conecte-se conosco


Cidades

Saiba quantas doses da vacina contra a covid-19 cada região do ES recebeu

Publicado

A Secretaria de Estado da Saúde começou a distribuição dos imunizantes às quatro Regionais de Saúde nesta terça-feira

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) começou nesta terça-feira (19) a distribuir as doses da vacina contra o novo coronavírus aos municípios capixabas. Ao todo, o Estado recebeu 101.320 doses do Ministério da Saúde, que chegaram ao Aeroporto de Vitória no início da noite de segunda-feira (18). 

Os primeiros profissionais de saúde foram imunizados ainda na segunda-feira, no hospital Jayme Santos Neves, na Serra, principal referência para o tratamento da covid-19 no Estado. Nesta terça, a Sesa encaminhou as doses da CoronaVac, do Instituto Butantan, às Regionais de Saúde para imunização da população-alvo desta primeira etapa.

As doses da vacina foram distribuídas nos seguintes quantitativos: 2.651 à Região Norte (São Mateus), 4.796 à Região Sul (Cacheiro de Itapemirim), 7.029 à Região Central (Colatina), e 17.260 à Região Metropolitana (Vitória).

De acordo com a Sesa, as Regionais Sul e Central receberam as doses no final da manhã desta terça (19). Para a Central, os municípios seguirão um cronograma para a retirada, com previsão de que todas as cidades recebam as doses até o final de quarta (20). Já na Região Sul, todos os municípios já realizaram a retirada na Regional de Cachoeiro de Itapemirim.

Ainda nesta manhã foram distribuídas as doses de Vitória, Cariacica e Serra. De acordo com a Sesa, a Prefeitura de Vila Velha fez um pedido especial e foi até a sede da Vigilância em Saúde, na capital, para retirar suas doses. Os demais municípios que compõem a Região Metropolitana devem retirar as doses diretamente na Rede de Frio, da Sesa.

Municípios por Regionais de Saúde

Regional de Saúde do Sul compreende os municípios de Alegre, Alfredo Chaves, Anchieta, Apiacá, Atílio Vivácqua, Bom Jesus do Norte, Cachoeiro de Itapemirim, Castelo, Divino de São Lourenço, Dores do Rio Preto, Guaçuí, Ibitirama, Iconha, Irupi, Itapemirim, Iúna, Jerônimo Monteiro, Marataízes, Mimoso do Sul, Muniz Freire, Muqui, Piúma, Presidente Kennedy, Rio Novo do Sul, São José do Calçado e Vargem Alta.

Regional Central de Saúde compreende os municípios de Águia Branca, Alto Rio Novo, Aracruz, Baixo Guandu, Colatina, Governador Lindenberg, Ibiraçu, João Neiva, Linhares, Mantenópolis, Marilândia, Pancas, Rio Bananal, São Domingos do Norte, São Gabriel aa Palha, São Roque ao Canaã, Sooretama e Vila Valério.

Regional Metropolitana de Saúde compreende os municípios de Afonso Cláudio, Brejetuba, Cariacica, Conceição do Castelo, Domingos Martins, Fundão, Guarapari, Ibatiba, Itaguaçu, Itarana, Laranja da Terra, Marechal Floriano, Santa Leopoldina, Santa Maria de Jetibá, Santa Teresa, Serra, Venda Nova do Imigrante, Viana, Vila Velha e Vitória.

Já a Regional Norte de Saúde compreende os municípios de Água Doce do Norte, Barra de São Francisco, Boa Esperança, Conceição da Barra, Ecoporanga, Jaguaré, Montanha, Mucurici, Nova Venécia, Pedro Canário, Pinheiros, Ponto Belo, São Mateus e Vila Pavão.

Grupos prioritários

Para esta primeira fase da vacinação, foram definidos como grupos prioritários, pelo Ministério da Saúde, pessoas maiores de 60 anos residentes em instituições de longa permanência, maiores de 18 anos com deficiência residentes em Residências Inclusivas, indígenas aldeados e trabalhadores da saúde. 

De acordo com a Sesa, em relação aos trabalhadores da saúde, todos os 78 municípios capixabas receberão o equivalente a 24% do número de profissionais que historicamente tomaram a vacina da gripe. 

Além disso, para a imunização deste público, foi pactuado e definido pelos municípios os trabalhadores da saúde a serem imunizados. Serão vacinados, primeiramente, os vacinadores de cada cidade, bem como aqueles que atuam na linha de frente no combate à covid-19, como profissionais de UTI’s e salas vermelhas dos Pronto Atendimentos, por exemplo. 

A imunização ocorrerá em duas doses, com intervalo de quatro semanas. Para a aplicação da segunda dose, a previsão do governo do Estado é realizar uma nova distribuição às Regionais na segunda semana de fevereiro. Além disso, de acordo com o Ministério da Saúde, o registro das doses aplicadas em todo o País — que será nominal/individualizado, por meio de CPF ou CNS [Cartão Nacional de Saúde] — deverão ser feitos no sistema de informação que será disponibilizado em breve no portal https://opendatasus.saude.gov.br/.

Ainda de acordo com a Sesa, está prevista, para esta primeira fase, a imunização do público idoso acima dos 75 anos não institucionalizados, em conformidade com os cenários de disponibilidade da vacina.

“O objetivo é poder imunizar, ainda durante a primeira fase, toda a população capixaba que pertença ao público-alvo da campanha. Para esta primeira etapa da primeira fase serão atendidos parte dos trabalhadores da saúde, mas com meta de imunização dos mais de 111 mil profissionais do Estado, a depender da disponibilidade dos insumos”, explicou a coordenadora do Programa Estadual de Imunizações e Vigilância das Doenças Imunopreveníveis da Sesa, Danielle Grillo.

Em relação às próximas etapas de vacinação, a coordenadora ressalta que as informações serão divulgadas pelo Ministério da Saúde.

Leia mais:  Rebaixamento da ensecadeira no rio Pequeno, em Linhares
publicidade

Cidades

SPTC começa emissão do novo modelo de Carteira de Identidade

Publicado

A Polícia Civil do Espírito Santo (PCES), por meio da Superintendência de Polícia Técnico-Científica (SPTC), realizou as adaptações necessárias para iniciar a emissão do novo modelo de Carteiras de Identidade (RG), em conformidade com a Resolução Federal. A partir desta segunda-feira (1º), os cidadãos que solicitarem o documento de identificação passarão a receber o modelo novo, totalmente reformulado.

“É importante lembrar que a solicitação da nova carteira não é obrigatória, pois as identidades do modelo antigo continuam tendo validade em todo o território nacional. A substituição dos documentos pelo novo modelo será feita de forma gradual. Portanto, não é necessário ter pressa em pedir o documento novo”, frisou o delegado-geral da Polícia Civil, José Darcy Arruda.

O novo modelo contém todas as informações que já existiam nas carteiras de Identidade antigas, e foi acrescido de outras informações relevantes sobre o cidadão. A cédula também conta com recursos de segurança mais eficientes, para evitar falsificações.

“Foto, nome, filiação, data de nascimento, CPF, entre outras informações, são dados que já estamos habituados a encontrar no atual RG. Outros dados foram acrescidos, um que inclui um Código QR, que serve de comprovação de autenticidade do documento e dificulta falsificações”, afirmou o superintendente de Polícia Técnico-Científica, perito Renato Koscky Junior.

Além disso, o chefe do Departamento de Identificação (DEI), perito João Carlos Quemelli, explicou que alguns campos podem ser acrescidos, a pedido do cidadão. “A nova cédula de identificação poderá incluir o PIS, PASEP/NIS; CPF; DNI; título de leitor, identidade funcional/profissional; tipo sanguíneo e fator RH; carteira de trabalho; número de cartão social de saúde; certificado militar; condições específicas de saúde; nome social, sendo que todos esses campos não são obrigatórios”, disse.

Quemelli esclareceu ainda, que os requerimentos para o preenchimento dos dados não obrigatórios serão feitos por meio de formulários específicos, disponíveis para a população nos postos de identificação. No caso de inclusão de nome social, é necessário que o requerente seja maior de idade, caso contrário, será necessária a autorização de um responsável legal. Já com relação ao campo sobre condição especial de saúde, a SPTC ainda aguarda a Regulamentação Federal.

Como solicitar o novo RG?

Leia mais:  Alunos de Colatina fazem pesquisa sobre população local

O procedimento para dar entrada na Carteira de Identidade continua do mesmo jeito, lembrando que não é obrigatório tirar um novo documento, pois o modelo antigo continua válido em todo o território nacional.

Cidadãos que precisam de uma identidade podem fazer a solicitação nos Postos de Identificação espalhados pelo Estado. A primeira via de Carteira de Identidade é emitida gratuitamente. A segunda via tem custo de R$ 61,98.

Informações sobre documentos necessários, agendamento eletrônico e outras podem ser verificadas no link <https://pc.es.gov.br/carteira-de-identidade-rg> ou pelo telefone 3382-5024.

Continue lendo

Cidades

Linhares: Secretaria de Educação abre inscrições com oferta de mil vagas para seis formações

Publicado

A Secretaria de Educação de Linhares está com mil vagas abertas para os servidores municipais da rede municipal de ensino interessados em participar de uma das seis formações continuadas que serão ofertadas pelo Município. As inscrições tiveram início nesta segunda-feira (1º/3) e devem ser realizadas pelo link http://linhares.sisp.com.br/login. As vagas serão preenchidas por ordem de inscrição.

Os servidores podem se inscrever em umas das seguintes capacitações: Transtorno de Aprendizagens e Neuroeducação: Novos horizontes (30h); Neuroeducação e processos de aprendizagens (40h); Libras para todos: Inclusão, cidadania e acessibilidade – nível 1 (50h); Libras para todos: Ampliando o conhecimento – nível 2 (50h); Libras para todos: Consolidando a aprendizagem – nível 3 (50h); e Literatura surda: Estudo e prática – nível 2 e 3 (20h).

Para realizar a inscrição é necessário escolher a formação e inscrever na data e horário disponíveis.  Quem já possui cadastro no Portal de Cursos deve acessar informando o CPF e/ou email e senha. Quem ainda não possui o cadastro é necessário clicar em “cadastre-se” para realizá-lo.

A secretária municipal de Educação, Maria Olímpia Dalvi Rampinelli, informou que esses são os primeiros cursos formatados para o ano de 2021. “Temos planejado diversas formações para este ano e, em breve, abriremos as inscrições para os cursos de Metodologias Ativas e Ensino Híbrido, direcionado a todos os professores, Trilhas, para os professores de Alfabetização e Neurociência Aplicada à Educação para todos os profissionais da rede municipal de ensino”, explicou a secretária.

O acesso do encontro remoto será disponibilizado somente pelo link http://linhares.sisp.com.br/login. A liberação da aula aos cursistas ocorrerá 30 minutos antecedentes ao encontro e a presença estará vinculada ao acesso pelo portal. O certificado será emitido 30 dias após o término da formação, mediante a avaliação contida no Portal de Cursos na aba Questionário.

Curso e respectivas vagas:

– Transtorno de Aprendizagens e Neuroeducação: Novos horizontes – 300 vagas;

– Neuroeducação e processos de aprendizagens – 200 vagas;

– Libras para todos: Inclusão, cidadania e acessibilidade, nível 1 – 200 vagas;

– Libras para todos: Ampliando o conhecimento, nível 2 – 100 vagas;

– Libras para todos: Consolidando a aprendizagem, nível 3 – 100 vagas;

– Literatura surda: Estudo e prática, nível 2 e 3 – 100 vagas.

Leia mais:  Solicitação de Pré-Matrícula pode ser feita até 04 de janeiro de 2021
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana