conecte-se conosco


Camisa 10

São Paulo atrasa pagamento de salários e direitos de imagem de jogadores do elenco profissional

Clube não pagou valores da CLT referentes a janeiro e também tem débito na imagem com atletas. Em má situação financeira, Tricolor projeta resolver problema em breve

Publicado

São Paulo atrasou o pagamento dos salários em carteira (CLT) de janeiro dos jogadores do elenco profissional.

O clube deveria ter quitado os valores na semana passada e está alguns dias atrasado. Pela lei, normalmente o salário é pago até o quinto dia útil do mês (no caso de fevereiro, a última sexta-feira, dia 7).

O São Paulo também tem uma dívida com atletas do elenco nos direitos de imagem. Há relatos de que esse atraso varia entre dois e três meses, embora o clube aponte que seja entre um e dois meses.

Em uma conversa com os jogadores do São Paulo sobre a situação financeira, a diretoria de futebol assegurou que vai pagar o atraso em breve. Nos bastidores o Tricolor teria sinalizado resolver o problema em um prazo de dez dias.

Cada jogador recebe o salário de uma maneira: uma parte dos atletas apenas os valores em carteira (CLT) e outros também ganham uma fatia por meio de direito de imagem.

publicidade

Camisa 10

Flamengo ultrapassa Palmeiras e é o líder do ranking dos clubes da CBF

Publicado

Tabela foi divulgada pela entidade que dirige o futebol nacional, nesta segunda-feira, antes da definição da Copa do Brasil, da qual o alviverde é um dos finalistas

A conquista recente do título brasileiro colocou o Flamengo na liderança do ranking de clubes da CBF, ultrapassando o Palmeiras. A tabela foi divulgada pela entidade que dirige o futebol nacional, nesta segunda-feira, antes da definição da Copa do Brasil.

O time da Gávea soma 16.768 pontos, enquanto o alviverde paulista, campeão da Copa Libertadores, acumula 16.110. O Grêmio, adversário do Palmeiras na final da Copa do Brasil, é o terceiro colocado, com 15.180.

Vice-campeão brasileiro, o Internacional pulou do nono para o quarto lugar (13.310 pontos), seguido pelo Athletico-PR, que tem 12.968. Já o Cruzeiro, que atuou o ano de 2020 na Série B do Brasileiro e não conseguiu o acesso, caiu do quarto para o décimo posto, com 11.768 pontos.

Outros três times paulistas estão entre os dez primeiros. Finalista da Libertadores, o Santos é o sexto colocado (12.776 pontos), à frente do Corinthians, que tem 12.032. O oitavo colocado é o São Paulo (11.870), seguido pelo Atlético-MG, com 11.789 pontos.

O ranking de clubes da CBF, além de posicionar os times com melhor campanha na temporada, também serve para classificar times menores nas várias competições nacionais.

Uma nova versão será divulgada na semana que vem, após a definição da Copa do Brasil, com o segundo jogo entre Palmeiras e Grêmio, no Allianz Parque, domingo.

Leia mais:  A final é brasileira! Santos atropela o Boca e decide Libertadores com o Palmeiras
Continue lendo

Camisa 10

Brasileirão: R$ 27 milhões de prejuízo com portões fechados; veja a renda líquida negativa de cada clube

Publicado

20) Sport – prejuízo de R$ 144,40 em 19 partidas em casa. O clube pernambucano não divulga o borderô completo, somente os valores do seguro-torcedor.

18) Atlético-GO – prejuízo de R$ 796.613,80 em 18 partidas em casa.

17) Athletico-PR – prejuízo de R$ 858.465,61 em 18 partidas em casa.

17) Athletico-PR - prejuízo de R$ 858.465,61 em 18 partidas em casa.

16) Red Bull Bragantino – prejuízo de R$ 960.923,66 em 18 partidas em casa.

15) Coritiba – prejuízo de R$ 1.111.454,86 em 19 partidas em casa.

14) Internacional – prejuízo de R$ 1.138.320,86 em 18 partidas em casa.

12) Corinthians – prejuízo de R$ 1.150.352,26 em 19 partidas em casa.

7) Bahia - prejuízo de R$ 1.227.866,67 em 18 partidas em casa.

11) Santos – prejuízo de R$ 1.165.632,23 em 19 partidas em casa.

10) Fortaleza – prejuízo de R$ 1.168.619,23 em 19 partidas em casa.

7) Bahia – prejuízo de R$ 1.227.866,67 em 18 partidas em casa.

5) Palmeiras – prejuízo de R$ 1.588.166,49.

4) Botafogo – prejuízo de R$ 1.804.113,33 em 19 partidas em casa, sendo que o borderô de uma delas (contra o São Paulo) ainda não foi divulgado.

2) Flamengo - prejuízo de R$ 3.234.340,85 em 19 partidas em casa, sendo que os borderôs de duas delas (contra Corinthians e Internacional) ainda não foram divulgados.

2) Flamengo – prejuízo de R$ 3.234.340,85 em 19 partidas em casa, sendo que os borderôs de duas delas (contra Corinthians e Internacional) ainda não foram divulgados.

1) Fluminense – prejuízo de R$ 3.355.612,27 em 18 partidas em casa.

Leia mais:  Morre Valdir Espinosa, treinador campeão mundial com Grêmio
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana