conecte-se conosco


Brasil

Solstício de inverno e ‘Anel de Fogo’ acontecem neste fim de semana

Publicado

O eclipse começa a partir das 2h30 da manhã do domingo, mas ápice do fenômeno ocorrerá às 3h42.

Dois fenômenos astronômicos acontecem neste fim de semana. Neste sábado (20) acontece o solstício de inverno, que marca a transição de estações na Terra.

No hemisfério sul, onde está o Brasil, o fenômeno é a transição entre o outono e o inverno, portanto, solstício de inverno. No hemisfério norte, a data marca o fim da primavera e o início do verão, ou seja, solstício de verão.

“Para um observador atento daqui da Terra, durante o solstício vai perceber que o Sol nasce e se põe no local mais afastado possível do ponto cardeal leste e oeste, respectivamente. Nesse dia do ano, quem estiver em um local na linha do Trópico de Capricórnio ou do Trópico de Câncer verá o sol atingir o zênite, ou seja, exatamente sobre as suas cabeças quando estiver a pino”, explica Langui.

No domingo (21), ocorre o primeiro eclipse solar de 2020, quando Terra, Lua e Sol ficam alinhados e a sombra do satélite natural cobre a luz solar. A diferença é que dessa vez será possível ver no céu um contorno brilhante ao redor da Lua ao invés de uma completa escuridão.

“O eclipse deste domingo é chamado de “Anel de Fogo”, porque o que vai acontecer é um eclipse anular do Sol, ou seja, a Lua não cobrirá totalmente o disco do Sol”, explica Rodolfo Langui, coordenador do Observatório da Unesp, em Bauru.

Segundo o professor, no domingo, a Lua estará no Apogeu, ou seja, no ponto mais distante da Terra. Esse é o motivo do satélite natural aparentar ter um tamanho menor e, assim, permitir que fique uma borda do Sol aparente quando ocorrer o alinhamento.

As Américas não estão na região onde o eclipse poderá ser observado. Segundo a Nasa, agência espacial dos EUA, será possível fazer a observação apenas quem estiver em países mais centrais da África, na região mais ao sul da Península arábica, no norte da Índia e no Sul da China.

O eclipse começa a partir das 2h30 da manhã do domingo, mas ápice do fenômeno ocorrerá às 3h42.

Leia mais:  76% concordam com isolamento social contra pandemia de Covid-19
publicidade

Brasil

Ministro do TCU sofre tentativa de assalto e é salvo por cachorra

Publicado

Dorinha, uma cadela da raça spitz-alemão, fez o alerta sobre a movimentação estranha na residência do ministro

O ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Benjamin Zymler foi salvo da ação de criminosos por uma cadela, neste sábado (4). A tentativa de assalto aconteceu na casa onde o ministro mora com a família, no Lago Sul, área nobre do Distrito Federal.

Zymler contou que os criminosos entraram armados na residência da família por volta das 15h do sábado. Ele estava trabalhando no computador, no térreo da casa, no momento da abordagem. Os criminosos colocaram uma arma na cabeça do ministro e o renderam, juntamente com a esposa e a filha. Eles pretendiam trancar a família em um cômodo para roubar objetos.

Dorinha salvou a família do ministro Benjamin Zymler de uma tentativa de assalto

Enquanto subiam as escadas, a cachorra da família, Dorinha, da raça spitz-alemão, colocou-se na frente dos criminosos. “Ela tem um lado territorial muito forte, ela late e protege muito. Quando eles nos conduziram, ela latiu muito. Eles falaram ‘sujou’, perceberam que os seguranças estavam por perto e desistiram da ação”, afirmou o ministro.

Os dois criminosos fugiram sem levar nada. Na casa do ministro, ficaram o medo e a sensação de gratidão a Dorinha, uma cadelinha preta de 3 anos. “Ela já era muito querida, agora ficou muito mais. Virou nossa heroína e ganhou até direito a ração especial”, disse o ministro.

A Polícia Militar do Distrito Federal confirmou ter atendido a uma ocorrência na região às 15h30 do sábado. A perícia da Polícia Civil foi acionada para investigar o caso. Até a última atualização desta reportagem, ninguém foi identificado.

“Graças a Deus, não teve consequências materiais maiores, ninguém nos agrediu, mas nos deixou com medo, nunca tinha sofrido violência armada”, finalizou o ministro, que mora em Brasília desde 1985.

Leia mais:  76% concordam com isolamento social contra pandemia de Covid-19
Continue lendo

Brasil

Feriados de 2022: veja o calendário e programe-se!

Publicado

O primeiro feriadão é o Carnaval, que neste ano começa na terça-feira, 1º de março

O ano ainda nem acabou, mas muita gente já está de olho nos feriadões de 2022. Desta vez, o ano já começa sem ‘folga’ para os trabalhadores, já que o Ano Novo, celebrado no dia 1º de janeiro, será em pleno sábado. 

Assim como a virada de ano, outros feriados nacionais vão cair no sábado ou domingo. Mas também tem os feriadões, que podem render folgas de até cinco dias. 

O primeiro deles é o Carnaval, que neste ano é comemorado na terça-feira, 1º de março. Geralmente os trabalhadores são dispensados na sexta-feira e só voltam na quarta-feira, após o meio-dia. 

Passando os dias de folia, chega a Páscoa, que começa na sexta-feira, 15 de abril. Em seguida, tem o feriado de Tiradentes, que será em uma quinta-feira, 21 de abril. Em junho, no dia 16, tem o feriado de Corpus Christi, que também cai em uma quinta-feira. 

Veja o calendário de feriados nacionais em 2022

1º/01/2022 -Confraternização Universal | sábado
1º/03/2022- Carnaval | terça-feira
15/04/2022- Paixão de Cristo | sexta-feira
21/04/2022- Tiradentes | quinta-feira
1º/05/2022- Dia do Trabalho domingo
16/06/2022- Corpus Christi quinta-feira
07/09/2022- Independência do Brasil | quarta-feira
12/10/2022- Nossa Senhora da Aparecida quarta-feira
02/11/2022- Finados quarta-feira
15/11/2022- Proclamação da República terça-feira
25/12/2022- Natal | domingo

Leia mais:  Wi-Fi Brasil vai instalar mais de mil pontos de internet banda larga gratuita
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana