conecte-se conosco


Camisa 10

Revolta dos clubes faz Doria recuar. Suspensão pode cair

Publicado

Dirigentes estão dispostos a levar jogos para Rio ou Minas. Doria não esperava essa atitude, com aval da CBF. E aceita reunião na segunda-feira

Os clubes paulistas compraram a guerra.

Se o governador João Doria mantiver a paralisação do Campeonato Paulista, entre os dias 15 e 30 de março, por conta da pandemina de covid-19, eles seguirão com a competição.

No Rio de Janeiro ou em Minas Gerais.

O que eles não aceitam é perder mais dinheiro.

Já estão sem públicos nos estádios.

Ficar sem receber uma quinzena de transmissão e dos patrocinadores seria mais um golpe nas finanças das equipes.

Daí, a decisão.

Os clubes têm três grandes apoiadores.

Os governadores do Rio de Janeiro e de Minas Gerais aceitam a disputa de 26 partidas do Campeonato Paulista. 

Até porque os Estaduais Carioca e Mineiro seguirão.

Mas o grande e silencioso trunfo dos clubes paulistas é a CBF.

A entidade reiterou hoje que não vai paralisar o futebol no país.

Mesmo com o pior momento da pandemia.

A CBF tem o aval do Ministério da Saúde e do governo federal, do presidente Jair Bolsonaro, para que o futebol continue.

O presidente da CBF, Rogério Caboclo, dá seu apoio aos clubes. Quer que Paulista continue

O presidente da CBF, Rogério Caboclo, dá seu apoio aos clubes. Quer que Paulista continue.

Basta seguir o protocolo inspirado no futebol alemão.

Tanto que a Copa do Brasil e a Libertadores estão liberadas pela CBF.

Doria foi avisado da disposição dos clubes seguirem a disputa em outro estado.

Postura que seria desmoralizante para o governo paulista.

Esta guerra tem componentes perigosos para o governador.

Principalmente a popularidade dos times, com seus milhões de torcedores.

Os dirigentes das equipes foram avisados pelo presidente Reinaldo Carneiro Bastos que teriam o aval do governo estadual para treinarem, durante os 15 dias sem jogos.

O que já foi interpretado como um recuo.

E abertura para que Doria volte atrás.

Os jogos têm acontecido sem público.

Com os atletas só entrando em campo com seus testes de covid-19 negativados.

Reinaldo Carneiro Bastos conseguiu ter proximidade com o governador.

E ele propôs saída salomônica.

Reunião na manhã da segunda-feira, dia 15, quando começaria a proibição.

Entre o governador e os clubes, tendo o presidente da FPF como interlocutor.

E buscar a sequência dos jogos, ainda com mais restrições.

Como impedir, de qualquer maneira, a aproximação dos torcedores dos estádios.

Além de mostrar que as partidas são bem próximas dos treinos.

Sem perigo para os atletas.

Doria não esperava a postura radical dos clubes.

Não quer ver os times paulistas atuando no Rio.

Ou em Minas Gerais.

Na verdade, nem os clubes querem esse gasto a mais.

Daí, a grande esperança de acordo.

Com Doria voltando atrás mais uma vez.

Como fez hoje.

Ontem o Campeonato Paulista estava mantido.

24 horas depois, ele proibiu jogos por duas semanas.

E os clubes reagiram.

Como o político não esperava…

Leia mais:  Projeto social de Bebedouro cria oportunidades e atletas são monitorados por clubes brasileiros
publicidade

Camisa 10

Com 3 gols do capixaba Richarlison, Brasil vence a Alemanha na estreia em Tóquio

Publicado

O primeiro gol do atacante brasileiro foi marcado no início do jogo, aos sete minutos do primeiro tempo

Com um toque capixaba, o Brasil estreou com o pé direito no futebol masculino dos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020. Mais especificamente, com o pé direito de Richarlison. Em partida que reeditou a decisão da última Olimpíada, o capixaba de Nova Venécia deu show, marcou três vezes e foi decisivo na vitória por 4 a 2 sobre a Alemanha no estádio de Yokohama, no Japão.

Em um primeiro tempo avassalador, o Brasil não deixou a seleção alemã ter tranquilidade com a bola no pé. Em noite iluminada, o Pombo então aproveitou a fragilidade defensiva adversária e começou o show a parte.

Inspirado com a camisa 10 da seleção, o capixaba Richarlison abriu o placar em Yokohama, no Japão logo com sete minutos. Após entrar no campo da Alemanha, ele recebeu um passe de Antony e finalizou duas vezes para abrir o placar. 

Logo depois, o jogador ampliou o marcador para o Brasil. Após cruzamento de esquerda de Guilherme Arana, atleta do Galo, o atacante brasileiro fez o segundo gol da partida.

Motivado, não demorou muito para o atacante do Everton, da Inglaterra, fazer seu terceiro gol em uma jogada com Matheus Cunha, centroavante brasileiro do Hertha Berlin. O capixaba recebeu do camisa 9 pela esquerda, cortou para o meio e soltou a bomba sem chances para o goleiro alemão. 

No final da primeira etapa, a seleção brasileira até teve a oportunidade de fazer o quarto gol, mas Matheus Cunha perdeu cobrança de pênalti e o primeiro tempo da partida terminou em 3 a 0.

SUFOCO NO SEGUNDO TEMPO

Na etapa final, a seleção alemã voltou melhor e equilibrou as ações do jogo. Não atoa diminuiu o placar, com Amiri que finalizou de fora da área e contou com o quique da bola para enganar o goleiro Santos.

No entanto, o time brasileiro seguia criando bastante oportunidades no ataque, mas o time de André Jardine não conseguiu matar o jogo e foi empilhando chances perdidas. Até que aos 38 minutos, os alemães fizeram o segundo com Ache de cabeça e colocou pressão na partida.

Mas já nos acréscimos, o atacante Paulinho, que entrou no lugar de Richarlison, partiu em velocidade e bateu no ângulo para marcar um golaço e pôr fim ao sufoco brasileiro, fechando o marcador na estreia.

INESQUECÍVEL

Dono da partida e jogando pela primeira vez com a camisa 10 da seleção brasileira, Richarlison não escondeu a emoção para falar sobre o momento que classificou como inesquecível.

“É uma sensação que não tem como explicar. Estou feliz, com sonho realizado. Espero continuar assim e essa foi uma noite inesquecível na minha vida”, disse o camisa 10 da seleção brasileira, que também mandou um recado à família, reunida em Nova Venécia, norte do Estado. 

“Quero mandar um abraço à eles que estão me acompanhando lá, meus pais, sobrinhos e todos que estão lá. Infelizmente não pude estar por muito tempo com eles, mas foi o suficiente para recarregar minhas energias”, concluiu.

Leia mais:  Ex-goleiro Chilavert será candidato à presidência do Paraguai em 2023
Continue lendo

Camisa 10

São Francisco Master estreia na Copa Norte Master de Futebol neste sábado (24)

Publicado

Terá início neste sábado (24), mais um grande evento esportivo em Barra de São Francisco e região noroeste capixaba, abertura da Copa Norte Master de Futebol 2021, com a participação das cidades de Jaguaré, Vila Pavão, São Mateus, Conceição da Barra, Pinheiros, Boa Esperança, Montanha e Barra de São Francisco.

Barra de São Francisco será representado pela equipe do São Francisco Master, através do Avelino, que montou uma grande equipe afim de representar nosso município com entusiasmo e esportividade.

A equipe do São Francisco Master terá os seguintes atletas inscritos: Vaguinho, Talis, Avelino, Arione, Fabão, Geraldo, morte, Clebinho, Lia Paca, Xuru, Sandro Galo, Neguinho, Carlito, Fernando, Del, Flavinho, Jurubeba, Ivan, Naldinho, Jandinho, Geovane, Negão, Franklin, Roninho, Adriano e outros.

A estréia do São Francisco Master será neste sábado, 24/07(sábado), as 15 horas, no Estádio Municipal Joaquim Alves de Souza, de Barra de São Francisco, contra a equipe da Associação Master de Boa Esperança.

A equipe campeã receberá troféu e medalhas e R$ 5.000,00(cinco mil) reais e o vice-campeão troféu e medalhas e R$ 3.000,00(reais). O evento é organizado por Iglo Silva Oliveira, da cidade de São Mateus.

Tabela dos jogos do São Francisco Master: 24/07 – Sábado – 15h. – Estádio Joaquim Alves de Souza, São Francisco Master x Boa Esperança.

31/07 – Sábado – Pinheiros x São Francisco Master

07/08 – Sábado – 15h. – Estádio Joaquim Alves de Souza São Francisco Master x Vila Pavão.

14/08 – Sábado – Montanha Montanha x São Francisco Master Toda as precauções contra o combate da Pandemia de COVID-19 estará sendo tomadas pela direção da equipe do São Francisco Master, com a presença de torcedores e atletas fazendo o uso de máscara e álcool em gel, e ainda, uma equipe da direção do clube com medidor de temperatura e burrifidor no portão de acesso no estádio.

O prefeito Enivaldo dos Anjos (PSD) e a Secretária Grasiele Marques, estão dando total apoio a mais esse grande evento futebolístico em Barra de São Francisco.

Leia mais:  Goleiro de 21 anos morre em acidente de carro no Espírito Santo
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana