conecte-se conosco


Cidades

Suzano registra geração de caixa operacional de R$ 3,4 bilhões, maior resultado trimestral desde a fusão

Publicado

Número foi impulsionado por vendas de celulose, câmbio e controle de custos

Suzano, referência global na fabricação de bioprodutos desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto, divulga hoje os resultados do segundo trimestre de 2020 (2T20). O período foi marcado pelo forte volume de vendas de celulose, pelo câmbio favorável e pelo ótimo desempenho em custos. Esses fatores permitiram que a Suzano encerrasse o período com uma geração de caixa operacional de R$ 3,4 bilhões, o maior resultado trimestral desde a fusão da companhia, concluída no início de 2019. O EBITDA ajustado atingiu R$ 4,2 bilhões, também no melhor patamar desde janeiro do ano passado.

As vendas de celulose totalizaram 2,8 milhões de toneladas no trimestre, contribuindo para uma redução de aproximadamente 200 mil toneladas no nível de estoques da companhia. Foram comercializadas também 235 mil toneladas de papel no período. O forte ritmo das vendas de celulose, associado ao câmbio favorável à exportação, resultou em uma receita líquida de R$ 8,0 bilhões entre abril e junho.

Outro destaque positivo do trimestre foi o custo caixa de celulose, considerado o principal indicador de competitividade de produção do setor. O resultado de R$ 599 por tonelada, excluindo o efeito de paradas programadas, foi 14% inferior ao registrado no segundo trimestre de 2019 (2T19).

“Esses números evidenciam a capacidade da Suzano de gerar caixa, com ganhos sucessivos de competitividade impulsionados pelo avanço na captura de sinergias, mesmo em um ambiente mais desafiador. Diante da maior pandemia da história moderna, nossos times conduziram a companhia ao seu melhor resultado desde a fusão”, afirma o presidente da Suzano, Walter Schalka.

Com a forte geração de caixa operacional, o nível de alavancagem da empresa no trimestre caiu para 4,7 vezes em dólar. A variação cambial, que por um lado contribui para a elevação da receita líquida e, por outro, impacta o resultado financeiro, ocasionou um resultado líquido negativo de R$ 2,1 bilhões no trimestre.

“O resultado trimestral demonstra um excelente desempenho operacional em vendas e custos, assim como efeitos positivos do câmbio mais desvalorizado. O mesmo efeito cambial que favoreceu a geração de caixa ocasionou mais uma vez um impacto negativo no resultado financeiro, em função da variação cambial sobre a dívida dolarizada da empresa. No entanto, como essa dívida tem prazo médio de vencimento bastante longo, de aproximadamente sete anos, o atual patamar do câmbio é amplamente favorável à empresa, que gera a maior parte de suas receitas também em dólar”, afirma o diretor executivo de Finanças e Relações com Investidores da Suzano, Marcelo Bacci.

Leia mais:  ES ultrapassa marca de 27 mil casos confirmados de covid-19; mais 32 mortes foram registradas em 24 horas
publicidade

Cidades

Banestes lança pacote promocional com condições especiais de crédito e serviços para servidores públicos

Publicado

As ofertas incluem anuidade grátis para cartões Visa, descontos em seguros e taxas de juros com descontos de até 40% no crédito

O Banestes anunciou a disponibilização de um pacote especial, com condições ainda mais atrativas em seus produtos de crédito, cartões e soluções em seguros, para todos os clientes da categoria servidores públicos, tanto municipais quanto estaduais e federais.

“Como o banco do Espírito Santo, o Banestes já tem como tradição o atendimento personalizado em todo o Estado e também a oferta de produtos com condições diferenciadas a todos os capixabas. Neste momento, queremos fortalecer ainda mais o vínculo com nossos clientes servidores públicos que, sem dúvida, encontram no banco estadual as melhores possibilidades de negócios. É dessa forma que alavancamos o desenvolvimento econômico do Espírito Santo”, destaca o diretor-presidente do Banestes, José Amarildo Casagrande.

Dentre as ofertas, estão disponíveis a isenção de uma anuidade dos cartões Banestes Visa, sendo o Visa Platinum o de melhor programa de pontuação do Brasil; descontos de até 20% em seguros; e créditos com descontos de até 40% nas categorias crédito pessoal, para financiamento de veículos, consignado, portabilidade de consignado e de antecipação da restituição do Imposto de Renda (IR).

Confira – Condições especiais do Banestes para Servidores Públicos:

·        Cartões Banestes Visa:

– Anuidade grátis por um ano para os cartões Banestes Visa (tanto para upgrade quanto para novo cartão).

– Cartão Visa Platinum: melhor programa de pontos do mercado.

·        Seguros Banestes:

– 20% de desconto no seguro residencial durante um (01) ano.

– 10% de desconto na contratação do seguro auto.

·        Crédito Pessoal:

– Prazo de até 60 meses, com taxas a partir de 0,79% ao mês.

·        Financiamento de Veículos:

– Prazo de até 60 meses, com taxas a partir de 0,49% ao mês.

·        Crédito Consignado:

– Prazo de até 96 meses, com taxas a partir de 0,99% ao mês.

– Modalidade de Portabilidade de Crédito Consignado disponível. O cliente pode trazer o crédito contratado em outra instituição financeira e obter redução nas taxas de juros.

·        Rest-renda Banestes (Antecipação da Restituição do IR):

– Prazo de até 11 meses, com taxas a partir de 1,99% ao mês.

Os servidores públicos interessados em aproveitar as condições do pacote especial de ofertas devem entrar em contato com uma das agências do Banestes ou registrar uma solicitação pela opção “Fale com o Gerente”, disponível no Aplicativo Banestes. Como toda operação financeira, as contratações estarão sujeitas às análises de crédito e de cadastro.

Aqueles que ainda não são correntistas do banco poderão abrir a conta de forma rápida, prática e gratuita, 100% on-line, pelo Aplicativo Abre Conta Banestes – www.banestes.com.br/appabreconta.

Além disso, realizar a Portabilidade de Salário para a conta do Banestes também é rápido e seguro. Basta acessar o Aplicativo Banestes, clicar no ícone ‘Menu’ e, em seguida, ‘Serviços’ e selecionar a opção ‘Portabilidade de Salário’, e seguir os procedimentos.

Leia mais:  Covid-19: São Gabriel da Palha decreta toque de recolher; ´é a terceira cidade do ES a adotar medidas extremas
Continue lendo

Cidades

Governo do Estado entrega cestas básicas para empreendedores do samba

Publicado

O governador do Estado, Renato Casagrande, participou, na manhã desta sexta-feira (14), do ato simbólico de entrega de cestas básicas para os empreendedores das escolas de samba da Grande Vitória. A ação realizada no Sambão do Povo, em Vitória, marca o início da distribuição de cinco mil cestas para grupos da economia solidária, artesãos e microempreendedores individuais já cadastrados na Agência de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo do Estado (Aderes). O investimento total é de cerca de R$ 450 mil.

O evento teve a participação dos representantes de 16 agremiações de escolas de samba. Somente esse grupo irá receber 720 cestas.

Em sua fala, o governador lembrou dos desafios impostos pela pandemia à toda sociedade, incluindo os empreendedores do samba. “Não tenho samba no pé, mas adoro o Carnaval e estou com saudades. Quando a gente entra no Sambão do Povo não tem como não lembrar da alegria dos desfiles, de vermos o quanto avançamos no profissionalismo. Contudo, a pandemia chegou e mudou tudo. Não é fácil governar, ser dirigente de escola de samba ou empreendedor do Carnaval neste momento. Por isso, o Governo precisa estar presente. As cestas não resolvem o problema, mas ajudam a atravessar esse momento de dificuldade”, pontuou Casagrande.

O diretor-presidente da Aderes, Alberto Farias Gavini Filho, ressaltou que os empreendedores do samba estão impossibilitados de realizar o Carnaval de Vitória por conta do agravamento da pandemia, o que trouxe dificuldades para o setor. “O governador Renato Casagrande, sensível aos pequenos empreendedores, vem realizando ações visando minimizar os impactos sofridos, por isso a Aderes entrega cestas também para esses empreendedores do Carnaval”, destacou. 

O presidente da Liga Independente das Escolas de Samba do Grupo Especial (Liesge), Edson Rodrigues de Freitas Neto, reforçou que as agremiações estão seguindo todos os decretos do Governo para evitar a transmissão da Covid-19. Ele também agradeceu a inclusão dos empreendedores do Carnaval nos grupos que vão receber as cestas básicas distribuídas pelo Estado, por meio da Aderes.

“Se não fosse essa ajuda, os empreendedores do Carnaval estariam em ainda mais dificuldade. Queremos agradecer novamente essa parceria e a ajuda do Governo do Estado. Esse palco é de alegria e festa, onde levamos para todo o Brasil a nossa cultura. Infelizmente, esse ano não pode acontecer. Entendemos e respeitamos essa decisão, deixando claro que só podemos ter Carnaval com alegria. Com tristeza, jamais”, declarou Edson Neto.

Leia mais:  Banestes amplia em 96 meses prazo para pagamento do consignado de servidores estaduais
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana