conecte-se conosco


Cidades

Praias e pontos turísticos não pode deixar de conhecer em Vila Velha

Publicado

Vila Velha – Para quem quer fugir da rotina, aproveitando belíssimas praias, além de muita cultura e história, Vila Velha é o destino ideal. Tanto, que a expectativa é que 800 mil turistas circulem na cidade até o final deste verão.

Além dos roteiros históricos e culturais, como o Convento da Penha e a Largo da Prainha, a dica para a população, visitantes e turistas é se deliciar nos 32 km de litoral de praias encantadoras, cada uma como características próprias.

 “Temos uma vasta seleção de praias para todos os tipos e gostos. Praia para família e crianças com pedalinho, banana boat, caiaques, standup; praias para a prática do surf, e esportes radicais como o kite surf (com serviço de aula prática); além de points de altinha, vôlei de praia, futevôlei. A Arena Verão, idealizada pela Prefeitura de Vila Velha, por exemplo, iniciou suas atividades com uma programação atrativa e variada nas areais da Praia da Costa”, ressaltou a subsecretária municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Neymara Carvalho.

Distribuídas em seus 32 km de litoral, Vila Velha abriga quinze praias e duas lagoas. São elas: Lagoa Grande – Ponta da Fruta; Lagoa – Morada do Sol; Praia do Barrão – Barra do Jucu; Praia dos Recifes – Rodovia do Sol; Praia de Ponta da Fruta; Praia da Barrinha – próximo à foz do Rio Jucu; Praia de Itaparica – Itaparica; Praia de Itapuã; Praia da Costa; Praia da Sereia – final da Praia da Costa; Praia do Ribeiro – Morro do Moreno; Praia Secreta – próximo ao Farol Sta. Luzia; Praia do Bananal – Morro do Moreno; e Praia da Concha – Barra do Jucu.

Conheça nossas praias

Praia de Itaparica
Atende bem aos turistas com sua boa infraestrutura de bares e restaurantes para degustar a culinária local. Um dos principais atrativos são os quiosques que agitam o final de semana com música ao vivo, assim como feiras de artesanato. Para quem deseja curtir baladas à noite, não tem praia mais interessante. É considerada também uma das melhores praias de Vila Velha, especialmente por sua animação. Itaparica fica situada próximo à Praia da Costa e à Praia de Itapuã. Possui, ao todo, 3,5 km de extensão com mar de ondas altas e fortes, sendo um destino muito procurado por surfistas.

Praia da Costa
Os visitantes encontram águas claras e tranquilas. A praia mais famosa de Vila Velha também considerada uma das mais bonitas do estado do Espírito Santo é dividida na verdade em duas: Praia da Costa e Praia da Sereia. Possui um calçadão longo, com espaço de ciclovia e área especial para a prática de esportes. Uma curiosidade é que no final da Praia da Costa está a Ilha dos Pacotes, que é utilizada como área privativa da Marinha, mas que possui também a atividade de pesca submarina.
 
Praia do Bananal
Point do verão e mais um paraíso pertinho de você. Um pedacinho de praia muito bonita e aconchegante, fica localizada ao lado do Morro do Moreno, na Praia da Costa.
Muito boa para levar a criançada e também para quem está em busca de descanso. Ótima para esportes náuticos e lazer com opções de bares e restaurantes próximos.

Leia mais:  Governo do Espírito Santo divulga 33º Mapa de Risco Covid-19

Ilhas Itatiaia e Pituã
Outra boa pedida para o fim de semana é visitar as Ilhas Itatiaia e Pituã, em frente à Praia de Itapuã. A distância entre uma e outra são de, aproximadamente, 500 metros – estando a 1 km da praia. Logo no desembarque, nota-se a beleza do lugar, as vegetações somam-se às piscinas naturais de águas transparentes, onde variadas espécies marinhas se abrigam como ouriços, estrelas do mar e peixes.
Na Colônia de Pescadores da Praia de Itapuã, vários barqueiros fazem o percurso. Há várias placas ao longo do calçadão oferecendo o serviço. Para quem sabe nadar e tem preparo físico, dá para ir nadando. Aos visitantes é recomendado recolher o lixo gerado. As ilhas são bem preservadas e limpas.

Praia de Itapuã
O potencial pesqueiro tornou essa praia um dos principais pontos de pesca de arremesso do estado. É continuação da bela Praia da Costa e está situada a somente 3 km do centro da cidade. Partem de lá muitos barcos para a prática do arrastão de rede no final da tarde. Conta com uma extensa faixa de areia que permite a prática de diversos esportes, como vôlei e futebol. Tem excelente infraestrutura hoteleira e de bares e restaurantes ao longo da sua orla.

Praia do Barrão
Já se tornou a primeira escolha de quem gosta de surfe, canoagem e body board. Uma das melhores praias de Vila Velha para os adeptos de esportes, pois conta com calçadão extenso e ciclovia. Destaque para o Morro da Concha que fecha com chave-de-ouro o visual sensacional da Praia do Barrão.

Praia do Coral do Meio
Situada ao lado do Morro da Concha, a Praia do Coral do Meio, é uma enseada de pequeno porte que possui uma faixa extensa de areia com um tom de amarelo diferenciado e textura fofa. O mar é tranquilo, tornando as suas águas maravilhosamente esverdeadas, uma excelente opção para banhistas.

Praia da Baleia
A Praia da Baleia fica situada no balneário de Ponta da Fruta, entre Guarapari e Vitória, mas ainda no território de Vila Velha. O destaque fica por conta de suas ondas altíssimas que atraem muitos surfistas. Também é um local propício para a prática de mergulho e ciclismo aproveitando a sua ciclovia. Tendo 2.500 metros de beleza praticamente intocada pelo homem, possui ainda bares e restaurantes. O nome se deve a visita de filhotes de baleia a praia.

Praia da Barra do Jucu
Esse encontro pode deixar a água um pouco mais escura no local, contudo, também tornar o mar tranquilo e ideal para a prática de esportes náuticos e atividade pesqueira. Conta com ondas fortes e altas que fazem a alegria de surfistas, contudo, os banhistas devem tomar cuidado com o repuxo. Por ser uma praia com pouca infraestrutura de bares e restaurantes é praticamente deserta.
O principal atrativo dessa praia, que está a 11 km de Vila Velha, é o encontro das águas do mar com as águas do Rio Jucu. O Rio Jucu foi o responsável pela interiorização do estado do Espírito Santo e a praia fica bem próxima da sua foz. Aproveite a possibilidade de fazer um passeio histórico pelo local.

Leia mais:  Em quatro dias, força-tarefa registra 2 mil atendimentos no sul do Estado

Aproveite para se aprofundar na história e aproveitar mais a cultura

Durante sua visita, aproveite para conhecer também os atrativos turísticos da cidade que foi fundada em 1535. Outros atrativos como a tirolesa instalada este mês no Morro do Moreno completa o roteiro de esportes radicais oferecido no local, que também é point da escalada, rapel, parapente, trilhas e caminhadas.

 
Sítio Histórico
O Sítio Histórico da Prainha possui várias construções antigas, como a Casa da Memória, Igreja Nossa Senhora do Rosário, Museu Homero Massena, Gruta Frei Pedro Palácios e o Convento Nossa Senhora da Penha. Os cinco monumentos históricos estabelece um roteiro cultural, histórico e turístico.
 
Farol Santa Luzia
O Farol foi construído na Escócia. O equipamento foi inaugurado por Dom Pedro II no ano de 1871. De sua localização privilegiada é possível avistar partes dos municípios de Vila Velha, Vitória e Serra.
Telefone: (27) 3349-3898.
Horário de funcionamento: das 9 às 16h30. Segunda-feira não abre.
 
Convento da Penha
O convento, cuja construção teve início no século XVI, é o mais antigo convento mariano do Brasil. Anualmente, mais de 3 milhões de pessoas visitam este monumento.
Horário de funcionamento: segunda a sábado das 5h15 às 16h45; domingo das 4h15 às 16h45.
Telefone: (27) 3329-0420
Missas: sexta às 8h e 15h; sábado às 19h, domingo às 5h, 7h, 9h e 11h.
 
Igreja do Rosário
A Igreja, cuja construção teve início em 1535, é a mais antiga em funcionamento no Brasil. Recentemente, o monumento foi completamente restaurado.
Horário de funcionamento: segunda a sábado das 5h15 às 16h45; domingo das 4h15 às 16h45.
Telefone: (27) 3239-3113
Missas: sexta às 8h e 15h; sábado às 19h; domingo às 5h, 7h, 9h e 11h.

Gastronomia
Vila Velha também é conhecida como um bom destino para quem gosta de comer bem. A culinária local vai do cardápio árabe ao africano, passando pela comida japonesa e mexicana. Os restaurantes ficam localizados na Praia da Costa, Itapuã, Itaparica e também Barra do Jucu.
 
Museu da Vale 
Conta com um restaurante que funciona dentro de um vagão e tem como destaques também, a maior maquete ferroviária do Brasil e uma réplica da Maria Fumaça. Informações: (27) 3333-2484.

Museu da Garoto
Reúne vários itens que contam boa parte da história da empresa que ainda figura entre as dez maiores fabricantes de chocolates do mundo. Informações por e-mail: [email protected].  A empresa ainda possui uma loja onde o cliente pode adquirir todos os produtos fabricados por ela.
 
Museu Forte de Piratininga
O Forte São Francisco Xavier da Barra (ou simplesmente Forte de Piratininga) foi construído por Vasco Fernandes Coutinho em 1535 e, em 1862, foi cedido à Marinha do Brasil. Está localizado no 38º Batalhão de Infantaria e possui um museu sobre a história do Espírito Santo e de Vila Velha. Informações: (27) 3061-7381.

publicidade

Cidades

Detran leva ações do Maio Amarelo a motociclistas na Terceira Ponte

Publicado

As ações do Maio Amarelo seguem a todo vapor no Estado. Nesta quinta-feira (26), os agentes de educação do Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran|ES) fizeram uma abordagem educativa de conscientização e cuidados no trânsito com motociclistas, na Terceira Ponte. A ação foi realizada em parceria com o Batalhão de Trânsito da Polícia Militar do Espírito Santo (BPtran), a concessionária Rodosol e com o Sindicato dos Motociclistas Profissionais do Estado do Espírito Santo (Sindimotos-ES).

A dinâmica da ação consistia em convidar pequenos grupos de motociclistas a participar de uma conversa rápida com os agentes do Detran|ES, que explicavam sobre o Maio Amarelo, seu objetivo e importância para provocar uma mudança de comportamento dos condutores e, assim, diminuir o número de multas, acidentes e mortes no trânsito.

Familiares e vítimas de acidentes de trânsito também conversaram com os motociclistas, como o senhor Izaías Moreira, que, após perder a filha em um grave acidente na Rodovia do Sol, em 2014, abraçou como missão levar a conscientização aos condutores.

“Eu sempre participo de palestras para alertar às pessoas e percebo que há campanhas educativas, ações de conscientização do Detran e de outros órgãos, mas sinto que aqueles que não passam por isso, não se interessam pelo tema e não adotam atitudes responsáveis no trânsito. A minha filha já se foi e não vai voltar, mas a minha luta hoje é pela vida de todos, quero chamar atenção das pessoas que é preciso mudar o comportamento”, comentou.

Um outro participante, Maurício Silva Junior, sofreu um acidente de trânsito na Avenida Fernando Ferrari, em Vitória, em 2018. O acidente foi tão grave que ele teve a perna esquerda amputada e ficou hospitalizado por cinco meses.

Leia mais:  Prefeituras de Anchieta e Piúma assinam convênio com o Bandes

“Contando a minha história, espero levar os motociclistas a uma reflexão sobre as suas condutas ao guiar suas motos. O meu acidente poderia ter sido evitado. Estava num trajeto que não precisava ser feito durante a madrugada, acabei cochilando e sofrendo um grave acidente. Hoje vivo uma vida diferente da que eu planejava e sonhava em consequência das minhas escolhas”, afirmou.

O diretor geral do Detran|ES, Harlen da Silva, reforçou a importância dessa provocação à reflexão. Segundo ele, o Maio Amarelo está terminando, mas as ações do Órgão, não.

“O Detran|ES, durante todo o ano, desenvolve atividades de conscientização no trânsito em todo o Estado. Atuamos com palestras e atividades lúdicas, voltadas às crianças e jovens, palestras em empresas, faculdades e também abordagens nas ruas, para que assim possamos alcançar a compreensão e absorção da mensagem por públicos de todas as idades”, pontuou.

O diretor ressalta ainda a importância de ações em parceria com outras instituições. “Como o próprio tema da campanha Maio Amarelo deste ano diz, ‘Juntos salvamos vidas’. Então, é com a participação de todos os entes integrados ao trânsito, municípios e a sociedade civil que vamos alcançar um resultado mais positivo”, disse.

Luciano Ferreira Santana, membro da diretoria do Sindimotos-ES, destacou a importância e o objetivo da abordagem realizada.

‘‘Esta abordagem educativa é uma forma de mostrar a realidade de motociclistas que se acidentaram no trânsito e sofreram perdas para toda a vida. Como é o caso do produtor musical Maurício da Silva Junior, que perdeu parte de uma de suas pernas em um trágico acidente. Convidamos o Mauricio para estar presente na ação, com o intuito de mostrar aos motociclistas presentes um caso verídico”, revelou.

Leia mais:  Programa de Qualificação para Exportação potencializa atividade cafeeira em Castelo

E continuou: “aproveito ainda, para fazer um apelo aos motociclistas: obedeçam às leis de trânsito, não conduzam a moto em alta velocidade, evitando, assim, acidentes, porque em sua casa, há uma família esperando.’’

Programação

Durante todo o mês de maio, o Detran|ES está desenvolvendo ações educativas e atividades, em parceria com outros órgãos de trânsito e instituições públicas e privadas, com os propósitos de chamar atenção da sociedade para o alto número de acidentes e reforçar a importância da participação de todos, visando à construção de um trânsito mais gentil e seguro em todos os 78 municípios capixabas.

Confira a programação do Movimento Maio Amarelo aqui.

Maio Amarelo

O Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para a redução de acidentes de trânsito. As atividades realizadas neste mês no Espírito Santo e em todo o mundo têm o objetivo principal de alertar e mostrar a dimensão e o impacto que os acidentes têm no cotidiano.

O tema deste ano, “Juntos salvamos vidas”, foi definido pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e pretende mostrar à sociedade que todos nós, independentemente do nosso ofício, podemos salvar vidas, conhecendo e cumprindo as regras.

Continue lendo

Cidades

Empresa de produtos siderúrgicos anuncia investimento no Espírito Santo

Publicado

O governador do Estado, Renato Casagrande, visitou, na manhã desta quinta-feira (26), a área onde está sendo construída a terceira fábrica da Perfilados Rio Doce (PRD), no bairro Jacuhy, no município de Serra. A empresa faz parte do Grupo RDG Aços do Brasil, especializada na produção de soluções metálicas. Estão sendo investidos mais de R$ 260 milhões na implantação da nova unidade industrial. A estimativa é de geração de 100 empregos na fase de construção e de 240 empregos diretos na etapa de funcionamento.

A empresa aderiu ao Programa de Incentivo ao Investimento no Estado do Espírito Santo (Invest-ES), o que permitiu a expansão da planta industrial, além da geração dos postos de trabalho no Estado.

“É um investimento que irá gerar renda e oportunidades aos capixabas, além de mais desenvolvimento para o nosso Estado. Queremos um Espírito Santo competitivo e mais justo para todos e para chegarmos lá estamos investindo em educação, infraestrutura e demais áreas. Para isso gerar cada vez mais oportunidades aos capixabas”, afirmou o governador Casagrande.

O Grupo RGD Aços do Brasil atua no mercado nacional com uma linha de produtos para aplicação em vários segmentos industriais, como o automotivo e naval, além da construção civil. No Estado, a matriz da PRD está situada em Linhares e a segunda unidade na Serra, onde são fabricados tubos, perfis, chapas e telhas. Essas fábricas estão estrategicamente instaladas em área que totaliza mais de 30 mil metros quadrados. A empresa conta com escritórios comerciais no Espírito Santo, Bahia, Rio de Janeiro e São Paulo.

Para o secretário de Estado de Inovação e Desenvolvimento, Ricardo Pessanha, o Estado tem dado uma importante demonstração de competitividade por meio da política de incentivo fiscal, que tem sido um estímulo para empresas de diversos segmentos.

Leia mais:  ES Solidário já entregou 60 toneladas de doações de donativos

“O Governo tem uma visão ampla da economia capixaba e do potencial de crescimento do Estado, que está em destaque no ambiente econômico nacional em função da competitividade, incentivos fiscais atraentes, segurança jurídica e institucional, qualidade da mão de obra e localização estratégica. Todo trabalho desenvolvido pela Secretaria de Inovação e Desenvolvimento é pautado no acompanhamento do mercado, do diálogo com as empresas que buscam soluções e que desejam conhecer as oportunidades para ampliar seus projetos. O resultado destas ações se reflete diretamente em oportunidades para os capixabas e na melhoria da qualidade de vida no Estado”, salientou Pessanha.

O diretor-geral do Grupo RDG, Ronaldo Roque Campo, explicou que o grupo é proprietário da PRD, sendo que a matriz em Linhares conta com uma unidade no Civit, no município da Serra. A implantação da nova unidade, no Contorno, também na Serra, permitirá a ampliação do mix de produtos da empresa.

“Hoje, atendemos boa parte do Brasil. Com a nova fábrica, vamos ampliar nossa atuação no mercado de tubos de condução, roscas e outros produtos. Esta será a terceira fábrica da Perfilados Rio Doce e o investimento será de R$ 260 milhões. A área industrial terá 54 mil metros quadrados em uma área de 150 mil metros quadrados. A localização estratégica do Espírito Santo favorece a nossa logística de distribuição de produtos”, ressaltou Campo.

Ele acrescentou que a política de incentivo fiscal adotada pelo Governo do Estado foi um motivador para viabilizar o projeto de expansão da empresa e que também terá impacto na geração de empregos no Estado. “Nosso objetivo é crescer de forma sustentável e economicamente atrativa, sendo referência no mercado de produtos metalúrgicos pela competência dos profissionais e a satisfação dos clientes”, disse o diretor geral do Grupo RDG, complementando ainda que existe a previsão de uma segunda etapa de investimento da ordem de R$ 100 milhões, que está em avaliação pelo grupo.

Leia mais:  Em quatro dias, força-tarefa registra 2 mil atendimentos no sul do Estado

A subsecretária de Estado de Atração de Investimentos e Negócios Internacionais, Christiane Vargas, também participou da visita.

Grupo RGD

O Grupo RGD atua no mercado nacional, com uma linha de produtos para aplicação em vários segmentos industriais, como o automotivo e o naval, e também na construção civil. No Estado, a matriz da PRD está situada em Linhares e, a segunda unidade, no município de Serra, onde são fabricados tubos, perfis, chapas e telhas.

As fábricas estão estrategicamente instaladas em amplas sedes próprias, que totalizam mais de 30 mil metros quadrados de área. A empresa conta com escritórios comerciais no Espírito Santo, Bahia, Rio de Janeiro e São Paulo.

Invest- ES

O Programa de Incentivo ao Investimento no Estado do Espírito Santo (Invest-ES), regulado atualmente pela Lei nº 10.550/2016 e posteriores alterações, é um instrumento de política pública eficaz, eficiente e efetivo, que tem por objetivo contribuir para a expansão, modernização e diversificação dos setores produtivos do Espírito Santo, estimulando a realização de investimentos.

Também visa possibilitar a implantação e a utilização de armazéns e infraestruturas logísticas existentes, além da renovação tecnológica das estruturas produtivas, a otimização da atividade de importação de mercadorias e bens, e o aumento da competitividade estadual, com ênfase na geração de emprego e renda e na redução das desigualdades sociais e regionais.

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana