conecte-se conosco


São Mateus

Preço de combustível em São Mateus continua alto

Publicado

Não é de hoje, mas o comentário é que na cidade tudo pode e ninguém dá jeito.

Essa máxima parece estar funcionando e, desta vez, com relação aos preços praticados pelos postos de combustíveis da cidade e do município. A grita é geral e o órgão fiscalizador não consegue ouvir. Pelo menos em São Mateus é assim, pois mesmo com a redução dos preços do barril de petróleo e nas distribuidoras, nas bombas não diminuem. Aliás, segundo alguns consumidores ouvidos pela reportagem, essa situação é antiga e na cidade se pratica os preços mais altos do Norte capixaba. Existe inclusive denúncia de formação de cartel, que tem nos preços homogêneos e sem possibilidade de concorrência um indício dessa situação. Com isso, o consumidor fica sem opção de procurar em algum posto da cidade preço menor. Hoje o preço do litro da gasolina em São Mateus está a R$ 3,98. Enquanto na Grande Vitória e na maioria dos municípios capixabas o preço médio é de R$ 3,37.

O Procon tem sido muito questionado pelos consumidores e não é só com relação aos preços praticados nos postos de combustíveis. É em vários setores, principalmente no período de verão, no balneário de Guriri que muitas reclamações foram feitas e o órgão fiscalizador “fez cara de paisagem”, retratou um morador vítima da exploração de alguns maus comerciantes. O Procon tem sido informado sobre isso, mas assim como fecha os olhos para práticas abusivas nos preços de outros setores, na fiscalização a esses postos a omissão parece ser a mesma. “Os cargos ocupados no Procon, em sua maioria, são por indicação política e não há isenção na atuação desse órgão com relação aos preços praticados em São Mateus de forma abusiva”, disse um consumidor revoltado e que já tem processo tramitando naquele órgão contra essa situação.

Um fato importante que foi levantado por alguns consumidores é que para os cargos do Procon as indicações são políticas e isso cria uma relação incestuosa e dificuldade na fiscalização, principalmente dos “supostos poderosos” da cidade que “tudo podem e nada acontece contra essa gente que acaba impune”, sentencia um cidadão ouvido pelo JN.

Procurada para falar sobre essa questão, o jornal não conseguiu ouvir nenhuma fonte da municipalidade. Quanto aos proprietários também não conseguimos contato, “apesar de sabermos o que iriam dizer que tudo é mentira”, provocou o editor da matéria.

Leia mais:  Prefeitura de São Mateus toma medidas cautelares contra pandemia do Coronavirus
publicidade

São Mateus

São Mateus segue em risco alto e aulas continuam suspensas

Publicado

Além de São Mateus outras 33 cidades permanecerão no risco alto para a covid-19 na semana que vem, segundo o Mapa de Risco. Nesses municípios, há uma restrição um pouco menor em relação aos do risco extremo, como, por exemplo, a possibilidade de as atividades não essenciais funcionarem de segunda a sábado.

RISCO ALTO: Afonso Cláudio, Alegre, Alfredo Chaves, Alto Rio Novo, Aracruz, Atílio Vivácqua, Bom Jesus do Norte, Conceição do Castelo, Divino de São Lourenço, Dores do Rio Preto, Fundão, Governador Lindenberg, Guaçuí, Ibiraçu, Irupi, Itaguaçu, Itapemirim, Iúna, Jaguaré, Laranja da Terra, Marechal Floriano, Marilândia, Montanha, Mucurici, Ponto Belo, Presidente Kennedy, Rio Novo do Sul, Santa Leopoldina, Santa Maria de Jetibá, São Domingos do Norte, São Mateus, São Roque do Canaã, Sooretama e Vila Valério.

Confira as regras de cada região:

RISCO EXTREMO

Transporte público

– Os ônibus do sistema Transcol voltarão a circular a partir de terça, dia 13 de abril. 

– O horário de circulação será, na próxima semana, de terça a sexta-feira, das 5h às 22h. Sábado e domingo não haverá ônibus para a população em geral. O atendimento nesses dois dias será para trabalhadores da Saúde.

– Ônibus interestaduais (viagens entre Estados) e intermunicipais passam a circular na segunda-feira (12) com 50% da capacidade dos veículos. Rodoviárias serão reabertas.

– Transporte ferroviário: viagens de trem voltam a ser liberadas com 50% da capacidade. Estação ferroviária em Cariacica volta a funcionar. 

Atividades essenciais

Supermercados, farmácias, indústria e atividade de assistência à saúde e lotéricas podem funcionar até as 20h de segunda-feira à sábado, no entanto ficarão fechados aos domingos e feriados.

Comércio

Comércio de rua, centros comerciais e galerias funcionarão em três dias na semana (quarta, quinta e sexta-feira) das 10h às 18h para atendimento presencial. Além do funcionamento de serviços das 9h às 20h.

Atividades de ensino

As atividades educacionais com a presença de estudantes ficam suspensas, sendo permitidas aulas remotas.

Restaurantes

Atendimento ao público de quarta à sexta-feira até às 16h. Após esse horário, somente delivery.

Shopping centers

Poderão funcionar três vezes na semana (quarta, quinta e sexta-feira) das 12h às 20h.

Bares e academias

Vão continuar fechados.

Agências bancárias

Funcionamento de bancos apenas para saque de benefícios assistenciais.

RISCO ALTO

Medidas sociais

– Suspensão da realização de eventos;

– Suspensão da visitação de unidades de conservação ambiental e do funcionamento de todos os parques municipais;

– Suspensão do funcionamento dos cinemas, teatro, circos e similares, exceto em formato drive-in;

– Suspensão de funcionamento de espaços de lazer e recreação infantil, parques de diversões e similares.

Ensino

– Suspensão das atividades com a presença de alunos em todos os estabelecimentos de ensino, da rede pública e privada, com exceção de cursos relacionados à saúde e segurança pública.

Trabalho remoto

– Trabalhadores que atuam na área administrativa, independente do ramo da atividade, inclusive no ramo da administração pública direta e indireta, deverão atuar prioritariamente em trabalho remoto.

Agências bancárias

– Poderão funcionar para saque de benefícios assistenciais

Academias

– Vedada realização de atividades aeróbicas;

– Limitação de número de alunos por área do estabelecimento conforme Portaria SESA nº 226, Art. 11, §2º. Limitação de até 20 alunos por horário de agendamento, respeitando o limite de 15m² por aluno.

Comércio, Bares e Restaurantes

– Funcionamento de comércio de rua, centro comerciais e galerias das 10h às 18h de segunda à sexta-feira, e aos sábados até às 14h;

– Funcionamento de shopping centers, de segunda à sexta-feira das 10h às 20h e aos sábados até às 16h;

– Funcionamento de restaurantes das 10h às 16h;

– Distribuidoras de bebidas e lojas de conveniência podem funcionar das 10h às 16h, sem consumo presencial;

– Suspensão do funcionamento dos bares.

Sem restrições

– Farmácias, comércio atacadista, distribuidoras de gás de cozinha e água, supermercados, minimercados, hortifrutis, padarias, lojas de produtos alimentícios, lojas de cuidados animais e insumos agrícolas, postos de combustíveis, borracharias, oficinas de reparação de veículos automotores e bicicletas, estabelecimentos de vendas de materiais hospitalares e casas lotéricas.

RISCO MODERADO

Comércio, Bares e Restaurantes

– Funcionamento dos estabelecimentos comerciais com 1 cliente por 10m², obrigatoriedade do uso de máscaras para funcionários e clientes, distanciamento social em filas;

– Funcionamento de bares, lojas de conveniência e distribuidoras de bebidas alcoólicas de segunda à sábado até às 22h e aos domingos até às 16h.

Academias

– Vedada realização de atividades aeróbicas coletivas;

– Limitação do número de alunos por área do estabelecimento conforme Portaria SESA nº 226-R, Art. 11 §2º.

Ensino

– Permitidas atividades com a presença de alunos no estabelecimento de ensino.

Matriz de Risco

A Matriz de Risco de Convivência considera no eixo de ameaça: o coeficiente de casos ativos por município dos últimos 28 dias, além da quantidade de testes realizados por grupo de mil habitantes e a média móvel de óbitos dos últimos 14 dias. Já o eixo de vulnerabilidade considera a taxa de ocupação de leitos potenciais de UTI exclusivos para tratamento da covid-19, isto é, a disponibilidade máxima de leitos para tratamento da doença. A estratégia de mapeamento de risco teve início em abril do ano passado.

O Mapa de Risco segue as orientações dos boletins epidemiológicos do Ministério da Saúde e recomendações da equipe de especialistas do Centro de Comando e Controle (CCC) Covid-19 no Espírito Santo, que é composto pelo Corpo de Bombeiros Militar, Defesa Civil, Secretaria da Saúde (Sesa), Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN) e da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes). As decisões adotadas pelo Governo do Estado seguem parâmetros técnicos.

Leia mais:  São Mateus vence o Atlético Itapemirim e é vice-líder do Campeonato Capixaba 2020
Continue lendo

São Mateus

São Mateus – Assistência Social leva atendimento para famílias da zona rural

Publicado

Com a pandemia, a busca da população pelos serviços socioassistenciais do Município cresceu, por isso a Prefeitura de São Mateus está levando o atendimento para perto da das comunidades também nos lugares mais remotos. Esta semana os atendimentos foram intensificados na zona rural, na Região dos Quilômetros, que tem como referência o CRAS Zé de Ana (Quilombola), em Nestor Gomes (KM 41), onde tem acontecido ações de Proteção Social Básica.

As equipes da Secretaria Municipal de Assistência Social fizeram os atendimentos dos serviços de Cadastro Único e Central de Benefícios, com a entrega do auxílio alimentação, que são as cestas básicas. 

CRAS NA ESTRADA

Para a secretária municipal de Assistência Social, Marinalva Broedel, o objetivo principal é levar os serviços ofertados para perto da população. “A fragilidade do momento está fazendo com que a gente disponibilize um maior número de atendimentos nas comunidades do Campo. Nosso intuito é garantir maior acessibilidade, um atendimento mais rápido, humanizado e acolhedor para as comunidades”.

POPULAÇÃO ATENDIDA

As equipes da Assistência Social têm atendido cerca de 70 pessoas diariamente em Nestor Gomes. Joelton Luiz de Abreu, por exemplo, está desempregado e sempre procurou a Assistência Social nos momentos de dificuldade. “Esse auxílio tem ajudado muito. No momento estou desempregado, e as coisas ficam mais difíceis. Tenho certeza que muitas outras famílias estão agradecidas com essa assistência” – destacou.

Leia mais:  Enivaldo solicita obras que beneficiam população de São Mateus
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana