conecte-se conosco


Entretenimento

Luciano Huck diz que não emprestou jato que buscou Lula em saída da prisão

Publicado

“Eu não dei carona no avião para o Lula, eu não emprestei avião nenhum pro Lula”, disse Huck. Aeronave do apresentador de TV faz parte de frota de companhia de táxi aéreo Icon Táxi Aérea e é fretada por ela a terceiros

São Paulo — Em vídeo publicado em suas redes sociais, o apresentador Luciano Huck explicou que, embora seja dono do jato que levou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva de Curitiba a São Paulo, não foi ele quem emprestou a aeronave. De acordo com Huck, a aeronave faz parte da frota de uma parceira, a Icon Táxi Aérea, e é utilizada por ela em alugueis para terceiros.

Foi em jato da Icon, propriedade de Huck e de sua esposa Angélica, que Lula chegou a São Paulo, no sábado, depois de deixar a prisão em Curitiba. Lula foi solto na sexta-feira (8) após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que voltou a restringir as prisões em segunda instância.

“Eu não dei carona no avião para o Lula, eu não emprestei avião nenhum pro Lula”, disse Huck, em sua publicação. “Eu tenho um sócio, a Icon Táxi Aéreo. E, quando eu não estou voando, o avião fica à disposição deles para fretamento. Em bom português, é para alugar o avião para ajudar a pagar as contas todas.”

A assessoria de imprensa de Huck, que confirma que a aeronave dele faz parte da frota do Icon, já havia informado mais cedo, no sábado, que a agenda de locação das aeronaves é de responsabilidade da empresa de fretamento.

“O voo de hoje [sábado] foi um voo fretado como qualquer outro”, continuou Huck em seu vídeo. “Qualquer especulação política em cima disso é maluquice nesse momento polarizado que vive o pais. O fato não passou de uma simples questão comercial.”

Após desembarcar em São Paulo, Lula seguiu para a sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo, onde discursou para militantes e fez críticas ao governo Jair Bolsonaro.

O apresentador de TV Luciano Huck é apontado como possível candidato a presidente em 2022. Em seu lugar na TV Globo, telespectadores especulam que o apresentador Celso Portiolli será contratado. A informação não foi confirmada e a história surgiu com vídeo divulgado em outubro de Portiolli na Rede Globo.

Leia mais:  11ª edição do Circuito Banestes de Teatro acontece em formato on-line
publicidade

Entretenimento

Influenciadora é internada em estado grave após lipoaspiração

Publicado

Em comunicado, família de Liliane Amorim revelou que a jovem sofreu complicações após o procedimento e agora está na UTI

A influenciadora Liliane Amorim está internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) após complicações em uma cirurgia de lipoaspiração. 

Em comunicado no perfil de Liliane, a família deu detalhes sobre a situação da jovem: “Desde domingo (17), ela está na UTI. Seu estado é grave, mas estável. Entendemos e agradecemos a preocupação de todos, mas pedimos que tenham mais cautela com as informações que estão passando! A família não está acostumada com essa exposição, e o que pedimos é que orem por ela”. 

Segundo informações dos familiares, após a lipoaspiração, Liliane precisou passar por outra cirurgia e então foi internada na UTI. 

A última foto publicada por Liliane, que tem mais de 67 mil seguidores no Instagram, mostra a influenciadora de biquíni, posando em uma piscina. 

No final de 2020, ela escreveu um texto em seu Instagram: “Foi um ano de isolamento, ensinamento e pensamento. Tudo o que passei me fez mais forte. Em 2021, a renovação há de ser feita”.

Leia mais:  'Eu vi a morte', diz piloto que foi engolido por nuvem de tempestade
Continue lendo

Entretenimento

Whindersson Nunes envia 217 cilindros de oxigênio a Manaus

Publicado

Engajado com os problemas da saúde no norte do Brasil, Whindersson Nunes compartilhou uma foto mostrando que enviou mais cilindros de oxigênio a Manaus, no Amazonas.

“Embarque de 217 cilindros feito hoje às 6h30, chegam hoje às 10h30 em Manaus. Já acordei suave, man”, postou o humorista. “Estamos engajados em salvar vidas”, completou.

Whindersson já havia iniciado as ações na semana passada. No sábado (16), ele mostrou que 60 respiradores seriam distribuídos em seis hospitais. “Mandei pra Manaus pra garantir que nenhum arrombado desvie os aparelhos, hoje em dia está difícil confiar”, postou.

A capital amazonense entrou em colapso em meio à pandemia do novo coronavírus por conta do aumento de pacientes infectados pela Covid-19. Até o balanço divulgado em 16 de janeiro, o Amazonas havia contabilizado 229.367 infectados e 6.123 mortes causadas pelo coronavírus.

Leia mais:  11ª edição do Circuito Banestes de Teatro acontece em formato on-line
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana