conecte-se conosco


Camisa 10

Governo do Estado realiza entrega de kits esportivos para contemplados pelo Bolsa Atleta

Publicado

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Esportes e Lazer (Sesport), realizou, nesta terça-feira (13), a entrega dos kits esportivos para os atletas e paratletas de alto rendimento contemplados pelo programa Bolsa Atleta. A solenidade no CT Jayme Navarro de Carvalho, em Vitória, teve a presença do governador Renato Casagrande e do secretário de Estado, Júnior Abreu, além de alguns dos esportistas contemplados. O evento seguiu todos os protocolos sanitários exigidos pelos órgãos de Saúde para prevenção do novo Coronavírus (Covid-19).

Os kits entregues servirão para identificação dos atletas capixabas durante as competições, além de reforçar a imagem do programa Bolsa Atleta em níveis estadual, nacional e internacional. Cada um dos contemplados recebeu uma mochila, duas camisas, uma bandeira do Espírito Santo, um boné, adesivos, broche e um conjunto de agasalho, contendo calça e jaqueta.

Esta é a primeira vez em três anos que os atletas contemplados pelo Bolsa Atleta recebem kits como esse. O total do investimento na aquisição desses materiais foi de quase R$ 60 mil e vai beneficiar atletas de diversas modalidades esportivas, como vôlei de praia, natação, handebol, tênis, tiro esportivo, atletismo, canoa havaiana, boxe, ginástica rítmica, bodyboard, entre outros.

Em sua fala, o governador Casagrande lembrou que a rotina dos atletas também foi afetada pela pandemia. “Estamos atravessando um momento de dificuldade e o esporte foi um dos segmentos mais prejudicados. E os atletas foram bastante afetados, pois os eventos esportivos ficaram proibidos e ainda seguem com restrições. Conseguimos criar uma convivência com a pandemia, mas infelizmente não temos uma cura de forma rápida. Temos a mentalidade de não paralisar nenhum programa e o esporte é uma de nossas prioridades, como o Bolsa Atleta e os kits que estamos entregando hoje”, pontuou.

Leia mais:  Prefeitura do Rio autoriza presença de público em estádios de futebol

Casagrande prosseguiu: “Além de não paralisarmos as obras de infraestrutura, como a do Kleber Andrade que está praticamente pronto. Sempre falei que o esporte faz a gente vencer nossos medos, ultrapassar barreiras, criar vínculos sociais e moldar o nosso caráter. Hoje vocês estão recebendo kits que para que possam representar nosso Estado da melhor forma possível e levar nossas cores ao alto do pódio.”

Apoio fundamental

Durante o evento, o secretário de Estado de Esportes e Lazer, Júnior Abreu, fez questão de reforçar a importância do programa e de investimentos como esse para os atletas e paratletas capixabas. Ele destacou ainda que o benefício continuou sendo pago durante toda a pandemia, exatamente para apoiar os atletas durante esse período difícil.

“Atletas de alto rendimento, como os contemplados pelo Bolsa Atleta, vivem, em sua maioria, para o esporte. Então, é fundamental que o governo os apoie em tudo que for possível. Entregar esses kits hoje é mostrar para eles que são importantes para o Estado também”, frisou o secretário.

Medalhista de bronze nos Jogos Pan-Americanos de Lima, em 2019, a ginasta Natalia Gaudio foi a responsável por fazer o agradecimento em nome dos atletas.

Leia mais:  Jobson é encaminhado à delegacia por suspeita de tráfico de drogas

“Sabemos que carregamos essa responsabilidade de representar o Espírito Santo e o Brasil nas competições. Receber um kit como esse, com mochila, uniforme, a blusa que iremos usar, os botons, a bandeira, faz com que a gente se sinta cada vez mais parte de um time, que é o time capixaba. Fico muito feliz em poder representar os outros atletas e de saber que nas próximas competições nós já estaremos equipados, podendo levar o nome do Estado e do Bolsa Atleta, que é um apoio e um auxílio que faz toda a diferença no nosso dia a dia”, celebrou a ginasta.

Os atletas que não participaram da solenidade podem retirar os kits na Sesport. As entregas vão ocorrer entre quarta e sexta-feira, das 14h às 17h30, e todos os dias da próxima semana, das 9h às 11h30.

Bolsa Atleta

Neste ano, o Programa Bolsa Atleta beneficia 121 atletas e paratletas de alto rendimento, com auxílio financeiro mensal que varia de acordo com a categoria do atleta, dentro do edital, sendo R$ 500 (estudantil), R$ 1.500 (nacional), R$ 2 mil (internacional) e R$ 4 mil (olímpico).O investimento total da Secretaria no programa é de R$ 2,1 milhões.

O valor recebido pelo atleta pode ser utilizado para cobrir gastos com alimentação, assistência médica, odontológica, psicológica, nutricional e fisioterápica, medicamentos, suplementos alimentares, transporte urbano ou para participar de treinamentos e competições, além de aquisição de material esportivo.

publicidade

Camisa 10

Fernanda Mazzelli conquista três medalhas em campeonato de jiu-jitsu em Salvador (BA)

Publicado

A lutadora de jiu-jitsu Fernanda Mazzelli conquistou três medalhas de ouro no Salvador Fall Open, disputa encerrada no último domingo (22), em Salvador, Bahia. Contemplada pelo programa Bolsa Atleta, da Secretaria de Esportes e Lazer (Sesport), a esportista viajou para disputar a competição com passagens pagas pelo Compete Esportivo, da Sesport.

Fernanda Mazzelli subiu no lugar mais alto do pódio como campeã na categoria adulto faixa preta pesado feminino e no pesado e absoluto do No Gi (sem quimono). A lutadora já vinha de um grande resultado no início do mês: a conquista do Campeonato Brasileiro, que aconteceu em Barueri, São Paulo. Foi o 13º título brasileiro da capixaba, sendo o sétimo com a faixa preta.

No início de junho, entre os dias 1º e 05, Fernanda Mazzelli vai estar nos Estados Unidos, em Long Beach, na Califórnia, para mais um desafio: o Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu IBJJF, competição no qual a lutadora ostenta três títulos de campeã.

“Estou em busca desse quarto título na faixa preta. Tem sido muito difícil, pois o nível está cada vez mais alto e todo ano a dificuldade aumenta. Por tudo isso, não será fácil, mas vou dar o meu melhor para conquistar um lugar no pódio”, disse Fernanda Mazzelli.

Leia mais:  Jobson é encaminhado à delegacia por suspeita de tráfico de drogas

Bolsa Atleta e Compete Esportivo

O edital atual do programa Bolsa Atleta está beneficiando 151 atletas e paratletas de alto rendimento, alcançando um recorde no número de bolsas concedidas. O auxílio financeiro mensal varia conforme a categoria do atleta no edital, sendo R$ 500 (estudantil), R$ 1.500 (nacional), R$ 2 mil (internacional) e R$ 4 mil (olímpico). O investimento total da Sesport no programa é de R$ 2,3 milhões. 

O valor recebido pelo atleta pode ser utilizado para cobrir gastos com alimentação, assistência médica, odontológica, psicológica, nutricional e fisioterápica, medicamentos, suplementos alimentares, transporte urbano ou para participar de treinamentos e competições, além da aquisição de material esportivo.

Já o Compete Esportivo é um programa que custeia viagens de avião para que atletas e paratletas disputem competições nacionais e internacionais. A previsão da Secretaria de Esportes e Lazer para o edital 2022 é de um investimento de cerca de R$ 1,5 milhão em passagens aéreas, destinadas a esportistas de alto rendimento.

Continue lendo

Camisa 10

Capixaba Breno Braga conquista três medalhas no mundial escolar Gymnasiade

Publicado

Contemplado pelo programa Bolsa Atleta, da Secretaria de Esportes e Lazer (Sesport), o capixaba Breno Braga, da natação paralímpica, conquistou três medalhas no mundial escolar Gymnasiade, que aconteceu na Normandia, na França, e foi encerrado no último domingo (22). O nadador de 17 anos, que estuda no Maxime Centro Educacional, de Guarapari, faturou duas pratas, nos 50 livre e nos 50 borboleta, e um bronze, nos 200 medley.

O Gymnasiade reuniu cerca de 3 mil estudantes de 16 a 18 anos de 69 países. O Brasil foi o segundo colocado no quadro de medalhas, com 126 pódios (45 ouros, 45 pratas e 36 bronzes), ficando apenas atrás dos anfitriões franceses, que conquistaram 130 medalhas, sendo 51 de ouro.  

Além de Breno Braga, a delegação brasileira contou com mais quatro capixabas: Juliana de Oliveira (wrestling/EEEFM Ary Parreiras), Laís Gasparini (natação/UP), Roger Ramalhete (wrestling/EEEFM Zenóbia Leão) e Thaís Lourencini (ginástica rítmica/Colégio Americano). Destes, Laís Gasparini, Roger Ramalhete e Thais Lourencini também são contemplados pelo programa Bolsa Atleta.

Leia mais:  Funcionário de time da NHL descobre melanoma com ajuda de torcedora rival

“Foi minha primeira vez em um mundial, sonho de todo atleta. Estou muito feliz por ter tido essa oportunidade, mais feliz ainda por conquistar três medalhas para o meu País. Tive a oportunidade de conhecer atletas de outros lugares, conhecer um pouco de suas culturas, tudo isso foi incrível. Agora, espero poder representar o Brasil novamente em outros mundiais. Por tudo isso, agradeço a Sesport pelo incentivo da Bolsa Atleta, pois com ele consigo manter meu ritmo nos treinos e isso é fundamental para minha evolução no esporte”, destacou Breno Braga.

Bolsa Atleta 

O edital atual do programa Bolsa Atleta está beneficiando 151 atletas e paratletas de alto rendimento, 30 a mais do que no ano anterior, alcançando um recorde no número de bolsas concedidas. O auxílio financeiro mensal varia conforme a categoria do atleta no edital, sendo R$ 500 (estudantil), R$ 1.500 (nacional), R$ 2 mil (internacional) e R$ 4 mil (olímpico). O investimento total da Sesport no programa é de R$ 2,3 milhões.

Leia mais:  Inter soma quase triplo de pontos do São Paulo em seis rodadas e esquenta disputa pelo título

O valor recebido pelo atleta pode ser utilizado para cobrir gastos com alimentação, assistência médica, odontológica, psicológica, nutricional e fisioterápica, medicamentos, suplementos alimentares, transporte urbano ou para participar de treinamentos e competições, além da aquisição de material esportivo.

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana