conecte-se conosco


Brasil

Suzano abre inscrições para programa de qualificação de jovens em Mucuri

Publicado

Suzano, referência global na fabricação de bioprodutos desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto, inicia as inscrições do processo seletivo para a capacitação de jovens pelo Programa Formare, em Mucuri.

Desenvolvido pelo programa Voluntariar em parceria com a Fundação Iochpe, o Formare é uma iniciativa com o objetivo de capacitar jovens em situação de vulnerabilidade social para a educação profissional e para o mercado de trabalho.

Em Mucuri, o Formare ofertará 20 vagas para jovens no curso de Operador de Processo de Produção. Interessados e interessadas em participar do programa podem se inscrever até 13 de junho.

É preciso atender alguns pré-requisitos, como ter 18 anos ou 19 anos completos até 31 de julho de 2022; ter renda per capita de até um salário-mínimo por pessoa da residência; não ser filho de colaborador da empresa; ter Ensino Médio completo ou estar cursando o 2º ou 3º ano em escola pública entre outros.

BENEFÍCIOS – Dentre os benefícios oferecidos pelo programa, estão a capacitação profissional gratuita com carga horária média de 1.200 horas, uniforme, material escolar e seguro de vida. As aulas são ministradas por voluntários capacitados pela Fundação Iochpe que compartilham talento e experiência com os jovens. Durante o curso os jovens terão disciplinas práticas e teóricas, proporcionando maior oportunidade de aprendizado e crescimento profissional para o mercado de trabalho.

Leia mais:  Governo desiste de fracionar parcelas do auxílio emergencial e define calendário

“O Formare prepara jovens para o mercado de trabalho e isso reforça o nosso compromisso de fortalecer o protagonismo social e seu papel transformador na sociedade por meio da educação. Acreditamos que só é bom para nós se for bom para o mundo, e com o programa conseguimos fomentar nossos valores e renovar o nosso olhar para o futuro em prol de uma sociedade mais justa e com melhores oportunidades” destaca Elisabete Flores Pagliusi, coordenadora de Voluntariado e Projetos de Formação da Suzano.

Para participar do processo seletivo, candidatos e candidatas devem conferir todos os pré-requisitos e se inscrever por meio da plataforma AVA até 13 de junho e as etapas do processo acontecerão remotamente.

publicidade

Brasil

Bebê passa mal e família morre em acidente de carro ao tentar socorrê-lo

Publicado

A mãe, de 32 anos, chegou a ser socorrida e levada na ambulância do município para uma unidade de saúde, mas também não resistiu aos ferimentos

O capotamento de um carro deixou três pessoas da mesma família mortas em Jaraguari (MS) – a 55 km de Campo Grande, na tarde da última quinta-feira (30). Entre as vítimas, havia uma bebê de 3 meses, segundo a Polícia Civil.

A família estava a caminho do posto de saúde da cidade, quando o motorista perdeu o controle do veículo na MS-244. De acordo com a Polícia Civil, a família estava na cidade há cerca de três meses, onde o casal trabalha em uma fazenda.

Conforme apurado, enquanto o pai trabalhava, o recém-nascido começou a passar mal. Desesperados, o casal saiu correndo a caminho de uma unidade de saúde. No caminho, o condutor perdeu o controle da direção e o carro acabou capotando.

A polícia informou que com o impacto da batida o bebê acabou arremessado pela janela traseira. Ele e o pai, de 34 anos, morreram no local do acidente.

Leia mais:  Governo de SP torna obrigatório o uso de máscaras contra coronavírus

A mãe, de 32 anos, chegou a ser socorrida e levada na ambulância do município para uma unidade de saúde, mas também não resistiu aos ferimentos.

Dinâmica do acidente está sendo investigada — Foto: Reprodução

Além do bebê, as vítimas do acidente também possuem uma filha, de 12 anos. A menina estava na escola, no momento da capotagem, por isso não estava no veículo.

Segundo apurado pela reportagem, ela ficará com parentes, em Rio Verde de Mato Grosso.

Perícia foi acionada e a dinâmica do acidente está sendo investigada.

Continue lendo

Brasil

Preço médio da gasolina cai 3,5% nos postos com efeito do ICMS

Publicado

Segundo a ANP, litro do combustível foi de R$ 7,390 para R$ 7,127; já o diesel tele leve queda, de R$ 7,568 para R$ 7,554

Os preços dos combustíveis registraram queda nos postos na semana, segundo levantamento da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis), divulgado nesta sexta-feira (1º). Os valores já refletem a redução de tributos do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) nos estados.

O valor médio da gasolina caiu 3,5%, de R$ 7,390 para R$ 7,127. O etanol recuou 3,07%, passando de R$ 4,873 para R$ 4,723. Já o preço médio do diesel teve leve queda, de R$ 7,568 para R$ 7,554 (0,18%). 

Na semana anterior, os combustíveis havia registrado aumento, com o diesel superando o preço da gasolina pela primeira vez, após reajuste nas refinarias, de 5,2% na gasolina e de 14,2% no diesel, no último o dia 17. 

Numa tentativa de abaixar os preços nos posto, os impostos federais foram zerados, e o ICMS (tributo estadual) passou a ser limitado a 18%. Lei sancionada no dia 23 de junho pelo presidente Jair Bolsonaro fixou um teto para a cobrança do imposto sobre combustíveis, energia elétrica, telecomunicações e transporte urbano. 

Leia mais:  Condomínio de luxo cria praia artificial para moradores no interior de SP

Alguns estados constestaram, alegando que a lei federal prejudica o orçamento estadual, dada a importância do ICMS para a arrecadação, e por isso esperam reverter a determinação no STF. Outros já anunciaram a redução, como São Paulo, Goiás, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Minas Gerais e Rio de Janeiro.

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana