conecte-se conosco


Cidades

Hospital da Serra troca corpos de vítimas da covid-19 e mulher é enterrada por outra família

Publicado

O sobrinho da vítima fez o reconhecimento e o corpo foi levado para um na Serra, onde foi sepultado pela segunda vez

O hospital Jayme dos Santos Neves, na Serra, trocou os corpos de duas vítimas de Covid-19, e uma delas precisou ser exumada neste sábado.  Na última quinta-feira (25), Elizabeth Conceição, de 52 anos, que estava internada há algumas semanas, acabou não resistindo à covid-19. Com isso, o hospital ligou para os familiares da vítima para liberarem o corpo, mas ao chegarem no local, isso acabou não acontecendo. 

Horas depois, os parentes receberam uma nova ligação pedindo que a família retornasse ao hospital. Foi assim que eles descobriram que o corpo da Elizabeth havia sido trocado e enterrado no lugar de uma outra vítima da doença. Com isso, a exumação do corpo precisou ser requerida pela família e aconteceu neste sábado no cemitério de Maruípe, em Vitória.

Durante a exumação, uma equipe do hospital, formada por psicólogos, coordenadores e um advogado, esteve presente para apoiar os familiares de Elizabeth. Após o procedimento legal, o corpo foi encaminhado para ser sepultado no cemitério de São Domingos, na Serra. 

Por meio de nota, a direção do Hospital Estadual Dr. Jayme Santos Neves pediu desculpas e lamentou o ocorrido. A unidade ainda informou que está apurando as causas do fato e está dando o suporte necessário aos familiares. 

Fonte: Folha Vitória.

Leia mais:  Nova Venécia é contemplada com mais um implemento agrícola
publicidade

Cidades

VÍDEO | Parte de montanha se desprende e assusta moradores em Água Doce do Norte

Publicado

A pedra ficou poucos centímetros de distância do muro da casa em Vila Augusta

Os moradores de Vila Augusta, em Água Doce do Norte, levaram um susto no início da tarde desta sexta-feira (26), quando uma pedra se desprendeu de uma montanha e, por pouco, não atingiu o muro de uma residência. 

De acordo com informações da Defesa Civil do município, que foi ao local fazer as vistorias, o desplacamento da rocha, ou seja, quando a pedra solta sozinha, pode ser explicado pelas fortes chuvas que atingiram a região nos ´últimos dias. O coordenador da Defesa Civil Irenildo Adriano alertou ainda para possíveis ocorrências após as análises feitas. “A pedra da qual a rocha soltou é muito alta e outros desplacamentos podem ocorrer”, alertou. 

As pessoas que estavam no local na hora do ocorrido filmaram o momento. 

A estrada foi liberada e não houve feridos. A família da casa foi encaminhada para outro local. Ainda segundo informações da Defesa Civil, a casa fica na direção da pedra, por isso, a precaução em tirar as pessoas. 

A Secretaria de Obras de Água Doce do Norte disse que estuda formas para evitar que a situação se repita. “Pela graça de Deus ninguém foi atingido, mas para que não aconteça uma tragédia da próxima vez, vamos pensar em uma proteção para as casas da região, como um muro de rochas, semelhante aos muros de arrimo”, explicou Irenildo. 

Entenda o que aconteceu

Desplacamento de rochas consiste no movimento ocasionado pelo desprendimento de fragmentos ou placas de rochas ao longo da superfície de estruturas geológicas (xistosidade, acamamento, fraturamento), devido principalmente às variações térmicas ou à alívios de tensão.

Fonte: Folha Vitória.

Leia mais:  Nova Venécia é contemplada com mais um implemento agrícola
Continue lendo

Cidades

Instituto emite novo aviso de tempestade e granizo para municípios do ES. Veja a lista!

Publicado

Pode haver pancadas de chuva de moderada a forte intensidade, acompanhadas de raios, entre esta sexta-feira (26) e sábado (27)

O final de semana promete ser, mais uma vez, de chuva para parte do Espírito Santo. De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), há um aviso para o risco de tempestade, vendaval, granizo e chuvas intensas em parte da região sul do Espírito Santo.

Segundo o Inpe, haverá pancadas de chuva de moderada a forte intensidade,  que virão acompanhadas de raios, entre esta sexta-feira (26) e sábado (27). Localmente, a chuva poderá também vir acompanhada de rajadas de vento de forte intensidade ou queda de granizo. 

O aviso é válido para 11 cidades: Alegre, Bom Jesus do Norte, Divino de São Lourenço, Dores do Rio Preto, Guaçuí, Ibatiba, Ibitirama, Irupi, Iúna e Muniz Freire. O prazo de vigência se encerra às 9 horas deste sábado.

Previsão do tempo para o final de semana

De acordo com o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), no sábado (27), o tempo permanece abafado, com muitas nuvens e algumas aberturas de sol. Chove fraco a qualquer momento do dia, na Grande Vitória, norte, noroeste, e litoral sul. Nas regiões serrana e sul, ao longo do dia a nebulosidade aumenta, provocando chuva fraca, a partir do final da tarde.

Para domingo (28), a previsão é de muitas nuvens e algumas aberturas de sol em todas as regiões capixabas. Chove fraco em alguns momentos do dia na metade norte do estado. Na metade sul, o dia começa sem chuva, mas o aumento da nebulosidade provoca chuva rápida a partir do final da manhã.

Leia mais:  Vila Velha: Prefeito assina contrato para pacote de obras de mais de R$110 milhões
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana