conecte-se conosco


Cidades

Prefeitura de Vila Velha apresenta projeto de infraestrutura e urbanização da Lagoa Grande

Publicado

Vila Velha – Na manhã de segunda-feira (15), o prefeito de Vila Velha, Max Filho, recebeu moradores, lideranças comunitárias, empresários e comerciantes do bairro Ponta da Fruta e adjacentes para apresentação do projeto executivo de infraestrutura e urbanização paisagística e arquitetônica da Lagoa Grande. O encontro ocorreu na sala de conferência na sede da Prefeitura de Vila Velha, em Coqueiral de Itaparica, respeitando as orientações dos órgãos sanitários.

Estão previstos no projeto a construção de um centro de apoio aos visitantes com lojas, sede administrativa, salão, banheiros, depósitos, playground, estacionamento, píer com rampa para barcos, decks, píer de contemplação da paisagem, pórticos dentre, outras benfeitorias. O entorno e o acesso da igreja Nossa Senhora dos Navegantes também serão contemplados com o projeto de infraestrutura com a construção de decks, mirantes e estacionamentos.

Este é um dos projetos que foram contemplados com os recursos já garantidos do Fonplata, que também serão usados nas unidades de conservação ambiental do Parque Municipal Morro da Manteigueira na Glória, Sitio Batalha no Centro e Morro do Penedo, no bairro Ilha das Flores.

Leia mais:  Retomada das atividades da Samarco gera expectativas para diversos setores da economia

Em seu discurso de abertura, o prefeito Max Filho apresentou a Avantec Engenharia, empresa vencedora do processo licitatório que elaborou o projeto de infraestrutura em torno da Lagoa Grande.

“É muito importante apresentar e qualificar o projeto, adequando aos anseios da comunidade. Devemos realizar uma consulta pública em nosso site onde a participação popular será ainda maior”, concluiu o prefeito.

O ex-presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Espirito Santo, Jorge Góes Coutinho, morador do bairro Ponta Fruta, participou da reunião. “Gostaria de agradecer em nome de todos os moradores e dizer ao prefeito que a comunidade é parceira deste e de outros projetos. Vamos discutir, debater e apresentar novas ideias”, finalizou o desembargador aposentado.

Com uma área de 2.600 hectares, a Lagoa Grande contempla os bairros Ponta da Fruta, Interlagos, Nova Ponta da Fruta e Morada do Sol.

publicidade

Cidades

Jaguaré dá início a obras de equipamentos da Assistência Social

Publicado

Obras de reforma do Creas no bairro já foram iniciadas; construção do Cras começa em poucos dias

A Prefeitura de Jaguaré, por meio da Secretaria de Assistência Social, Cidadania e Segurança Pública, iniciou obras de reforma do CREAS – Centro de Referência Especializado de Assistência Social e vai iniciar, em breve, a construção da nova sede do CRAS – Centro de Referência de Assistência Social, no Bairro Seac.

As obras do Creas já estão em andamento e a construção do Cras começa nos próximos dias. Elas estão avaliadas em 2.200.0000 (dois milhões e duzentos mil reais) e, ao final das intervenções, os equipamentos atenderão aproximadamente 10.000 (dez mil) pessoas englobando os bairros Seac, Novo Tempo, Novo Horizonte, Irmã Tereza, Residencial Seac, Trevisan, Clubinho e as comunidades da Japira e do Córrego da Abóbora.

O objetivo é promover a organização e articulação das unidades da rede socioassistencial e de outras políticas. Assim, o município vai possibilitar o acesso da população aos serviços, benefícios e projetos de assistência social, se tornando uma referência para a população local e para os serviços setoriais.

Leia mais:  Detran|ES disponibiliza credencial de estacionamento de idoso on-line

O Cras e o Creas auxiliam famílias e indivíduos em situação grave de proteção, pessoas com deficiência, idosos, crianças retiradas do trabalho infantil, pessoas inseridas no Cadastro Único, beneficiários do Programa Bolsa Família/Auxílio Brasil e do Benefício de Prestação Continuada (BPC), entre outros.

Continue lendo

Cidades

Ranking Internacional: Vila Velha é a mais transparente da Grande Vitória

Publicado

Vila Velha é a cidade líder da Grande Vitória em transparência pública e governabilidade. O dado é da ONG Transparência Internacional, que avaliou todos os 78 municípios do Espírito Santo no Ranking Capixaba de Transparência e Governança Pública 2022, lançado nesta terça (5).

Vila Velha é o 2º lugar geral no Espírito Santo com 95,73 pontos. O município está entre os poucos com nota considerada ótima.

O objetivo é estimular essas prefeituras a melhorarem suas agendas de transparência, participação cidadã, abertura de dados, transformação digital, acesso à informação e combate à corrupção.

A escala do ranking vai de 0 a 100 pontos. A nota 0 (péssimo) significa que a prefeitura é avaliada como fechada à participação da sociedade e 100 (ótimo) indica que ela oferece alto grau de transparência e participação social.

Para se chegar ao resultado, foram avaliados os portais de transparência e sites oficiais das prefeituras capixabas, usando metodologia da Transparência Internacional – Brasil, com o objetivo de oferecer um instrumento adicional para que a sociedade, a imprensa e os próprios órgãos de controle tenham acesso à informação e monitorem as ações do poder público na promoção da transparência, da participação social e no combate à corrupção.

Leia mais:  Hospital Infantil de Cachoeiro inaugura 10 leitos de UTI

O prefeito Arnaldinho Borgo disse que o município deu um salto em transparência pública e isso mostra o nível de comprometimento e respeito não só com os recursos, mas mostra para os munícipes e órgãos de controle como esses recursos voltam à sociedade. 

“Em 2020 estávamos em 23º lugar, chegamos ao 3º em 2021 e já estamos melhor colocados na avaliação da Transparência Internacional. Ou seja, Vila Velha bem avaliada por órgão internacional, se destacando e caminhando para a 1ª colocação na avaliação oficial do Tribunal de Contas, previsto para ser divulgado no próximo mês de agosto. Esse dado é muito importante, fruto de muito trabalho da nossa equipe qualificada”, avalia o prefeito Arnaldinho Borgo. 

O secretário de Controle e Transparência, Otávio Postay, ressalta que “o resultado positivo reflete o conjunto de várias ações internas voltadas para o desenvolvimento de uma gestão pública transparente, que oferece informações à sociedade, permitindo ao cidadão colaborar no controle das ações do governo e se os recursos públicos estão sendo usados como deveriam”.

Leia mais:  Retomada das atividades da Samarco gera expectativas para diversos setores da economia

Confira aqui o ranking completo com as notas dos municípios capixabas.

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana