conecte-se conosco


Moda e Beleza

Óleo para cabelos: ideais para cabelo cacheado, ressecado, crescer e baratos!

Publicado

Existem muitas maneiras diferentes de usar óleo de cabelo! No banheiro (em grandes quantidades e deixando agir antes da lavagem), no shampoo, no condicionador ou no uso diário para dar maciez e brilho. Mas qual escolher? Tudo depende do seu tipo de cabelo!

Se você tem cabelos frágeis e quebradiços, opte pelo óleo de mamona para fortalecê-lo. Se você tem cabelos secos, use melhor óleo de coco, o que lhe dará a hidratação necessária. O óleo de jojoba é perfeito se você tem cabelos oleosos, porque ele vai ajudar o cabelo oleoso a ter um controle do sebo. O óleo de abacate é o mais adequado se você tiver o cabelo danificado. E se você tiver um couro cabeludo irritado, use óleo de amêndoa doce: você vai adorar!

Como aplicar óleo nos cabelos

oleo-para-cabelos

Sendo um produto denso e grosso, é importante saber como aplicá-lo no cabelo para que você não fique com os cabelos muito oleosos. Idealmente, aplique o óleo capilar após a lavagem, com o cabelo molhado.

Despeje uma gota de produto em suas mãos do tamanho de uma avelã, misture as duas mãos com movimentos envolventes e aplique nos cabelos dos meios as pontas. Não aplique nas raízes.

Além disso, se você tiver cabelos muito secos e danificados, depois de passar o secador ou chapinha, poderá aplicar um pouco mais do produto (meia avelã) novamente nas pontas, para nutrir os cabelos após a agressão por calor do secador ou prancha.

Embora cada produto seja diferente e seja necessário seguir as instruções de cada fabricante, os óleos capilares podem ser divididos em dois grandes grupos: os que devem ser aplicados antes da lavagem porque precisam de enxágue e os que podem ser aplicados com cabelos limpos porque eles não lubrificam ou sujam.

No primeiro grupo, encontramos todos os óleos mais densos, que nutrem e reparam os cabelos em profundidade, mas sempre devem ser esclarecidos. Podemos aplicá-los cerca de 30 minutos antes do banho ou na noite anterior e deixá-lo agir enquanto dormimos. Nos dois casos, é aconselhável enrolar o cabelo em uma toalha para aumentar o efeito do produto.

Enquanto isso, no segundo grupo, entra todos os óleos de acabamento, que proporcionam brilho ou hidratação instantaneamente, mas sem lubrificar ou dar uma aparência suja aos cabelos.

Melhores óleos para cabelos ressecados

Quem costuma cuidar das madeixas com óleos vegetais sabe que o óleo de coco é um dos principais produtos da categoria. Não é a toa que o ingrediente marca presença nas receitas caseiras e umectações. Seus benefícios e a lista de nutrientes é bastante extensa, contando com vitamina E e ferro em sua composição. E por isso, o óleo de coco possui a característica de ser um ótimo umectante capilar, capaz de eliminar o ressecamento e outros danos em poucas aplicações.

Melhores óleos para cabelos cacheados

óleo de coco é o primeiro da lista, pois é um dos queridinhos não só entre as cacheadas, mas entre todas as mulheres que usam óleos vegetais para tratar as madeixas, isso se não for o queridinho mesmo, número 1 de seus corações. Isso porque o óleo de coco é o que chamamos de componente multifuncional, pois tem diversos usos e benefícios, sendo alguns deles: hidratação, nutrição, sedosidade, movimento, combate ao frizz e pontas duplas, proteção do fio como pré-shampoo, prevenção de danos, retenção de umidade, antioxidante, condicionante, entre muitos outros.

Óleo de manga: Poderoso revitalizante da fibra capilar, devido a presença de fósforo, ferro e cálcio em sua composição. É altamente indicado para os cabelos cacheados e crespos que são mais finos e frágeis, pois é responsável por deixar as madeixas mais encorpadas e fortalecidas. Além disso também hidrata e auxilia a definição dos cachos.

Óleo de abacate: Combatente ferrenho contra o frizz, o óleo de abacate possui componentes como aminoácidos, ferro, magnésio e muitos outros que promovem a eliminação dos fios rebeldes. Além disso, esse eficaz óleo vegetal equilibra a nutrição e hidratação dentro da fibra capilar.

Melhores óleos para crescer os cabelos

Óleo de jojoba: Ele é excelente para a saúde do cabelo porque tanto a sua espessura quanto a sua formulação é bastante similar ao óleo produzido naturalmente por nosso couro cabeludo. Isso quer dizer que ele é ótimo em nutrir o cabelo, e hidratar toda a extensão do fio – da raiz do couro cabeludo às pontas. E cabelo bem hidratado previne quebras e melhora a retenção e crescimento.

Óleo de tomilho: O óleo de Tomilho não é tão comum, e por isso, não é facilmente encontrado em farmácias. Se você procurar, talvez seja mais fácil encontrá-lo em lojas de produtos naturais. Ele é ótimo para o crescimento porque é um bom estimulante quando usado para massagens no couro cabeludo. A própria massagem vai auxiliar na melhoria da circulação, e o óleo vai auxiliar o crescimento dos fios.

Óleo de lavanda: o óleo de lavanda é um ótimo estimulante e excelente para massagens no couro cabeludo. Ele  também tem propriedades antibacterianas, o que ajuda a proteger o escalpo de infecções e trata a caspa. No cabelo, recomenda-se usar uma mistura dele com o óleo de oliva.

Faça assim: separe algumas folhas de lavanda e  as coloque em uma jarra de vidro. Cubra as folhas com azeite, feche e guarde em um local fresco e escuro por até 3 semanas. Use o óleo antes de fazer uso de algum modelador de calor (secador, chapinha, difusor, etc.). Coloque um pouco de óleo nas mãos e massageie bem o couro cabeludo. Lave com um shampoo leve e condicione. Depois, finalize como de costume.

Leia mais:  Receita caseira: máscara facial de gengibre para prevenir rugas
publicidade

Moda e Beleza

Francesinha colorida: confira algumas ideias dessa nova tendência

Publicado

Com essa onda de produções inspiradas nos anos 1990 e 2000, não é novidade para ninguém que o colorido é o novo “pretinho básico” quando o assunto é moda, certo? O estilo kidcore ,estética que lembra as produções mais infantis, está invadindo o nosso guarda-roupa cada vez mais e, obviamente, não ia demorar muito para chegar até as nossas unhas. Além das unhas 3D, uma outra tendência está voltando à tona, porém repaginada e fazendo a festa nas garras das fashionistas: a francesinha colorida.

Deixe o branco básico de lado!

Curinga e queridinha das mulheres durante anos, a francesinha tradicional, composta por tons leves de branco, está dando lugar às unhas mais modernas e divertidas. Assim, seja você básica ou mais extravagante, vale escolher o estilo de francesinha que mais te agrada e se jogar na criatividade na hora de pintar as mãos com essa mais nova tendência.

Abaixo, confira algumas ideias de francesinhas diferentonas:

Reprodução / Instagram @nail_sunny

Para quem não está pronta para aderir às unhas mais ousadas, uma ótima opção é simplesmente trocar a clássica francesinha branca por outra cor. O resultado é uma unha diferente, simples e bem fashion para você arrasar com a nova tendência!

Reprodução / Instagram @jeanekellynaildesigner

Não quer ficar presa a uma única cor? Opte por abusar das cores nas suas unhas! Essa produção nas suas garras vai combinar perfeitamente com um outfit romântico e arrojado. E não se esqueça de usar assessórios nas mão para o look ficar completo.

Reprodução / Instagram @casoriodeluxo_

Animal print e francesinha na mesma mão? Sim! Além de você juntar duas tendências que estão em alta, fica perfeito se você quer um visual diferenciado e estiloso. Aposte cada vez mais na criação.

Reprodução / Instagram @stephany_tizziani_nails

Para quem ainda não pretende sair da zona de conforto, mas adora um truque básico, opte pelo clássico preto. Além de ser super delicado, é a aposta certeira para quem quer fazer algo diferente, mas não está preparado para uma explosão de cores.

Reprodução / Instagram @nail_sunny

É só dar uma volta nas redes sociais para descobrir que os corações estão super em alta. Além de ser um tipo de nail art sútil, combina com quem gosta de compor looks românticos.

Reprodução / Instagram @larissafazfibradevidro

Ao invés de fazer a listra retinha na ponta de suas unhas, você pode investir em um formato diferenciado. Dá para você apostar em diversas cores e arrasar nas sobreposições.

Reprodução / Instagram @cloud9claws

Divertido e colorido, o estilo kidcore em sua essência não poderia ficar de fora dessa lista, certo? Além de estar bombando nas mãos das fashionistas com uma cara mais colorida e infantil, ele é super estiloso e é a produção ideal se você pretende sair da rotina.

Leia mais:  Confira looks com blazer a tendência das mulheres de negócio
Continue lendo

Moda e Beleza

A clássica estampa pied de poule está dominando os looks de inverno

Publicado

A expressão “pied de poule” vem do francês e significa “pés de galinha”, fazendo uma referência ao desenho da estampa clássica que realmente lembra a marca deixada no chão pelo animal. A mesma padronagem, em tamanho maior, é conhecida como “pied de coq”, ou seja, “pé de galo”, em português.

A história dessa estampa vem do século XIX, mas foi somente nos anos 1920 e 1930 que foi popularizada por Coco Chanel com seus tailleurs, os famosos conjuntinhos de tweed inspirados no armário masculino. Mais tarde, em 1947, a febre chegou à Dior, que fez o frasco do seu icônico perfume Miss Dior com o desenho.

Na época, associava-se o pied de poule à alta sociedade, mas, hoje, ele conquistou as ruas e virou um clássico do outono-inverno! Por isso, separamos alguns looks para te mostrar como a padronagem é uma opção estilosa e atemporal em que vale a pena investir.

Coletes

O colete de tricô é a grande tendência desta estação! Com uma vibe vintage, meio “peguei emprestado do meu avô”, ele deixa qualquer visual mais fashionista. Uma ótima dica é usá-lo por cima de uma camisa branca.

Calças

As calças são aquele curinga que marca presença nos dias frios. Apesar da vibe clássica, o pied de poule garante um resultado cheio de atitude!

Casacos

Quentinha e estilosa sim! Os casacos, blazers e sobretudos adicionam uma camada extra que faz toda a diferença na produção. Jogue por cima de uma roupa preta e branca ou, se quiser ousar, de um conjuntinho colorido!

Saias e shorts

As peças mais curtinhas ficam incríveis com meia calça e bota de vários modelos – coturno, com sola tratorada, de cano longo…

Colorido

Embora o preto e branco seja uma dupla tradicional quando se trata de pied de poule, os tons coloridos também aparecem em algumas roupas e podem ser uma excelente escolha para alegrar seus visuais de inverno. Que tal?

Leia mais:  Máscara de morango pode ajudar no rejuvenescimento
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana