conecte-se conosco


Moda e Beleza

Os novos tratamentos que fazem bem para a pele com probióticos

Publicado

Todos os anos é a mesma história: quando chega o inverno e as temperaturas são mais frias, a pele é posta à prova. Secura, desequilíbrios, vermelhidão, perda de brilho, coceira, aperto … No verão, a mesma observação: as crises são bem diferentes, mas é sempre a pele que é a primeira a ser atingida. Nos últimos meses, esses fenômenos recorrentes e naturais foram ainda mais acentuados pelo uso de máscara ou mesmo pelo estresse: ataques adicionais à pele, que parece ter dificuldade em se recuperar. Felizmente, alguns segredos de beleza podem nos ajudar a remediar isso … Você já deve ter conhecido os probióticos por seus benefícios comprovados em nossa flora intestinal, mas você sabia que eles também podem ser benéficos para nossa pele e assim integrar nosso cuidado diário? Neste artigo, fazemos um balanço desta nova geração de cosméticos que nos quer bem.

O que é a microbiota?

Cada um de nós tem, desde o nascimento, o que se chama de flora microbiana, ou seja, vários bilhões de microorganismos, bactérias, fungos, leveduras … que investem nosso corpo, tanto dentro como fora. Assim, nossa pele fica absolutamente coberta por bactérias, é a flora cutânea, também chamada de microbiota.

Se for do lado da flora intestinal, o conhecimento científico é particularmente avançado, no que diz respeito à pele, tantas possibilidades permanecem por explorar! De qualquer forma, uma coisa é certa: as dezenas de bilhões de bactérias que protegem nossa flora cutânea são tão importantes quanto aquelas que habitam nossos intestinos. Para uma pele sã, que irradie beleza ao longo do ano, é portanto imprescindível garantir o equilíbrio da microbiota, que aí está precisamente para a proteger de agressões, infecções, inflamações, envelhecimento precoce…

microbiota-cutanea-beneficios

Por que a flora da pele está desequilibrada?

Embora certos parâmetros – como idade, sexo ou genética – sejam conhecidos por influenciar o equilíbrio de nossa microbiota, sem poder fazer muito a respeito, outros elementos externos também são uma fonte de perturbação. Entre eles encontramos, por exemplo, o clima, a poluição, o estresse, o cansaço ou a temperatura corporal, mas também os ataques que “deliberadamente” aplicamos na pele. Entre os piores inimigos da nossa flora cutânea, está de fato o uso de produtos muito agressivos, que deterioram totalmente o equilíbrio da pele, sem separar as bactérias boas das más que ali se encontram. Dois constituintes principais da barreira cutânea são, portanto, impactados diretamente: o pH e o filme hidrolipídico da pele.

cosmeticos-com-probioticosCosméticos microbióticos, valem à pena?

Probióticos são microrganismos vivos, que anteriormente eram possíveis de ingerir na forma de suplementos alimentares, para ser tomado como uma cura (como se faria com vitaminas, por exemplo). Mas agora, recentemente, novas possibilidades estão disponíveis para nós. De fato, as marcas passaram a introduzir probióticos na formulação de alguns de seus produtos cosméticos, para uma ação cada vez mais estimulante e protetora do sistema imunológico da flora cutânea. Usá-los diariamente promove consideravelmente a diversidade microbiana da pele, fortalecendo a proliferação de bactérias boas. 

Os resultados assim obtidos prometem ser consideráveis: não só para pessoas com tendência a problemas de pele (eczema, acne, rosácea, ressecamento da pele, etc.), mas também para todos aqueles que desejam uma pele radiante de saúde e beleza.

Leia mais:  A clássica estampa pied de poule está dominando os looks de inverno
publicidade

Moda e Beleza

A clássica estampa pied de poule está dominando os looks de inverno

Publicado

A expressão “pied de poule” vem do francês e significa “pés de galinha”, fazendo uma referência ao desenho da estampa clássica que realmente lembra a marca deixada no chão pelo animal. A mesma padronagem, em tamanho maior, é conhecida como “pied de coq”, ou seja, “pé de galo”, em português.

A história dessa estampa vem do século XIX, mas foi somente nos anos 1920 e 1930 que foi popularizada por Coco Chanel com seus tailleurs, os famosos conjuntinhos de tweed inspirados no armário masculino. Mais tarde, em 1947, a febre chegou à Dior, que fez o frasco do seu icônico perfume Miss Dior com o desenho.

Na época, associava-se o pied de poule à alta sociedade, mas, hoje, ele conquistou as ruas e virou um clássico do outono-inverno! Por isso, separamos alguns looks para te mostrar como a padronagem é uma opção estilosa e atemporal em que vale a pena investir.

Coletes

O colete de tricô é a grande tendência desta estação! Com uma vibe vintage, meio “peguei emprestado do meu avô”, ele deixa qualquer visual mais fashionista. Uma ótima dica é usá-lo por cima de uma camisa branca.

Calças

As calças são aquele curinga que marca presença nos dias frios. Apesar da vibe clássica, o pied de poule garante um resultado cheio de atitude!

Casacos

Quentinha e estilosa sim! Os casacos, blazers e sobretudos adicionam uma camada extra que faz toda a diferença na produção. Jogue por cima de uma roupa preta e branca ou, se quiser ousar, de um conjuntinho colorido!

Saias e shorts

As peças mais curtinhas ficam incríveis com meia calça e bota de vários modelos – coturno, com sola tratorada, de cano longo…

Colorido

Embora o preto e branco seja uma dupla tradicional quando se trata de pied de poule, os tons coloridos também aparecem em algumas roupas e podem ser uma excelente escolha para alegrar seus visuais de inverno. Que tal?

Leia mais:  Tendências de unhas para 2021
Continue lendo

Moda e Beleza

Unhas 3D: saiba mais sobre a nail art que está bombando nas redes sociais

Publicado

Confira algumas ideias de garras tridimensionais para você aderir à moda

A cada dia que passa, nos inspiramos mais e mais nas fashionistas de plantão. A última tendência que elas nos apresentaram foi a volta dos anos 1990 e 2000, que bateu em nossas portas com piranhas de cabelo e roupas estilo kidcore. No entanto, para dar um “tcham” na produção colorida, a moda agora é deixar as garras multicolor e 3D. É isso mesmo! As nail arts entraram para jogo e decidiram chamar atenção, tanto quanto os looks atuais, com o seu estilo tridimensional.

A tendência começou no Japão e na Coreia, porém, já se espalhou para o resto do mundo e ninguém quer deixar passar batido. Logo, as unhas 3D já conquistaram o mercado norte-americano, inclusive a diva Kylie Jenner!

Alto Astral

Para obter esse visual tridimensional, é necessário que o processo seja feito com uma manicure, já que requer muita técnica. No entanto, é possível se arriscar em casa.

De forma resumida: as unhas 3D são feitas a partir de várias camadas de esmalte transparente em gel. Além disso, normamente, também é aplicado um gel mais firme para que diferentes formas possam ser desenhadas nas unhas de acordo com o gosto e estilo de cada um, como corações ou gotinhas.

Também vale ter em mãos pincéis finos para acabamento e não se esquecer de escolher bem os dedos que carregarão as unhas 3D, já que as unhas ficam mais grossas que o normal com esse tipo de nail art.

Alto Astral

Se você quer entrar de cabeça nessa tendência, aposte em cores vivas e no efeito moldura. Coloque o elemento tridimensional apenas em algumas unhas para dar aquele toque arrojado. 

Alto Astral

Para as mais ousadas, as clássicas garras longas podem ser uma boa pedida! Combinar o estilo transparente com as unhas 3D também fica super fashion. Vale apostar em gotinhas ou pérolas para um charme extra.

Alto Astral

Até os corações entraram na brincadeira! Que tal pintar uma unha de casa cor e optar por formatos divertidos? Esse estilo é uma boa para as mais românticas que querem brincar com as unhas 3D.

Alto Astral

Quem quiser chamar bastante atenção, é possível usar e abusar das unhas estilo Hello Kitty! Mas lembre-se: o relevo está em quase todas as unhas, ou seja, pode ser que você perca um pouco de mobilidade nos dedos.

Alto Astral

As holográficas também entraram para o jogo! Combina-las com relevos mais brutos, como brilhos e pérolas, pode deixar o visual simples, porém super descolado. 

Alto Astral

Para quem quer um efeito bem natural, mas não quer deixar a tendência passar batido, uma ótima opção é fazer o efeito moldura e sem esmaltação na unha.

Leia mais:  Como misturar e combinar Estampas Florais e Mix & Match
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana