conecte-se conosco


Brasil

Rhopen realiza maratona de seis horas de treinamento profissional gratuito e on-line

Publicado

As inscrições já estão abertas. Participantes terão palestras sobre liderança feminina e inovação no mercado de trabalho com Marta Pinheiro, diretora de ESG da XP Inc., e Ricardo Rocha, CEO da SoftBox/Luiza Labs, respectivamente

Crescer profissionalmente é um desafio constante para a maioria das pessoas que está ou deseja entrar no mercado de trabalho. Investimentos em cursos, pós-graduação e mestrado fazem parte da rotina de quem entende a importância do conhecimento para alavancar a carreira. Pensando nisso, a Rhopen Consultoria, realiza no dia 18 de agosto, das 14h às 20h, uma maratona de seis horas de treinamento gratuito e on-line: o Growth 10. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas pelo link https://lnkd.in/eAkXp95.

Os inscritos terão acesso a uma plataforma exclusiva do evento por meio de um link que será enviado para o e-mail do participante. Ao entrar, ele poderá escolher um dos três ambientes virtuais: Plenária Growth, Mercado de Trabalho e Gestão & Liderança.

A programação mais extensa acontece na “Plenária Growth”, aberta ao público a partir das 14h. A primeira palestra será com a diretora de ESG da XP Investimentos, Marta Pinheiro, sobre “Liderança feminina no mercado financeiro”. Especialista em ESG – sigla usada de maneira recorrente dentro das organizações para definir práticas ambientais, sociais e de governança -, Marta é uma voz ativa pelo rompimento de estigmas antigos dentro da organização financeira. Atualmente, a XP tem como meta chegar a 50% de líderes femininas até 2025.

Após a palestra da executiva, a programação da sala segue com bate-papo, talks e apresentações interativas. Às 17h, será a vez do CEO da SoftBox/Luiza Labs, Ricardo Rocha, falar sobre adaptabilidade, modelos de negócios que valorizam as pessoas, mindset e cultura da inovação e como liderar um time de alta performance. Hoje, Rocha é considerado um dos executivos mais inovadores do Brasil.

As atividades da “Plenária Growth” serão encerradas com um show ao vivo da banda Amaro e os Mandrakes, a partir das 18h. O evento será encerrado às 20h.

Mercado de trabalho e liderança na prática

Além das palestras da “Plenária Growth”, a maratona virtual da Rhopen Consultoria oferecerá treinamento na prática para quem está em busca de emprego, crescimento na carreira ou aprimoramento na gestão e liderança.

A sala “Mercado de Trabalho” estará aberta a partir das 14h30 para a realização de três palestras: “O currículo matador”, “Sistemas de recrutamento” e “Como progredir na carreira”. Os conteúdos serão abordados por especialistas renomados na área de

Recursos Humanos, sendo uma oportunidade única para os participantes esclarecerem dúvidas sobre cada tema.

Já os interessados em participar da sala “Gestão & Liderança” terão acesso disponível a quatro palestras: “Prontos para a retomada – Como usar a gestão de pessoas para acelerar os negócios agora”; “Líderes de sucesso – 10 características para identificar o perfil”; “Guerra de Talentos – Como reter os melhores profissionais na sua empresa”; e “Liderança híbrida – Como liderar equipes remotas de alto desempenho”.

Os participantes das salas assistirão ao conteúdo, podendo interagir por meio de chat e enquetes, além de ter disponível arquivos complementares para estudo.

A iniciativa marca os 10 anos da Rhopen Consultoria, comemorados neste ano. “Precisávamos comemorar uma década fazendo o que amamos: ajudar as pessoas a desenvolverem suas habilidades profissionais por meio da troca de informação e conhecimento. Será uma oportunidade única para pensar sobre carreira, mercado de trabalho e liderança”, explica Cátia Horsts, CEO e fundadora da Rhopen.

Confira a programação Growth 10 – Rhopen Consultoria:

Plenária Growth

14h – Abertura

14h10 – Palestra – Liderança feminina no mercado financeiro

com Marta Pinheiro – diretora ESG da XP Inc.

14h55 – Mindfulness

com Alex Amorim – proprietário e instrutor de Yoga

15h30 – Bate-papo com Projeto Baleia Jubarte

com Fábio Medeiros – presidente do Instituto Ecomaris

16h05- Talk Inspiração – Storytelling para conflitos

Gabriela Kruter Arpini – produtora

16h40 – Apresentação Golden Investimentos

17h – Palestra – Adaptabilidade

Ricardo Rocha – CEO da SoftBox/Luiza Labs

18h05 – Live show

Banda Amaro e os Mandrakes

20h – Encerramento do evento

Sala Mercado de Trabalho – Palestras

14h30 – Currículo Matador – Uma conversa definitiva sobre o que não pode faltar no seu currículo

com Nestor Silveira Santtiago – Consultor Sr. de R&S

15h10 – Sistemas de recrutamento – Como se tornar relevante e usar o sistema de recrutamento a favor do candidato

com Bruna Castilhos – Gerente de Customer Success da Gupy

14h30 – Como progredir na carreira – Agora que você foi contratado, vamos conversar sobre como se destacar profissionalmente?

Com Gisellia Freitas – Diretora Executiva da Efetive

Sala Gestão & Liderança – Palestras

14h20 – Prontos para a retomada – Como usar a gestão de pessoas para acelerar os negócios agora

com Julia Caiado – CEO & Founder da Global Touch

14h55 – Líderes de sucesso – 10 características que identificamos neste perfil

com Carolinne Góes Tavares – Gerente de Operação Descarga de Minério de

Ferro do Porto de Tubarão

15h30 – Guerra por talentos – Como reter os melhores profissionais na sua empresa

com Edson Carma – CEO da Academia Brasileira de Inteligência Comportamental

16h05 – Liderança híbrida – Como liderar equipes remotas de alto desempenho

com Jaciara Pinheiro – CEO da Rhopen Consultori

Leia mais:  Avanços na Reparação: confira as ações mais recentes realizadas na bacia do rio Doce
publicidade

Brasil

Zema diz que MG pode ficar sem energia ‘a qualquer momento’

Publicado

Governador afirma que algumas regiões podem sofrer com desabastecimento e que sistema elétrico ‘está operando no limite’

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, afirmou, nesta quarta-feira (22), que algumas regiões do Estado podem ficar sem energia ‘a qualquer momento’.

A declaração foi feita durante a cerimônia que marcou o início do processo de tombamento histórico dos lagos de Furnas e Peixoto, que ficam no Centro-Oeste do Estado. Segundo o governador, o sistema de fornecimento de eletricidade está ‘no limite’.

— Nós estamos vivendo um momento de escassez de chuvas, consequentemente uma crise hídrica que está se desdobrando para se tornar uma crise energética. Tenho acompanhado muito de perto a situação, a qualquer momento nós corremos risco de ter algumas regiões desabastecidas por energia elétrica. Nosso sistema está operando no limite, apesar de todas as usinas termelétricas estarem funcionando.

Zema lamentou a situação de ‘calamidade pública’ vivida pela represa de Furnas, que está com o volume de água próximo ao mínimo para o funcionamento. Segundo o governador, o problema não é fácil de ser resolvido e seria o resultado da política hídrica do país.

— É um problema complexo, ele está dentro do contexto Brasil, que é um país que tem pecado, infelizmente, pela falta de planejamento. É um problema que se resolve de hoje para o ano que vem? Não. É um problema que deveria ter sido resolvido há 10, 15, 20 anos.

Crise hídrica

Desde junho, quando o Governo Federal anunciou que o Brasil passaria, em 2021, pela maior crise hídrica em 91 anos, a conta de luz sofreu uma série de aumentos. Após a entrada na bandeira amarela e dos reajustes na bandeira vermelha, o Creg (Câmara de Regras Excepcionais para Gestão Hidroenergética) determinou a implementação de uma tarifa inédita, chamada ‘Bandeira Escassez Hídrica’. Se aprovado, o projeto vai representar o pagamento de uma taxa de R$ 14,20 para cada 100kWh consumido entre setembro de 2021 e abril de 2022. O Ministério de Minas e Energia descarta qualquer possibilidade de racionamento ou apagão no país.

No último sábado, uma falha em uma subestação de Furnas na cidade de Rio das Ostras, no Rio de Janeiro, causou um apagão de cerca de uma hora em cidades de Minas Gerais e RJ. Segundo a ONS (Operador Nacional do Sistema), o caso não tem relação com a crise hídrica no país e que o apagão foi causado por um ‘desligamento total da subestação’. As causas do incidente ainda serão investigadas.

Leia mais:  Chineses doam US$ 300 mil para sindicatos brasileiros
Continue lendo

Brasil

Espírito Santo é o Estado com maior adesão ao Programa Nacional de Prevenção à Corrupção

Publicado

O Espírito Santo é o Estado com maior grau de adesão ao Programa Nacional de Prevenção à Corrupção (PNPC). Voltado a todos os gestores de organizações públicas (das três esferas de governo e dos três poderes), o PNPC tem como público-alvo gestores, controladores e demais colaboradores das mais de 18 mil organizações públicas cadastradas em todo o Brasil. O objetivo é reduzir os níveis de fraude e corrupção no Brasil a patamares similares aos de países desenvolvidos.

No Estado, mais de 95% das organizações públicas das três esferas de governo e dos três poderes aderiram ao programa, e 92% concluíram a resposta ao questionário disponibilizado em plataforma on-line para diagnosticar a suscetibilidade da instituição à corrupção e melhorar seus sistemas de prevenção. O sucesso é resultado da união de esforços entre as instituições – que contou com a participação da Secretaria de Controle e Transparência (Secont) – visando à adesão ao Programa. 

Ao responder o questionário, o gestor tem a oportunidade de avaliar sua instituição, descobrindo previamente os pontos mais vulneráveis e suscetíveis a falhas. A partir desse diagnóstico, será disponibilizado um plano de ação específico que apresentará sugestões e propostas voltadas para a prevenção da corrupção, adequadas às necessidades de cada entidade.

O Programa oferece ainda orientações, treinamentos, modelos e dispõe de parcerias com órgãos e entidades públicas e privadas para implantação dos mecanismos de controle da corrupção.

A Secont também fez parte da elaboração do PNPC, por meio de participação em grupo de trabalho da Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro (Enccla), principal rede de articulação institucional brasileira para o arranjo, discussões, formulação e concretização de políticas públicas e soluções de enfrentamento à corrupção e à lavagem de dinheiro.

A proposta concebida pela Enccla tem coordenação e execução pelas Redes de Controle nos Estados, patrocinada pelo Tribunal de Contas da União (TCU) e pela Controladoria-Geral da União (CGU). Conta com o apoio da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon), Conselho Nacional dos Presidentes dos Tribunais de Contas (CNPTC), Associação Brasileira dos Tribunais de Contas dos Municípios (Abracom), Conselho Nacional de Controle Interno (Conaci) e Confederação Nacional dos Municípios (CNM).

Leia mais:  Blogueira casa com tio-avô de 93 anos em 'estado debilitado', que morreu 43 dias depois e Justiça nega pensão
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana