conecte-se conosco


Segurança

Homem é atacado pelo ex-marido da namorada e quase tem braço decepado por foice

Publicado

Ajudante de pedreiro de 47 anos estava a caminho do trabalho, quando o suspeito saiu de dentro de uma área de vegetação

Um ajudante de pedreiro, de 47 anos, foi atacado pelo ex-marido da namorada e quase teve o braço decepado, após um golpe de foice. O crime aconteceu na manhã desta quinta-feira (18), no bairro Prolar, em Cariacica. A vítima estava trabalhando quando ocorreu o ataque.

O homem saiu de casa ainda durante a madrugada para trabalhar. Era por volta das 5 horas quando, na esquina de casa, o suspeito surgiu do meio do mato e o atacou. Para se defender, ele colocou o braço na frente, que quase foi decepado pela foice usada pelo agressor. 

A vítima pediu ajuda aos vizinhos. A situação era muito delicada e o braço chegou a ficar pendurado até a chegada do Serviço Móvel de Urgência e Emergência (Samu). Segundo testemunhas, o homem ficou mais de uma hora perdendo sangue e a única coisa que conseguia dizer era o nome de quem o atacou.

Uma vizinha contou que viu o suspeito escondido no meio do mato durante toda a noite. As testemunhas afirmam que o ajudante de pedreiro sofreu a tentativa de homicídio porque namora uma mulher de 57 anos e o ex-marido dela não aceita a separação e nem que ela se relacione com alguém. Nos últimos meses, o suspeito já havia aparecido na rua para ameaçar a ex.

Quem conhece o casal afirma que as brigas eram frequentes. Por este motivo, a mulher se mudou da própria casa e a alugou para morar em uma residência que fica no segundo andar, com medo de que o ex pudesse fazer algo contra a vida dela.

A Polícia Civil informou que ocorrência está em andamento no plantão vigente do Departamento Especializado de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Leia mais:  Policial que faz segurança de senador é espancado em Vitória
publicidade

Segurança

Secretário de Segurança do ES e prefeito sofrem acidente em rodovia no Sul do Estado

Publicado

Alexandre Ramalho e o prefeito de Presidente Kennedy, Dorlei Fontão, cumpriam agenda na região, quando o carro em que eles estavam foi atingido por um caminhão-baú

O secretário de Estado de Segurança Pública do Espírito Santo, Alexandre Ramalho, o prefeito de Presidente Kennedy, Dorlei Fontão, e outras duas pessoas se envolveram em um acidente, na tarde desta quinta-feira (29), na rodovia ES-060, no município do Sul do Estado.

O prefeito e o secretário visitaram a Escola Municipal de Marobá, que será no futuro uma Escola Cívico-Militar, e a divisa entre o Espírito Santo e o Rio de Janeiro, onde será instalado um posto da Polícia Rodoviária Estadual (PRE-ES).

O acidente aconteceu, por volta das 15h30, quando eles voltavam para o município para visitar um terceiro local. O carro onde estava a comitiva do secretário e do prefeito foi atingido por um caminhão-baú. 

O motorista do caminhão perdeu o controle e bateu em uma árvore. Ele chegou a ficar desacordado por alguns minutos. 

De acordo com a Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp), no carro estavam, além do secretário e do prefeito, o subsecretário interino de Integração Institucional, coronel Marcio Celante, e um integrante da equipe de segurança do secretário, que dirigia o veículo. 

O motorista do carro oficial se feriu levemente. Já os demais ocupantes saíram ilesos.

A prefeitura informou que o estado de saúde do prefeito Dorlei Fontão é estável. Ele foi levado para o Pronto Atendimento Municipal de Presidente Kennedy.

Leia mais:  Polícia Civil reforça equipes em cidades litorâneas durante Verão
Continue lendo

Segurança

Alunos do Sistema Prisional participam de clube do livro

Publicado

Durante o período de suspensão das aulas presenciais, a Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) Cora Coralina, que faz parte do Sistema Prisional de Xuri, no município de Vila Velha, com o intuito de fortalecer o vínculo com a escola, realizou com os estudantes internos o clube de leitura “Entre muros e mundos”.

Com o retorno as aulas presenciais, o projeto foi ressignificado e passou a ser avaliado como atividade prática multidisciplinar, por meio do debate sobre os livros, produção de textos e resenhas, elaboração de gráficos, fichamento técnico e criações artísticas, como pintura de telas.

O professor de Química e um das idealizadores desta ação, Renann Siqueira destacou que ao longo desse período foi realizado o projeto de leitura que contribuiu significativamente para o desenvolvimento dos alunos. “A leitura permitiu que cada discente fosse levado para outros mundos e conhecessem outras realidades e histórias”, disse.

“Apostamos na leitura, pois esta se configura como uma ação capaz de transformar o mundo e mudar realidades. Ao longo do projeto percebemos que as diversas atividades desenvolvidas foram capazes de explorar habilidades e competências, que nem os próprios alunos acreditavam serem capazes de realizar”, completou Renann Siqueira

Leia mais:  Policial que faz segurança de senador é espancado em Vitória
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana