conecte-se conosco


Camisa 10

MP investigará presidente da CBF por assédio. Ele poderá ser preso

Publicado

O Ministério Público do Rio de Janeiro decidiu investigar a denúncia de assédios sexual e moral a Rogério Caboclo. Se provado, ele corre o risco de ficar até dois anos preso

A situação de Rogério Caboclo pode se complicar.

E muito.

Ele pode não só perder o cargo de presidente da CBF.

A denúncia de assédios, sexual e moral, por uma funcionária da entidade, fez com que o Ministério Público do Trabalho do Rio de Janeiro agisse.

E foi determinada a instauração de um inquérito para apurar a denúncia.

Se comprovada, Caboclo terá de se defender na justiça, correndo até o risco de ser preso.

Assédio no ambiente de trabalho é previsto no artigo 216-A do Código Penal (Decreto-lei 2848/40).

A pena pode chegar a um ou até dois anos de prisão.

A ex-secretária da CBF tem uma hora de áudios de Caboclo. É baseado neles que o Comitê de Ética da entidade o afastou por 30 dias. E pode tirar seu cargo definitivamente.

Nos áudios que foram divulgados, o presidente da CBF chega a oferecer um biscoito canino à funcionária e a chama de ‘cadelinha’. 

E perguntar se ‘ela se masturba’…

Na CBF, ninguém acredita que Caboclo voltará ao cargo. 

Ou o Comitê de Ética indicará sua saída ou ele renunciará.

Aqui a nota do Ministério Público do Rio de Janeiro.

“O Ministério Público do Trabalho no Rio de Janeiro (MPT) informa que, na sexta-feira (4/6), determinou a instauração de Notícia de Fato em face da divulgação pelos meios de comunicação de denúncia de assédio sexual por parte do Presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) Sr. Rogério Caboclo.”

“A denúncia foi distribuída, nesta segunda-feira (7/6), por prevenção, a um dos membros da Coordenadoria Regional de Promoção de Igualdade de Oportunidades e Eliminação da Discriminação no Trabalho (Coordigualdade), o Procurador do Trabalho Artur de Azambuja Rodrigues, que irá determinar as medidas de investigação cabíveis.”

“Ao MPT cabe a defesa da ordem jurídica, do regime democrático e dos interesses sociais e individuais indisponíveis no âmbito das relações de trabalho, devendo atuar para prevenir e enfrentar situações de assédio sexual nos ambientes de trabalho.”

“A violência e o assédio, segundo a Convenção 190 da OIT, são práticas intoleráveis no ambiente de trabalho que visam, resultam ou podem resultar em danos físicos, psicológicos, sexuais ou econômicos para a vítima ou vítimas. São incompatíveis com a sustentabilidade e têm um impacto negativo nas relações e organização do trabalho, pois afeta a autoestima das vítimas, a reputação da empresa e a produtividade. Vale lembrar, ainda, que o assédio sexual, além de constituir uma modalidade de violência e assédio baseada em gênero na Convenção da OIT, também está tipificado como crime no art. 216-A do Código Penal (Decreto-lei 2848/40).”

Leia mais:  Hamilton ganha mais que o dobro do 2º maior salário da Fórmula 1
publicidade

Camisa 10

Globo coloca jogo do Flamengo para ‘barrar’ crescimento do SBT com Seleção Brasileira na Copa América

Publicado

O Flamengo foi peça chave na manobra da Globo para travar o crescimento do SBT com a transmissão do jogo da Seleção Brasileira contra a Venezuela, domingo, às 18h, pela abertura da Copa América. O confronto entre Fluminense e Bragantino, marcado anteriormente para às 16h do mesmo dia, sofreu alterações. Agora, a Globo irá transmitir Flamengo x América-MG no mesmo horário, enquanto o duelo do rival carioca passou para às 20h30.

Assim, para impedir que a emissora de Silvio Santos assuma a liderança em audiência com o jogo da Seleção pela competição sul-americana sediada no Brasil, o Grupo Globo espera criar larga vantagem ao assumir praças no Rio de Janeiro, Distrito Federal e estados da região Norte e Nordeste.

Já para o confronto entre Atlético-MG e São Paulo, às 16h, a Globo reservou os estados de São Paulo e Minas Gerais para exibir ao vivo o duelo. Grêmio x Athletico-PR vai ao ar para o Rio Grande do Sul.

Com a Seleção Brasileira entrando em campo próximo às 18h, a expectativa da rede carioca é diminuir a migração de audiência de torcedores que acompanhavam as partidas do Brasileirão para o SBT.

Leia mais:  Oitavas de final da Libertadores terão três duelos entre brasileiros e argentinos
Continue lendo

Camisa 10

Ex-atacante de Flamengo e Santos morre em acidente

Publicado

Segundo informações da Polícia Militar, o ex-jogador Diogo perdeu controle de sua moto e bateu em um poste. Ele iniciou sua carreira no Santos e passou pelo Flamengo em 2004. Seu último time foi o Grêmio Maringá

O ex-jogador Diogo, 38 anos, que teve passagem pelo Flamengo e pela base do Santos, morreu na noite desta quarta-feira, em um acidente de moto, na cidade de Maringá, no norte do Paraná.

Segundo informações da Polícia Militar de Maringá, Diogo estava dirigindo uma moto, quando perdeu o controle e bateu em um poste de energia elétrica. Ele teve traumatismo craniano, não resistiu aos ferimentos e morreu na hora.

Diogo jogou pelo Teófilo Otoni, de Minas Gerais — Foto: Divulgação

A morte do jogador foi lamentada pelo Flamengo, em suas redes oficiais. O ex-jogador atuou pelo time em 2004 e é lembrado pela torcida flamenguista por conta de seu primeiro jogo vestindo a camisa rubro-negra, contra o CRB, pela Copa do Brasil. Ele começou nas categorias de base Santos e não chegou a jogar pelo profissional. Depois passou por diversos clubes do Brasil e seu último time foi o Grêmio Maringá, em 2017.

Leia mais:  'Eu bebia mais ou menos dez caixas de cerveja por dia', revela Cicinho
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana