conecte-se conosco


Medicina e Saúde

Hemoes registra baixa no estoque de sangue e precisa de doações

Publicado

O Centro de Hemoterapia e Hematologia do Espírito Santo (Hemoes) registrou, nessa quinta-feira (22), baixo estoque dos tipos sanguíneos A+, A-, AB- e O-. Esse cenário é consequência das baixas doações que têm acontecido nos últimos dias.

Atualmente, a unidade tem disponível quatro bolsas de A-, 22 de A+, uma de AB- e cinco de O-. Para manter o atendimento regular no Estado no período de 11 dias, é necessário que haja, no mínimo, cinco bolsas de sangue A negativo, 30 de A positivo, duas de AB negativo e nove de O negativo.

A diretora do Hemoes, Marcela Gonçalves Murad, ressalta que para manter um estoque ideal é importante que a sociedade abrace a campanha de doação de sangue e seja doador regular. 

“É de extrema importância ter doadores regulares, pois eles ajudam a manter os estoques estáveis e fazem com que pessoas que necessitam de transfusão regulares ou aqueles que passam por enfermidades transitórias sejam salvas”, disse Marcela Murad.

Campanha “Doe sangue e compartilhe”

Como estratégia para estimular a doação de sangue, a Secretaria da Saúde (Sesa) está lançando a campanha “Doe sangue e compartilhe”. A campanha oferece informações sobre locais de doação, quem pode doar e os cuidados após a doação de sangue. Acesse aqui:  Download .

Doações de sangue na pandemia

Durante o período de enfrentamento ao novo Coronavírus (Covid-19), os atendimentos em todas as unidades estão acontecendo, preferencialmente, por meio de agendamento. A medida visa a reduzir a circulação de pessoas nos locais para evitar aglomerações e reduzir a possibilidade de transmissão do vírus.

“Limitamos o número de pessoas dentro das unidades e vale reforçar que as pessoas que tiveram diagnóstico positivo para o novo Coronavírus só podem realizar a doação após 30 dias sem apresentar sintomas”, explicou a diretora do Hemoes.

Onde doar

– Hemocentro de Vitória

Endereço: Avenida Marechal Campos, 1.468, Maruípe | Telefone: (27) 3636-7920

– Unidade de Coleta de Sangue da Serra

Endereço: Avenida Eudes Scherrer Souza, s/nº (anexo ao Hospital Estadual Dório Silva) | Telefone: (27) 3218-9429

– Hemocentro de Linhares

Endereço: Avenida João Felipe Calmom, 174-298 – Centro | Telefone: (27) 3264-6000

 – Hemocentro de Colatina

Endereço: Rua Cassiano Castelo, 276 – Centro | Telefone: (27) 3717-2800

– Hemocentro de São Mateus

Endereço: Rodovia Otovarino Duarte Santos, Km 02, Parque Washington | Telefone: (27) 3767-7954

Leia mais:  Campanhas de vacinação contra a Poliomielite e de Multivacinação têm dia D neste sábado (17)
publicidade

Medicina e Saúde

Covid-19: pessoas com mais de 18 anos serão vacinadas até dezembro

Publicado

Informação foi dada por Marcelo Queiroga, que participou, neste sábado (12), de evento médico, no Rio de Janeiro

Todos os brasileiros com mais de 18 anos deverão estar vacinados contra a covid-19 até o fim do ano, segundo o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. Ele participou, neste sábado (12), de evento médico, no Rio de Janeiro, sobre o Dia de Conscientização da Cardiopatia Congênita, e reforçou aos profissionais o que já havia adiantado durante sessão no Senado no último dia 8.

“Este ano, a despeito das condições ainda complexas na assistência à saúde, o Ministério da Saúde já contratou 600 milhões de doses de vacina, de tal maneira que a população acima de 18 anos será vacinada até o fim do ano. Isto eu posso assegurar. Somente em junho, nós vamos distribuir mais de 40 milhões de doses de vacina. Nós estamos antecipando doses”, disse Queiroga, que participou do evento por videoconferência.

O ministro da Saúde lembrou também que o acordo de transferência de tecnologia da AstraZeneca para a Fiocruz já foi firmado, o que permitirá, em breve, vacinas produzidas a partir do ingrediente farmacêutico ativo (IFA) nacional.

“Nós já temos 200 milhões de doses da Pfizer contratadas e 100 milhões dessas doses estarão disponíveis até setembro. Outros 100 milhões de doses estarão disponíveis até dezembro. E avança o contrato para mais 100 milhões de doses da [vacina da empresa] Moderna. Então, isso é a certeza que nós vamos vacinar a nossa população e por fim ao caráter pandêmico dessa doença”, finalizou Queiroga.

Leia mais:  Câncer de mama: ES tem 1.100 casos novos por ano
Continue lendo

Medicina e Saúde

Anvisa autoriza vacina da Pfizer para adolescentes com mais de 12 anos

Publicado

Em nota, o órgão regulador brasileiro afirma que a ampliação foi aprovada após a apresentação de estudos desenvolvidos pelo laboratório que indicaram a segurança e eficácia da vacina para este grupo

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou nesta sexta-feira (11) a indicação da vacina Comirnaty contra covid-19, da Pfizer, para adolescentes com 12 anos de idade ou mais. Com a decisão, a bula da vacina passará a indicar esta nova faixa etária para o Brasil.

Em nota, o órgão regulador brasileiro afirma que a ampliação foi aprovada após a apresentação de estudos desenvolvidos pelo laboratório que indicaram a segurança e eficácia da vacina para este grupo. Segundo a Anvisa, os estudos foram desenvolvidos fora do Brasil e avaliados pela agência.

Antes, a vacina Comirnaty estava autorizada para pessoas com 16 anos de idade ou mais. Até o momento, esta é a única entre as vacinas contra covid-19 autorizadas no Brasil com indicação para menores de 18 anos. A vacina da Pfizer foi a primeira a receber o registro definitivo para vacinas covid-19 no Brasil.

Leia mais:  Ministério Público do ES diz que profissional deve mostrar seringa após vacinação contra covid-19
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana