conecte-se conosco


Política e Governo

Região Serrana e Caparaó recebem R$ 20 milhões em obras de saneamento básico

Publicado

O Governo do Estado, por meio da Companhia Espírito Santense de Saneamento (Cesan), realizou obras de implantação, ampliação e reabilitação de sistemas de esgotamento sanitário nas sedes dos municípios de Conceição do Castelo e Divino de São Lourenço, localizados na região do Caparaó, e em Marechal Floriano, na região Serrana. Um investimento superior a R$ 20 milhões, com recursos obtidos por meio de financiamento junto ao Banco Mundial que vão beneficiar mais de 14 mil pessoas.

Na manhã desta sexta-feira (17), o governador Renato Casagrande comandou a solenidade virtual de inauguração das obras, transmitida ao vivo pelas redes sociais. Casagrande destacou que as obras vão permitir a quase universalização do saneamento nos municípios contemplados. “Em 2013, tivemos um grande desastre ambiental natural com chuvas extremas e começamos a discutir um programa de melhoria de infraestrutura de proteção ambiental. Foi quando criamos o programa Águas e Paisagem, que se consolidou desde então, e tenho a alegria de executar boa parte dele”, afirmou.

“Com a beleza natural que nós temos no Espírito Santo, não tem outro caminho se não a preservação ambiental. Vemos como a imagem do Brasil está arranhada pela falta de respeito com o meio ambiente. Precisamos preservar as florestas, as águas e o mais importante, investir em saneamento básico. É um trabalho que nos dá direção de sustentabilidade e de preservação dos recursos hídricos para que sejam utilizados pelas gerações que virão após a gente”, completou o governador Casagrande.

Foram construídas redes coletoras, elevatórias de esgoto e de Estações de Tratamento de Esgoto (ETE).  Em Conceição do Castelo, a Cesan trabalhou na montagem de 19.910 metros de redes coletoras, enquanto no município de Divino de São Lourenço foram feitos 8.096 metros e em Marechal Floriano, 7.269 metros. Já as elevatórias construídas somam três unidades em Conceição do Castelo, três em Divino de São Lourenço e duas unidades em Marechal Floriano.

Também foram construídas uma ETE em Conceição do Castelo, que trabalha com o tratamento de esgoto em 15 l/s, e também uma ETE em Divino do São Lourenço com capacidade de tratar 5 l/s. As obras incluíram também as ligações intradomiciliares e domiciliares de imóveis às redes. Em Marechal Floriano foram feitas 978 ligações. Já em Conceição do Castelo o projeto prevê a realização de 1.343 delas, enquanto em Divino de São Lourenço, 560. Nesses dois municípios da Região do Caparaó as ligações domiciliares já foram concluídas, enquanto as intradomiciliares estão em andamento e ocorrerão ao longo dos próximos dois meses.

“Essas obras fazem parte do Programa de Gestão Integrada das Águas e da Paisagem e colocam o Espírito Santo um passo à frente nos indicadores nacionais de saneamento. Neste momento estamos fazendo as ligações intradomiciliares, que é a conexão da casa das pessoas às redes da Cesan. Uma inovação, já que no modelo aplicado até então era o morador o responsável por se ligar ao sistema de esgotamento. Para além do saneamento, estamos cumprindo uma função social que vai transformar a vida dos moradores, visitantes e dessas regiões que são importantes pontos turísticos capixabas”, afirmou o diretor presidente da Cesan, Carlos Aurélio Linhalis (Cael).

Cael destacou também a importância das obras para o meio ambiente: “Outro viés muito importante é o ambiental, com o correto tratamento dos efluentes os rios serão despoluídos, isso significa prevenir doenças, promover a saúde e a qualidade de vida das pessoas e o desenvolvimento local, viabilizando atividades econômicas como a pesca, por exemplo.  Nossa expectativa é universalizar a coleta e o tratamento de esgotamento de Divino de São Lourenço e Conceição do Castelo, chegando a 95% de cobertura. Em Marechal Floriano, vamos trabalhar para chegar a 80% do serviço.”

O secretário de Estado de Economia e Planejamento, Álvaro Duboc, lembrou que a garantia de mais qualidade de vida à população, com ações voltadas para a sustentabilidade hídrica, a preservação ambiental e o saneamento básico, sempre foi uma prioridade do Governo, desde a primeira administração do governador, quando o Estado negociou e deu início à preparação do Programa de Gestão Integrada das Águas e da Paisagem, numa negociação com o Banco Mundial.

Duboc explica que o programa, com valor global de US$ 323,1 milhões, e gestão intensiva da Secretaria de Economia e Planejamento (SEP), na atual gestão ganhou velocidade na sua execução, depois de ter ficado praticamente parado entre 2015 e 2018. “Saímos de 10% de recursos contratados para 36%, e até o final deste ano devemos chegar a 70%”, disse o secretário.

O Programa de Gestão Integrada das Águas e da Paisagem tem como objetivo realizar ações integradas para o uso correto da água, do solo e de demais recursos voltados para o desenvolvimento sustentável, além de fazer o planejamento e gestão dos recursos hídricos e o investimento específico para o saneamento ambiental.

Leia mais:  Evair de Melo assume vice-liderança do governo na Câmara
publicidade

Política e Governo

Governador Casagrande inaugura obras de infraestrutura em Ibatiba

Publicado

O governador do Estado, Renato Casagrande, esteve, nesta sexta-feira (21), no município de Ibatiba para a inauguração e o acompanhamento de obras de infraestrutura. Foram entregues as praças Augusto Casagrande e da Paz, além das obras de drenagem, pavimentação e acessibilidade das ruas Antônio de Amorim e Projetada. A agenda contou com uma visita às obras de urbanização, pavimentação e drenagem das ruas paralelas à Rodovia BR-262. Ao todo, estão sendo investidos quase R$ 2,5 milhões nas intervenções.


“Estamos em Ibatiba fazendo várias entregas importantes para a população da cidade. As ruas paralelas a BR-262 eram um sonho antigo. Passávamos pela rodovia e víamos as ruas e casas empoeiradas. Com o convênio entre o Governo do Estado e o município, pudemos agora mudar esse ambiente. Qualificando esse local, dando vida, embelezando e tirando a poeira da vida das pessoas”, pontuou o governador.


No bairro Lacerda Sudré Assis, o governador participou da inauguração da Praça Augusto Casagrande, além da pavimentação de ruas. “Estamos inaugurando essa praça, que é uma homenagem dos ibatibenses ao meu pai, que foi um homem humilde, simples, mas muito amoroso e cuidadoso com a nossa família. Eu e meus irmãos estamos aqui em nome de toda a família e, minha mãe, que gostaria muito de estar aqui e não pode por problemas de locomoção, mandou agradecer a cada um de vocês”, disse, emocionado, Casagrande.


Também foram entregues à população a Praça da Paz, no bairro Floresta, o novo Centro de Convivência do Idoso Adelino Sudré de Assis e o Museu do Tropeiro. “Na Praça da Paz, as pessoas poderão fazer suas orações e se confraternizarem, quando for possível, após o fim da pandemia. Poder estar presente ajudando a desenvolver o município é gratificante. Estou aqui reafirmando meu compromisso com a região do Caparaó e com a cidade de Ibatiba”, afirmou o governador.

Pertencente à região do Caparaó, o município de Ibatiba tem aproximadamente 26 mil habitantes, que estão sendo beneficiados com os investimentos do Governo do Estado em infraestrutura. A cidade está localizada às margens da BR-262, sendo uma passagem obrigatória de um grande contingente de turistas que visitam o Espírito Santo. Além dessa localização estratégica, o município apresenta vários atrativos e fez parte da antiga Rota dos Tropeiros, aliada também a uma variedade culinária.

“São grandes investimentos que vão valorizar e embelezar ainda mais a cidade, além da inauguração das obras de drenagem e pavimentação no Bairro São José, também visitamos outras obras em andamento no município. Ibatiba é a porta de entrada do Estado, e esses investimentos melhoram a mobilidade da região”, destacou o secretário de Estado de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano, Marcus Vicente.

As obras inauguradas no bairro São José, contam com 215,30 metros de calçada cidadã, 1.834,27 metros de pavimentação em blocos e 367,35 metros de drenagem. Já as obras que estão em execução no município, contam com 1.722 metros de pavimentação em blocos de concreto pré-moldado, 1.987,14 metros de drenagem, 3.151,74 metros de calçadas em bloco de concreto e 3.151,74 metros de ciclovia em bloco de concreto.

“As obras de infraestrutura inauguradas e em execução, melhoram o acesso, tanto na área urbana quanto na área rural, onde diversas propriedades rurais têm grandes potenciais para o agroturismo, bem como para o acesso as belezas naturais, como as cachoeiras. A obra irá incrementar o turismo na cidade, aumentando, assim, emprego e renda da população”, completou Marcus Vicente.

Leia mais:  Novos carros e computadores reforçam ações em prol da agricultura familiar
Continue lendo

Política e Governo

Governo do Estado inaugura obras e anuncia reabilitação de rodovia em Pancas

Publicado

O governador do Estado, Renato Casagrande, esteve, na manhã desta quinta-feira (21), no município de Pancas, na microrregião Central Serrana. No Centro da cidade, foi assinada a Ordem de Serviço para as obras de reabilitação da Rodovia ES-341, trecho Pancas x ES-434. Casagrande também fez a entrega das obras de construção de galeria, drenagem e pavimentação da Rua Turmalina e da iluminação de campos de futebol no bairro Operário e no distrito de Lajinha.


“Viemos inaugurar e dar ordem de serviço que somam mais de R$ 50 milhões em investimentos em Pancas. A galeria do Centro vai qualificar as moradias e dar mais qualidade de vida aos moradores. Antes tínhamos um valão no local com esgoto correndo a céu aberto. Estamos também entregando a iluminação de dois campos de futebol, que agora os moradores poderão utilizar à noite, bem como trazer mais segurança com os locais iluminados”, pontuou o governador.


A reabilitação da Rodovia ES-341 vai contemplar o trecho entre Pancas e o distrito de Ângelo Frechiani, em Colatina. As intervenções serão executadas pelo Departamento de Edificações e de Rodovias do Espírito Santo (DER-ES). As obras abrangem desde o entroncamento da ES-434, sentido Lajinha, até o entroncamento da ES-080, no distrito de Ângelo Frechiani. A via tem 23,3 quilômetros de extensão e as intervenções incluem também a instalação de faixa multiuso, além da recuperação estrutural da Ponte Rodoviária sobre o Rio Pancas. O investimento total é de R$ 44 milhões e o prazo para conclusão dos serviços é de 540 dias.

Em relação às melhorias na rodovia, Casagrande destacou a importância da obra para moradores e visitantes da região. “A rodovia até Frechiani terá o mesmo padrão de qualidade da rodovia que fizemos até Alto Rio Novo e irá trazer desenvolvimento a toda essa região. A rodovia terá o nome do nosso querido e saudoso Edson Machado, pai da nossa secretária de Direitos Humanos, Nara Borgo. Uma obra que vai também embelezar essa região famosa pelo turismo de aventura”, disse.

“Esta rodovia é fundamental para todo Estado, principalmente para os moradores de Pancas, Alto Rio Novo, Mantenópolis, entre outros municípios da região. O DER trabalha para concretizar o desenvolvimento regional. As obras vão trazer mais mobilidade e progresso a quem trafega no trecho”, reforçou o diretor presidente do órgão, Luiz Cesar Maretto Coura.

Drenagem e pavimentação

Leia mais:  PL: máscaras e álcool em gel para funcionários

As obras de construção da galeria, drenagem e pavimentação da Rua Turmalina foram executadas com recursos próprios do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano (Sedurb), totalizando um investimento de R$ 5,16 milhões. O município, que é cortado por um valão, já conta com intervenções da Companhia Espírito Santense de Saneamento (Cesan) em andamento para implantação de rede de coleta e tratamento de esgoto.

“Esta obra significa a melhoria das condições de vida da população de Pancas. É a promoção da mobilidade, do conforto e da saúde das pessoas que deixarão de conviver com poeira e lama, passando a contar com o calçamento na porta de suas casas”, destacou o secretário de Estado de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano, Marcus Vicente.

As intervenções contam com obras de drenagem, pavimentação e saneamento, que representam melhorias na mobilidade urbana, facilitando o transporte público e de pedestres e o escoamento da produção agrícola, a conservação dos recursos naturais com o tratamento do esgoto sanitário e a redução das doenças causadas pela poeira, alagamentos e pela contaminação da água.

O trecho pavimentado conta com 1.461,60 metros de extensão, 5.481,26 metros de pavimentação em CBUQ, 1.461,60 metros de meio fio de concreto pré-moldado, 3.300,73 metros de calçada em concreto, 1.314,00 metros de drenagem em galeria bueiro celular em concreto, 51 unidades de caixa ralo em bloco pré-moldado com grelha articulada e dez unidades de poço de vista em bloco pré-moldado, atendendo à demanda de melhorar a infraestrutura na área urbana do município de Pancas.

Iluminação de campos

Leia mais:  Novos carros e computadores reforçam ações em prol da agricultura familiar

No rol de ações do Governo do Estado no município, constam duas entregas em equipamentos, totalizando quase R$ 450 mil em investimentos. No bairro Operário, a Secretaria de Esportes e Lazer (Sesport) concluiu a iluminação do campo Raul Honorato, conhecido como Campo do União. No local, foram instalados seis postes de concreto, com três refletores de 500w, mais oito refletores de 200w/led bivolt, totalizando 11 em cada poste.

Já no distrito de Lajinha, foi inaugurada a iluminação do campo Jair Marques, contendo seis postes de concreto padrão Escelsa, com três refletores de 500w, mais oito refletores de 200w/led bivolt, totalizando 11 em cada poste.

O secretário de Estado de Esportes e Lazer, Júnior Abreu, comemorou as entregas no município e fez questão de ressaltar a importância para as comunidades. “O futebol no interior do Estado tem uma relevância ainda maior para a comunidade do que na Grande Vitória, afinal, muitas vezes, é a única opção de lazer da população. A entrega dessas iluminações vai permitir que os moradores aqui do Centro de Pancas e de Lajinha possam também jogar à noite, ampliando, assim, o período de utilização desses espaços esportivos”, observou.

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana