conecte-se conosco


Cidades

Plataforma gratuita de educação financeira leva orientações para organização de finanças

Publicado

Conteúdo direcionado ao orçamento familiar já está disponível para ser acessado por meio de aplicativo e site

Organizar a vida financeira familiar é fundamental para gerir o orçamento doméstico, traçar metas, evitar dívidas indesejadas e estar preparado para lidar com as emergências e crises econômicas.

Para auxiliar as famílias impactadas pelo rompimento da barragem de Fundão, em Mariana (MG), a conquistar uma vida financeira saudável e estimular o empreendedorismo, a Fundação Renova e a Menver, empresa de gestão de negócios, lançaram o site e o aplicativo Menver Educação Financeira.

As plataformas oferecem conteúdos educativos com aulas e dicas para as famílias lidarem melhor com o dinheiro, por meio de organização das finanças, controle dos gastos, formas de investimentos e mudanças de hábitos. O acesso é gratuito e exclusivo para as famílias com cadastro na Fundação Renova. O aplicativo está disponível na loja de aplicativos de celular com sistema Android ou pelo site www.menvereduca.com.

“Esta é mais uma ferramenta importante para apoiar as famílias, juntamente com uma série de cursos, cartilhas e seminários já disponibilizados”, diz Roberto Ruggeri, analista de Economia e Inovação da Fundação Renova.

As famílias devem fazer um cadastro para ter acesso a todos os conteúdos. A cada semana serão inseridos dois novos vídeos. Os dois primeiros já disponíveis têm como temas “Introdução à educação financeira” e “Como se manter nesse momento de crise”. Dentro da plataforma, também há um canal para esclarecimento de dúvidas.

Sobre a Fundação Renova

A Fundação Renova é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos, constituída com o exclusivo propósito de gerir e executar os programas e ações de reparação e compensação dos danos causados pelo rompimento da barragem de Fundão.

A Fundação foi estabelecida por meio de um Termo de Transação e de Ajustamento de Conduta (TTAC), assinado entre Samarco, suas acionistas Vale e BHP, os governos federal e dos estados de Minas Gerais e do Espírito Santo, além de uma série de autarquias, fundações e institutos (como Ibama, Instituto Chico Mendes, Agência Nacional de Águas, Instituto Estadual de Florestas, Funai, Secretarias de Meio Ambiente, dentre outros), em março de 2016.

Leia mais:  Governo do Espírito Santo divulga 13º Mapa de Risco Covid-19
publicidade

Cidades

Sedu realiza reunião de alinhamento das avaliações e metas para 2022

Publicado

A Secretaria da Educação (Sedu), por meio da Gerência de Avaliação (GEA), realizou, nessa quarta-feira (26), a Reunião de Alinhamento 2022. Conduzida pela gerente Endy de Albuquerque Silva e pela subgerente Giselle Peres Zucolotto, foram pontuados os indicadores, as metas e as estratégias do Plano Estadual de Educação (PNE), referente às avaliações externas e índices, o Mapa Estratégico da Sedu e o Decreto Nº 4.889.

A partir disso, a GEA preparou seu plano estratégico para este ano, direcionando os trabalhos a serem desenvolvidos pela equipe e priorizando a garantia da qualidade, além da busca pela equidade na educação.

A reunião foi centrada no Mapa Estratégico 2019-2022, tendo em vista o foco nos parâmetros avaliativos e nos resultados das avaliações educacionais para monitorar o desempenho e analisar o sistema de ensino. A GEA planejou sistemática de assessoramento às avaliações nos âmbitos nacional e internacional e elaborou o cronograma para aplicação das avaliações estaduais.

“Foi um momento criativo, realizado com muito diálogo, aprendizado, trocas de ideias e apropriação das informações para o Planejamento Anual de 2022”, disse a gerente da GEA, Endy de Albuquerque Silva.

Leia mais:  Após mais de 270 ligações de cobrança no mesmo dia, capixaba receberá indenização de R$ 5 mil
Continue lendo

Cidades

Nuvem impressionante chama atenção em Aracruz

Publicado

Fenômeno foi registrado na manhã desta quarta-feira. Instituto explica a formação curiosa

Quem já assistiu ao filme “Twister” lembra, imediatamente, das cenas que impressionaram nos cinemas em 1996, quando vê a imagem que surpreendeu os moradores de Aracruz, no Norte do Espírito Santo, na manhã desta quarta-feira (26). A nuvem surgiu próximo à entrada ao Estaleiro Jurong Aracruz (EJA) e deixou a população curiosa.  

Mas, o que será este fenômeno da natureza? 

De acordo com o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), em uma primeira análise, a imagem trata-se de um tipo de nuvem popularmente conhecida como nuvem preteleira ou “shelf cloud” (em inglês) e é técnicamente conhecida como “Cumulonimbus Arcus”. 

O Incaper informou, também, que este é um tipo de formação de nuvem que tem aspecto característico de uma longa, baixa e densa camada horizontal, anexada logo abaixo a uma nuvem-mãe (neste caso, uma Cumulonimbus – Cb).

Segundo o Incaper, a nuvem é formada em função das chuvas que devem estar ocorrendo no município no instante em que a foto foi tirada. 

Leia mais:  Projeção é de queda de vendas na Páscoa e já há promoção de ovos
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana