conecte-se conosco


Cidades

MPES requer afastamento do prefeito de Marataízes

Publicado

O Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), por meio da Subprocuradoria-Geral de Justiça Judicial, pediu o afastamento cautelar do prefeito de Marataízes por 180 dias. Além do prefeito, dois empresários são alvos da denúncia do MPES por envolvimento no esquema de corrupção investigado na Operação Rubi.

 

Resultado de imagem para prefeito de marataizes

Robertino Batista foi alvo da Operação Rubi e ganhou de empresários viagem para ver Cirque du Soleil e O Fantasma da Ópera

 

A denúncia criminal será apreciada pelo relator do processo no Tribunal de Justiça do Estado do Espírito Santo (TJES).

Na ação, o MPES sustenta que o prefeito de Marataízes solicitou e recebeu vantagens indevidas e aceitou promessa de vantagem em contrapartida. Os empresários, donos de uma empresa de limpeza urbana, foram denunciados por oferecer ou prometer a vantagem indevida a funcionário público que, por sua vez, determinou a prática, omitiu ou retardou ato de ofício.

A Operação Rubi, deflagrada em 8 de maio deste ano, tem como objetivo desarticular uma organização criminosa constituída para lesar os cofres dos municípios de Presidente Kennedy, Marataízes, Jaguaré e Piúma por direcionamento licitatório em favor de empresas contratadas, pagamento de propinas a agentes públicos e superfaturamento de contratos de prestação de serviço público.

As investigações do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), com o apoio do Núcleo de Inteligência da Assessoria Militar do MPES e parceria do Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo (TCEES), tiveram início em 2018.

Leia mais:  Inpe e Marinha emitem alerta de ventania e ondas de até 4 metros para municípios do ES
publicidade

Cidades

Aberta as inscrições para o Nossa Bolsa 2021 com mais de mil oportunidades

Publicado

Quem sonha em começar um curso superior em 2021 tem que ficar de olho nas 1.021 oportunidades abertas pelo Programa Nossa Bolsa para este ano. Os interessados devem se inscrever pelo www.nossabolsa.es.gov.br entre os dias 25 e 29 de janeiro. O quadro de vagas com os cursos disponíveis e as instituições de ensino que os ofertam está disponível no site da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes).

Devido ao adiamento das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2020, o Governo do Espírito Santo vai garantir a realização do Nossa Bolsa 2021 a partir dos resultados referentes aos anos de 2015 a 2019. Ou seja, só podem participar deste processo seletivo os candidatos que já concluíram o Ensino Médio e já realizaram uma das provas do Enem nesse período.

Como a missão do programa é atender a quem mais precisa, as oportunidades são direcionadas à população de baixa renda e são ofertadas em 33 instituições de Ensino Superior privadas espalhadas por 15 municípios em todas as regiões do Estado. A maior parte das bolsas cobre o valor integral da mensalidade, sendo que apenas 39 bolsas parciais serão disponibilizadas.

Quem pode?

O Programa Nossa Bolsa concede bolsas em cursos de graduação ofertados por instituições privadas e é dirigido aos estudantes egressos do Ensino Médio da rede pública ou da rede particular que estiveram na condição de bolsistas integrais.

Se o grupo familiar do candidato possui renda per capita de até um salário mínimo, ele poderá concorrer a bolsas integrais que correspondem a 100% da mensalidade; se a renda per capita for de até três salários mínimos, o aluno poderá concorrer a bolsas parciais de 50%.

O processo seletivo do Nossa Bolsa prioriza o ingresso de pessoas que moram em bairros com alto índice de vulnerabilidade social e de quem se autodeclara afrodescendente no ato da inscrição. Por isso, é preciso informar o Código de Endereçamento Postal (CEP) para verificar se o candidato está em um bairro atendido pelo Programa Estado Presente em Defesa da Vida.

Só serão aceitas as inscrições de candidatos que alcançarem média global de 500 pontos, considerando as provas objetivas e de redação do Enem realizado pelo candidato entre os anos de 2015 e 2019.

Também podem participar do processo candidatos que concluíram o curso técnico em um Centro Estadual de Educação Técnica (CEETs) do Espírito Santo e também os que cursaram o Ensino Médio ou Técnico nas escolas do Movimento de Educação Promocional do Espírito Santo (Mepes).

Não é permitida a participação de candidatos que já possuam outro diploma de graduação, nem de selecionados em edições anteriores do programa e que abandonaram o curso.

O programa também não realiza a contratação de selecionados que estejam matriculados em outro curso superior, nem dos que já foram contemplados por outros programas de bolsa de graduação ou de financiamento estudantil.

Cronograma do Nossa Bolsa 2021

1) Período de inscrição:

de 25 a 29 de janeiro

2) Resultado da 1º Chamada:

03 de fevereiro

3) Entrega de documentos e matrícula nas faculdades:

de 04 a 10 de fevereiro

4) Resultado da 2º Chamada:

12 de fevereiro

5) Entrega de documentos e matrícula nas faculdades:

de 18 de fevereiro a 24 de março

6) Manifestação de interesse na lista de espera:

de 01 a 03 de março

7) Resultado da lista de espera:

05 de março

8) Entrega de documentos e matrícula nas faculdades:

de 08 a 12 de março

Leia mais:  Inpe e Marinha emitem alerta de ventania e ondas de até 4 metros para municípios do ES
Continue lendo

Cidades

Homem morre e sete pessoas ficam feridas em grave acidente na BR-101

Publicado

Uma das pistas precisou ser interditada e o tráfego está seguindo em sistema pare e siga

Um homem morreu e outras setes pessoas ficaram feridas após se envolverem em um grave acidente, no início da tarde deste sábado (23). A colisão envolvendo dois veículos de passeio, ocorreu na altura do km 232,3 da BR 101, em Fundão

De acordo com o Centro de Controle Operacional da Eco101, concessionária responsável pela administração da via, a vítima fatal era motorista de um dos veículos envolvidos no acidente. O homem morreu no local.  

Dentre os feridos, três pessoas foram encaminhadas para o Hospital Estadual de Urgência e Emergência, em Vitória, uma para o Hospital Infantil, também na capital, e outras três para o Hospital São Camilo, em Aracruz. 

Ambulâncias, viatura de inspeção e guincho da Eco 101, além da Polícia Rodoviária Federal, Samu, Corpo de Bombeiros, perícia da Polícia Civil e IML foram acionados para dar apoio a ocorrência. 

Ainda não há informações sobre como o acidente ocorreu. Uma das pistas precisou ser interditada e o tráfego está seguindo em sistema pare e siga.

Leia mais:  Estado amplia horário de funcionamento de restaurantes e faz ajuste em regras para academias
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana