conecte-se conosco


Cidades

Suzano integra o Índice Carbono Eficiente da B3

Publicado

Companhia faz parte da lista de empresas reconhecidas por suas boas práticas sustentáveis e pela transparência na gestão de emissões de Gases do Efeito Estufa.

Suzano, referência global na fabricação de bioprodutos desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto, foi selecionada para compor o Índice Carbono Eficiente da B3 (ICO2 B3). A lista de empresas da carteira tem vigência até 30 de abril de 2021 e reúne 62 ações de 58 companhias listadas na Bolsa brasileira. Todas elas pertencem ao IBrX 100, indicador composto pelos 100 ativos mais negociados do mercado de capitais nacional. 

Criado pela B3 em 2010, o Índice Carbono Eficiente contribui para fomentar o desenvolvimento sustentável das empresas na busca por uma sociedade mais consciente e com menos emissão de Gases do Efeito Estufa (GEE). Isso porque as emissões de GEEs são uma das variáveis analisadas para a composição do ICO2 B3, que é rebalanceado a cada quatro meses.

O ingresso da Suzano no ICO2 B3 reitera o comprometimento da companhia com as metas de longo prazo que preveem, entre outras ações, a captura de 40 milhões de toneladas adicionais de carbono da atmosfera até 2030.

“Iniciamos 2021 com mais um reconhecimento à gestão e à transparência da Suzano no tema Mudanças Climáticas. Buscamos constantemente soluções que nos permitam alcançar operações ainda mais eficientes e promover a substituição de produtos de origem fóssil. Ao mesmo tempo, por meio das nossas florestas nativas e dos plantios de eucalipto, contribuímos diretamente para a remoção de CO₂ da atmosfera”, afirma Marcelo Bacci, diretor executivo de Finanças e Relações com Investidores da Suzano.

Além do ICO2 B3, a Suzano também integra o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) e o Índice Dow Jones de Sustentabilidade – Mercados Emergentes (DJSI Emerging Markets). Também foi a segunda companhia do mundo e a primeira do Hemisfério Sul e das Américas a emitir títulos sustentáveis (Sustainability-linked bonds) em empréstimos atrelados a metas ambientais. Essas conquistas marcaram o ano de 2020 e colocaram a Suzano em destaque internacional por sua jornada ESG (Environmental, Social, and Corporate Governance, ou Ambiental, Social e de Governança Corporativa, em português).

Leia mais:  Suzano revela novo Propósito organizacional e reforça conexão com a sustentabilidade e o futuro
publicidade

Cidades

Adolescente é resgatado de helicóptero após ter pulmão perfurado por galho de árvore

Publicado

O menino e o pai faziam a poda de uma árvore no sítio da família, em Laranja da Terra, interior do Espírito Santo, quando o acidente aconteceu

Um adolescente de 16 anos foi resgatado por um helicóptero do Núcleo de Operações e Transporte Aéreo da Secretaria da Casa Militar (Notaer) após ser atingido por um galho de árvore e ter o pulmão perfurado e as costelas quebradas.

O acidente aconteceu na manhã deste sábado (23) em Laranja da Terra, interior do Estado. Em 25 minutos, a aeronave levou o menino para o Hospital São Lucas, em Vitória, onde ele está internado.

Eles preferiram não gravar entrevista, mas contaram que o adolescente e o pai acordaram cedo e foram cortar os galhos de uma árvore no sítio da família. Durante a poda, um galho caiu em cima do menino.

Segundo informações da polícia, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) fez os primeiros atendimentos ao adolescente e acionou o transporte aéreo logo em seguida.

O Major Pablo afirmou que acionar o Notaer reduziu o tempo de deslocamento até o hospital: “Um trajeto que uma ambulância demoraria entre 3 a 4 horas para realizar, o helicóptero fez em 25 minutos”.

Ainda segundo a família, as primeira informações da equipe médica do hospital são de que o menino está na chamada “sala de choque” para se recuperar do trauma.

Leia mais:  Com apoio do Bandes, empresa de mármore e granito investe no Noroeste do Estado
Continue lendo

Cidades

Carro vai parar embaixo de caminhão em Nova Venécia

Publicado

Neste sábado (23), por volta de 11h15min, um acidente foi registrado na rotatória da Avenida Guanabara, em Nova Venécia.

Um veículo, Fiat Strada HD WK, de cor prata, registrado em Vila Pavão, desceu o morro que fica ao lado do posto de gasolina e descontrolado bateu na carroceria de um caminhão.

Com o impacto, o para-choques que fica na traseira do caminhão foi arrancado.

No Fiat Strada estava apenas a motorista que sofreu ferimentos em uma das mãos.

Por sorte não havia ninguém no carona, parte que ficou completamente destruída.

A motorista do Fiat Strada, em estado de choque, não soube explicar o que aconteceu.

Leia mais:  Mapa de Risco: somente duas cidades do ES estão em risco alto
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana