conecte-se conosco


Camisa 10

Luva de Pedreiro não vai mais vestir camisas dos times de que mais gosta

Publicado

Por contrato, influenciador Iran Ferreira só poderá aparecer publicamente com uniformes das equipes patrocinadas pela Adidas

Quem acompanha as publicações de Luva de Pedreiro já o viu com camisas da seleção brasileira, do Paris Saint-Germain, do Palmeiras, do Vasco… Da última segunda-feira (1º) para cá, no entanto, o influenciador só aparece com os uniformes de times que vestem a marca Adidas.

O motivo é uma cláusula no contrato que Iran Ferreira, nome do criador de conteúdo com mais de 17 milhões de seguidores no Instagram, assinou com a empresa alemã. A exclusividade o limita a vestir uniformes de times como São Paulo e Juventus, dois dos quais já apareceram desde a assinatura do acordo. PSG (Air Jordan), do ídolo Neymar, ou Vasco (Kappa), time do coração, ou ainda a seleção brasileira (Nike) vão ficar para outra oportunidade.

Luva de Pedreiro não poderá vestir camisa da seleção brasileiraAs bases do contrato com a Adidas não são conhecidas. A duração é de 18 meses e deve incluir uma viagem ao Catar, durante a Copa 2022. A marca também é patrocinadora do mundial e tem no argentino Lionel Messi um de seus maiores expoentes.

Leia mais:  Luiza Fiorese: de Venda Nova do Imigrante para a glória na Paralimpíada de Tóquio

O próprio Luva de Pedreiro chamou a relação de “contrato da vida” e até desenhou as três listras no corte de cabelo. A exclusividade de roupas e acessórios é prevista nos contratos de atletas e artistas, como nos casos do ex-jogador Adriano Imperador e do rapper Emicida.

Nas redes sociais, Luva agradeceu a oportunidade com alguns dos seus bordões mais conhecidos.

“O melhor do mundo agora é três listras. Receba. Simplesmente inigualável, inimitável e magnífico. Não tem jeito”, disse.

Esse é o primeiro contrato do influenciador sob a supervisão de Falcão e sua agência F.12. Junto com o pai e a mãe, Iran se mudou para uma mansão alugada pelo ex-jogador de futsal, em Cabo de Santo Agostinho (PE). 

publicidade

Camisa 10

Capixabas ajudam Brasil a conquistar bronze no Mundial de canoa havaiana em Londres

Publicado

Jefferson Cabral, Carlos Fernando Bolsanello, João Paulo Helal e Wesley Oliveira fizeram história ao trazerem a primeira medalha ao ES na modalidade

Tem capixaba se destacando na canoa havaiana no velho continente. O Campeonato Mundial de Sprint Va’a, que aconteceu entre o período de 8 a 16 na Inglaterra (Dorney Lake), mesmo local onde foi disputado as provas de canoagem e remo olímpico dos Jogos de Londres (2012), tiveram quatro atletas do Espírito Santo conquistando o bronze por equipe brasileira.

A Master 40 V12 Masculino 500 metros, conquistou a medalha de bronze e tinha em sua formação quatro atletas capixabas: Jefferson Cabral, Carlos Fernando Bolsanello, João Paulo Helal e Wesley Oliveira.

A competição contou com mais de 30 categorias, 22 países e 1309 competidores. O Brasil encerrou com a conquista de 15 medalhas, como comparação nos dois últimos Mundiais realizados Tahiti (2018) e Austrália(2019), o Brasil havia conquistado 02 medalhas em cada. 

No total, o Brasil conquistou no torneio mundial uma medalha de ouro, sete medalhas de prata e sete medalhas de bronze. Além disso, esta foi a primeira conquista da primeira medalha em Mundial por atletas capixabas.

Leia mais:  Nova Venécia vence a Caldense de virada e encosta nos líderes no grupo na Série D

Continue lendo

Camisa 10

Segunda rodada do campeonato da 3ª Divisão vai movimentar estádios dos bairros e interior neste domingo (21)

Publicado

Neste domingo (21), as equipes do Campeonato de Futebol Amador da 3ª Divisão vão entrar em campo pela segunda rodada da competição. Os jogos vão movimentar os Estádios do Vasquinho, no bairro Interlagos, do Manoel Ribas Neto, no bairro São José, do Antônio Ferreira de Souza mais conhecido como Tafarel, no bairro Santa Cruz, além dos estádios da Vila de Povoação, Farias e do distrito de Bebedouro, a partir das 8 horas. Na primeira rodada, os atletas mostraram que sabem fazer gols e balançaram a rede 55 vezes.

Conforme o regulamento, as equipes estarão divididas em sete chaves e todos os times de cada chave irão se enfrentar durante a fase classificatória.  Os dois primeiros colocados de cada chave, além das duas equipes que tiverem o melhor terceiro lugar, vão garantir passaporte para as oitavas de final do torneio.

O campeão e vice-campeão vão subir para a 2ª Divisão em 2023. Os dois primeiros colocados serão premiados com troféus e medalhas. Também haverá premiação em troféu para o artilheiro e o goleiro menos vazado da competição.

Leia mais:  Nova Venécia vence a Caldense de virada e encosta nos líderes no grupo na Série D

Neste ano, a competição conta com 28 equipes e envolve cerca de 700 atletas na disputa do título. O campeonato é promovido pela Prefeitura de Linhares, por meio da secretaria municipal de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer.

A tabela completa dos jogos está disponível no site da Prefeitura de Linhares: www.linhares.es.gov.br

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana