conecte-se conosco


Camisa 10

Lateral do San Lorenzo se diz perto do Palmeiras, mas com Fla de olho

Publicado

O Palmeiras está próximo de contratar um lateral-direito argentino, mas com o Flamengo também de olho. A informação parte exatamente de quem diz ser o alvo da negociação: Andrés Herrera, de 21 anos, do San Lorenzo. O jogador conta que o Spartak Moscou, da Rússia, é outro clube que o procurou e crê que sua saída pode ser concluída por 4 milhões de dólares (R$ 21,4 milhões).

– Pelo que o meu representante me disse, sei que o Palmeiras é quem está mais próximo. Creio que, por 4 milhões ou 5 milhões de dólares (R$ 26,7 milhões), o San Lorenzo me deixaria ir – afirmou Andrés Herrera á rádio Sudamericana, da Argentina.

– Sei que ligaram do Spartak Moscou para o meu representante e, há alguns dias, ele me escreveu dizendo que havia interesse de Palmeiras e Flamengo. Mas tenho que ficar calmo. Se eu sair, tudo bem. Caso contrário, vou continuar trabalhando – continuou.

A multa rescisória do lateral-direito é de 20 milhões de dólares (R$ 106,8 milhões), mas o próprio jogador acredita que não será necessário chegar a esse valor para contratá-lo. Em março, Andrés Herrera renovou seu contrato com o San Lorenzo até 2023. O jogador atuou com frequência nas categorias de base da seleção argentina e sonha estar na Olímpiada de Tóquio, adiada para o ano que vem. Acumula 29 partidas pelo clube que defende atualmente.

O Palmeiras admite que monitora o lateral-direito, mas não confirma negociações. A diretoria tem adotado uma postura de conter gastos em meio à crise econômica gerada pela pandemia do coronavírus, tanto que o elenco principal masculino está no terceiro mês seguido de salário reduzido. O presidente Maurício Galiotte já chegou a declarar que não dá para pensar em contratações no momento, ainda mais pelos valores divulgados por Herrera.

O técnico Vanderlei Luxemburgo, contudo, já tinha solicitado a contratação de um lateral-direito com velocidade e intensidade para atacar e defender, como encontrou o lateral-esquerdo uruguaio Matías Viña. A diretoria tentou trazer Daniel Muños, colombiano do Atlético Nacional, mas não houve acerto e o jogador foi para a Bélgica. No elenco do Palmeiras, Marcos Rocha vem sendo o titular na lateral direita, com Mayke como primeiro reserva.

Leia mais:  Sem Neymar, Brasil visita Argentina, que busca vitória para se garantir na Copa
publicidade

Camisa 10

Forte Rio Bananal chega atrasado, perde por W.O., e Aster Brasil é o campeão capixaba sub-20

Publicado

Time do interior do Espírito Santo ficou preso no trânsito e chegou apenas 1h20 após o horário marcado para a partida, no Kleber Andrade, perdendo inclusive o prazo de tolerância

Mais uma vez o futebol capixaba é marcado negativamente pela incompetência dos seus dirigentes. A decisão do Campeonato Capixaba sub-20 2021, que estava marcada para este último sábado a tarde, simplesmente não aconteceu.

O fato é que um dos finalistas, o Forte Rio Bananal, não chegou no horário marcado (15h) e inclusive só compareceu ao Estádio Kleber Andrade após o fim do prazo de tolerância (30 minutos prorrogáveis por mais 30), e acabou perdendo por W.O..

Com isso, o outro finalista, o Aster Brasil, foi declarado vencedor da partida por 3 a 0 (fato ainda será homologado pela Federação de Futebol do Espírito Santo {FES} nesta segunda-feira) e se sagrou campeão capixaba sub-20. A equipe novata no futebol do ES também garantiu vagas na Copa São Paulo de Futebol Jr e na Copa do Brasil sub-20 do ano que vem (esta última destinada apenas ao campeão estadual).

Em nota oficial emitida em suas redes sociais, a diretoria do Forte Rio Bananal justificou o atraso para chegar ao local da decisão por conta de problemas de logística. A equipe chegou 1 hora e 20 minutos após o horário marcado. A equipe do interior do Espírito Santo também está classificada para a Copa São Paulo de Futebol Jr.

Leia mais:  CBF prepara representação contra árbitro do VAR, após cotovelada de Otamendi em Raphinha
Continue lendo

Camisa 10

Lateral do Flamengo atropela ciclista; homem morreu a caminho do hospital

Publicado

Jogador de 20 anos prestou socorro e chamou assistência médica

Ramon, lateral-esquerdo do Flamengo, se envolveu em um acidente de carro no sábado (4) na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio. O atleta conduzia o veículo quando atropelou um ciclista. 

Jonatas Davi dos Santos, de 30 anos, foi socorrido mas morreu a caminho do hospital Lourenço Jorge. Ele era entregador de aplicativo.

Bombeiros e policiais militares foram chamados para o local. Informações preliminares indicam que o jogador de 20 anos prestou socorro e chamou assistência médica. Ramon depõe na 16ª Delegacia de Polícia, que fica no bairro onde ocorreu o acidente.

Investigações sobre o atropelamento ainda indicarão como aconteceu o acidente. Relatos iniciais não esclarecem se o ciclista cruzou a pista com semáforo aberto ou fechado.

Imagens do veículo mostram o para-brisa quebrado no lado do passageiro. Toda a lateral direita do carro também ficou danificadas, incluindo o retrovisor, que foi arrancado com o choque. A polícia pretende contar com imagens de câmeras de segurança do local, além da coleta de depoimentos para as apurações.

Ramon passou a ser mais utilizado na equipe principal do Flamengo nesta reta final de temporada. O atleta foi titular em sete dos últimos 11 jogos da equipe rubro-negra no Campeonato Brasileiro. O lateral também participou de alguns jogos da Copa do Brasil e da Libertadores.

Reeleito presidente do Flamengo no sábado, Rodolfo Landim comentou sobre o acidente. 

“Eu estava no meio da contagem dos votos quando alguém me contou. A gente fica triste. Ele é um atleta exemplar. Óbvio que vamos prestar apoio a ele”.

Leia mais:  Ronaldinho marca cinco gols e é campeão em torneio de presídio
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana