conecte-se conosco


Segurança

Preso suspeito de golpes virtuais contra médicos e seus familiares

Publicado

A equipe da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos (DERCC) prendeu preventivamente, na manhã de hoje (20), em Senador Canedo, um dos envolvidos nos golpes que, nos últimos dias, vitimaram diversas famílias de médicos e dentistas.

Por meio de investigação que durou cerca de duas semanas, e contou com o auxílio dos policiais civis da 11ª Delegacia Distrital de Polícia (DDP) de Goiânia, a DERCC identificou um homem, de 34 anos de idade, responsável por contratar as contas bancárias de diversas pessoas que foram utilizadas para recebimento dos valores resultantes dos golpes.

Os suspeitos utilizaram diversos números de WhatsApp com fotos de médicos e dentistas em seus perfis. Então, contatavam os familiares desses profissionais, por meio de mensagens no mesmo aplicativo, nas quais afirmavam que eram aquelas pessoas das fotos e que haviam mudado o número de WhatsApp. Após algumas trocas amistosas de mensagens, solicitavam que os familiares atualizassem o número de contato e, em seguida, afirmavam que necessitavam pagar alguma dívida e estavam impossibilitados de sair do trabalho.

Leia mais:  Sejus suspende visitas nos presídios e trabalho externo dos apenados

Desta forma, as vítimas, na maioria idosos e que se encontravam em quarentena devido à pandemia da Covid-19, sem contato físico com os filhos, acreditavam nos pedidos e realizavam as transferências bancárias, que na verdade haviam sido solicitadas por golpistas.

As famílias das vítimas chegaram a ter prejuízo financeiro entre R$ 20 mil e R$ 50 mil com os golpes, ao transferirem o dinheiro solicitado para contas bancárias de Goiânia e Senador Canedo.

As investigações já apontaram indícios dos demais suspeitos de efetivamente utilizar os números de WhatsApp para ludibriar os profissionais da saúde. O resultado final da investigação, com a conclusão dos inquéritos policiais, deve ser apresentado nos próximos dias.

O autor preso hoje possui extensa ficha criminal, sendo condenado pelo crime de roubo. Ele inclusive encontrava-se no regime aberto, com uso de tornozeleira eletrônica, e será agora recolhido ao Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, onde seguirá à disposição do Poder Judiciário.

Já os demais identificados na investigação policial, que inclusive “alugaram” suas contas bancárias para consumação dos delitos, serão indiciados, assim como o preso de hoje, pelos crimes de estelionato e associação criminosa. Eles podem, se condenados, pegar até 08 anos de reclusão, podendo a pena ser duplicada, pois existem vítimas idosas.

Leia mais:  Criminosos aterrorizam passageiros e apontam arma para criança durante assalto a ônibus

publicidade

Segurança

Guarda municipal de Vitória é preso por furtar picanha e chocolate suíço em supermercado na Serra

Publicado

Inspetor foi pego no estacionamento com itens importados escondidos em uma bolsa

Um inspetor da Guarda Municipal de Vitória foi preso na tarde desta terça-feira (09) por furtar produtos importandos num supermercado no Parque Residencial Laranjeiras, na Serra. Por meio das câmeras de vídeo, ele foi flagrado depositando sorvetes americanos, chocolates suíços e uma peça de picanha numa bolsa, enquanto circulava pelos corredores, como um cliente habitual. 

Segundo a assessoria do supermercado, ele foi abordado pelos seguranças particulares quando saiu da área de compras e estava no estacionamento se preparando para deixar o local.

A Polícia Militar foi acionada e o inspetor foi levado para a Delegacia Regional da Serra, onde a ocorrência está em andamento. Ele entregou, ainda, uma pistola, que utiliza em seu serviço. 

Numa pesquisa de preços no site do supermercado, é possível constatar que os produtos que o homem furtou totalizam uma compra de R$ 600. 

O inspetor recebeu R$ 7 mil de salário em julho. 

Prefeitura de Vitória afasta o inspetor por 120 dias

Por meio de nota, a Prefeitura de Vitória informou que o inspetor foi afastado de suas funções por 120 dias e foi aberto um processo administrativo disciplinar para apuração dos fatos, com ampla defesa e o devido processo legal.

Leia mais:  Adolescente morre pisoteado após confusão em baile clandestino em Vitória

Ressalta ainda que os fatos narrados não representam a postura dos agentes da Guarda Civil Municipal de Vitória, instituição que goza de credibilidade e que tem prestado relevantes serviços à sociedade capixaba.

Continue lendo

Segurança

Homem morto no Terminal de Campo Grande era detento do semiaberto

Publicado

David Aguiar dos Santos, de 39 anos, foi morto a tiros dentro do Terminal, em um horário de intensa movimentação no local

O homem assassinado na manhã desta terça-feira (9), no Terminal de Campo Grande, no bairro Cruzeiro do Sul, em Cariacica, cumpria pena no regime semiaberto e seguia para o trabalho quando foi baleado. 

David Aguiar dos Santos, de 39 anos, foi morto a tiros dentro do Terminal, em um horário de intensa movimentação no local. Uma ambulância do Samu foi acionada, mas quando a equipe chegou, foi constatado que o homem já estava sem vida. 

Testemunhas contaram que David seguia para uma plataforma, por volta de 5h40, quando o suspeito se aproximou e efetuou os disparos. A vítima foi atingida na cabeça e não resistiu aos ferimentos. 

Mesmo com toda a movimentação, além de câmeras de videomonitoramento e seguranças, o criminoso conseguiu fugir tranquilamente. Passageiros contaram que no momento dos tiros, houve muita correria, por isso, ninguém viu o suspeito fugir. 

A esposa de David contou que, há cerca de nove meses, ele cumpria pena por tráfico de drogas. Há quatro, progrediu para o regime semiaberto e estava trabalhando como pedreiro no Quartel da Polícia Militar, em Maruípe. 

Leia mais:  PF no ES terá especialista na luta contra o tráfico internacional de drogas

Por conta disso, todos os dias ele pegava ônibus no Terminal de Campo Grande. A mulher disse ainda que já imagina quem pode ter tirado a vida do esposo. 

O corpo de David foi levado para o Departamento Médico Legal, em Vitória. A polícia fez buscas na região, mas nenhum suspeito foi localizado.

No Terminal, há várias câmeras de videomonitoramento que podem ajudar a identificar o atirador. A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Cariacica vai investigar o caso.

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana