farmácia Cidadã envia uma mensagem por SMS (torpedo) para o telefone celular do paciente ou do responsável informando se a solicitação foi aprovada ou não, e dizendo da necessidade de entrar em contato com a farmácia para agendar o atendimento nos casos aprovados.

As unidades da Farmácia Cidadã Estadual estão localizadas em Aracruz, Cachoeiro de Itapemirim, Cariacica (Metropolitana), Colatina, Guaçuí, Linhares, Nova Venécia, São Mateus, Serra, Venda Nova do Imigrante, Vila Velha, Vitória e agora em Castelo.

Infraestrutura

O Governo do Estado anunciou o edital para construção de construção de sete pontes na Rodovia ES-165, nos trechos Castelo x Morro Vênus (entroncamento da ES-379) e Morro Vênus (entroncamento da ES-165) x Muniz Freire. O prazo para a execução dos serviços é de seis meses e o valor do investimento é de R$ 7.298.818,60. Atualmente, estão sendo executados a pavimentação asfáltica em toda a extensão das duas rodovias. Também serão feitos os demais serviços de infraestrutura, como a instalação de 22 abrigos para pontos de ônibus, acostamento e drenagem.

 O diretor-presidente do Departamento de Edificações e de Rodovias do Espírito Santo (DER-ES), Luiz Cesar Maretto, está otimista com a realização da obra. “Além do percurso ser realizado em menos tempo, os motoristas que passarem por aqui vão trafegar com mais segurança”, comentou.

Já o Posto Avançado dos Bombeiros, inaugurado nesta sexta-feira, é uma parceria entre o Corpo de Bombeiros Militar do Espírito Santo e o Município de Castelo, para a prestação dos serviços de Prevenção e Combate a Incêndio, de Busca e Salvamento, de Perícias de Incêndio e Explosão e ações de Defesa Civil no Município e nos arredores.

Os serviços oferecidos vão desde coordenação e ações de Defesa Civil, de combate a incêndios urbanos e florestais, socorros a acidentes automobilísticos, resgate em altura, atendimento pré-hospitalar, bem como atividades ligadas à prevenção contra incêndio e pânico, tais como vistoria de “habite-se” e de regularização de edificações comerciais e residenciais. O Posto Avançado passa a ter 20 militares, três viaturas de Resgate, uma ABSL (F4000) equipada e uma viatura administrativa.

Leia mais:  PP recebe deputado, estreita relações entre os novos filiados e apresenta demandas da região
publicidade

Política e Governo

CCJ do Senado marca sabatina de Mendonça para quarta-feira

Publicado

André Mendonça será sabatinado para assumir vaga deixada pelo Ministro Marco Aurélio no Supremo Tribunal Federal

Está marcada para a próxima quarta-feira (1), a partir das 9h, a sessão extraordinária semipresencial na CCJ do Senado para a sabatina de André Mendonça para o STF (Supremo Tribunal Federal). O presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), já havia anunciado na última quarta-feira (24) que iria pautar a sabatina para a próxima semana. Alcolumbre acrescentou que os parlamentares devem também votar outras nove indicações pendentes de deliberação no colegiado.

Relatoria da indicação

A senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA) anunciou neste sábado (27) que será relatora da indicação. Ela publicou em uma rede social que recebeu uma ligação de Alcolumbre para convidá-la para a relatoria.  “Eu vejo que o convite vindo a mim por parte do presidente [da CCJ] Davi é um prestígio à bancada feminina do Senado e também aos evangélicos e demonstra claramente o seu respeito pela diversidade religiosa no Brasil. É um momento importante de vida brasileira,” afirma. “Eu como relatora, vou me pautar por informações e também pela boa técnica legislativa sem qualquer preconceito político e ideológico e muito menos religioso”, garante.

Indicação estava parada

A indicação de Mendonça estava paralisada na CCJ há quase cinco meses. A demora de Alcolumbre em pautar a sabatina gerou críticas por parte de Bolsonaro e de senadores governistas, que cobravam uma definição por parte do presidente do colegiado. Mendonça, que foi indicado por Bolsonaro, teve sua sabatina congelada por Alcolumbre em meio a uma crise entre os Poderes que se desenhou à época da indicação. André Mendona tem apoio quase unânime entre os atuais ministros do Supremo.

Leia mais:  PSB realiza encontro com pré-candidatos na Serra
Continue lendo

Política e Governo

Vice-presidente de agronegócio do Banco do Brasil projeta setor mais forte na próxima década

Publicado

Renato Naegele fez análise durante o 1º Encontro Agro Business, em Linhares, dando destaque aos investimentos realizados no Espírito Santo e o potencial de crescimento do setor

O vice-presidente de setor de agronegócios do Banco do Brasil, Renato Naegele, projetou uma década próspera para o setor apesar dos desafios de retomada econômica do período pós-pandemia. 

A análise foi feita durante o 1º Encontro Agro Business, realizado nesta sexta-feira (26), em Linhares. A intermediação foi do investidor e head do Folha Business, Ricardo Frizera.

Ele relembrou que nos últimos 10 anos o agronegócio passou por cenários de crise econômica global, crise climática, turbulência política interna com o impeachment da presidente Dilma Roussef em 2016 e crise sanitária global com o coronavírus. Mas que se manteve forte e atuante.

“Não há dúvida de que é o segmento mais robusto da economia e é o que propulsiona a economia do Brasil há décadas. Não tenho dúvidas que será assim de 2021 a 2030”, afirmou, citando dados recentes para justificar essa tendência. 

O montante gerado pelo agronegócio chega a R$ 2 trilhões, representando 26% do PIB nacional.

“É o segmento que propulsiona a economia. Enquanto o setor de agronegócio cresceu 25,4%, a indústria recuou 12% e o de serviços registrou aumento de 1,8%. O agronegócio é um sistema econômico robusto porque tem tecnologia embarcada, acesso a mercados externos e porque também conta com a competência dos nossos produtores rurais, pecuaristas e produtores de proteína animal e de grãos”, ressaltou.

Naegele considerou que essa euforia com os resultados se concretiza num aumento do volume de crédito mesmo com o país vivendo um momento de restrição fiscal e desvalorização cambial.

“Aqui no Espírito Santo, o Banco do Brasil já aplicou de 1º de julho a 19 de novembro mais de R$ 1 bilhão no agronegócio contra R$ 650 milhões no mesmo período da safra passada, o que confirma o crescimento significativo nesta safra.” 

Investidor e head do Folha Business, Ricardo Frizera, intermediou painel com Renato Naegele.

O executivo da instituição bancária apontou ainda que o próprio produtor tem consciência do impacto da atividade agropecuária na economia brasileira. E que não fica restrita somente “dentro da porteira, atingindo toda a cadeia produtiva”. 

“O Banco do Brasil já tem um volume desembolsado 61% maior do que na safra passada. Aqui no Espírito Santo é mais ainda, com 67% de crescimento. São investimentos de cinco, sete, 10 anos. Vem, sim, sem dúvida nenhuma, uma nova década muita forte, da disponibilidade de recursos do sistema financeiro e da atração de recursos via mercado de capitais, via títulos. O Banco do Brasil já colocou R$ 12 bilhões somente em títulos, além do crédito rural tradicional.”

Tecnologia no campo

A revolução tecnológica na área rural foi também mencionada. No tema de novas matrizes energéticas, Naegele lembrou que um grande número de produtores está aderindo à energia solar em suas propriedades.

A inclusão da tecnologia também está cada vez mais inserida na vida do produtor rural. 

“A conectividade no campo virá e não será pelo setor público. Já há empresas interessadas em trazer a conectividade para o campo barateando o serviço através da assinatura por hectare. Não tenho dúvidas de que haverá uma aceleração pois no momento em que o setor privado entende como ele pode ganhar dinheiro no campo temos um duplo benefício: a gente se liberta da necessidade de recursos público para financiar uma grande estrutura de wifi no campo e passa a ter uma aceleração pela alocação de recursos privados”, reforçou.

Ele finalizou acreditando que o Brasil continuará sendo uma potência agrícola e será, com o aumento e diversificação da produção no campo, uma referência de segurança alimentar para o mundo.

1º Encontro Agro Business

Após o sucesso das cinco edições do Folha Business, a maior plataforma de comunicação sobre negócios do Espírito Santo realizou o 1º Encontro Agro Business, que reuniu empreendedores e importantes nomes do agronegócio no Estado.

O evento aconteceu nesta sexta-feira (26), em Linhares. A cidade da região norte capixaba é uma das mais importantes do segmento no Espírito Santo.

ASSISTA AO ENCONTRO NA ÍNTEGRA:

Fonte: Folha Vitória.

Leia mais:  Governador visita exposições em espaços culturais reabertos no Centro de Vitória
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana