conecte-se conosco


Cidades

Trabalhadores da Jurong encerram bloqueios de estrada, mas continuam em greve

Publicado

Após audiência de conciliação, eles não aceitaram valor proposto pela empresa para tíquete-alimentação, além de mudanças no plano de saúde e abono para os dias parados

Mesmo após encerrarem os bloqueios na rodovia ES-010 em Aracruz para impedir a entrada de funcionários terceirizados, os trabalhadores do Estaleiro Jurong Aracruz (EJA) continuam em greve. Eles rejeitaram pontos de uma audiência de conciliação finalizada no Tribunal Regional do Trabalho (TRT-ES) na última segunda-feira (20). 

Na semana passada, durante três dias, trabalhadores do estaleiro bloquearam um trecho da via estadual, na localidade de Barra do Riacho. Os bloqueios ocorreram nos dois sentidos da via de acesso ao local.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do Espírito Santo (Sindimetal-ES), Roberto Pereira de Souza, eles contestam o valor do tíquete-alimentação, sugerido pela empresa, além de não concordarem com definições sobre reajustes do plano de saúde e o alcance do abono para os dias parados.

“A empresa, na conciliação, ofereceu R$ 590 como novo valor para o tíquete-alimentação mas os trabalhadores querem R$ 650. Também querem que o plano de saúde passe a incluir os dependentes. Quanto ao abono, eles exigem que seja para todos os sete dias da paralisação e não somente três, exigindo que se compense trabalhando aos sábados”, explicou.

A greve no estaleiro da Jurong começou em 9 de setembro. Os trabalhadores do estaleiro reivindicavam reajuste salarial compatível à inflação do período, de 10,42%, acrescido de mais 5%. Na audiência, a empresa ofereceu reajuste de 10,42% para salários até R$ 12 mil e reajuste de R$ 625 para salários superiores a R$ 12 mil, dentro do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). 

O diretor do Sindimetal destacou ainda que a adesão ao movimento grevista continua alta. “A empresa tem cerca de 1400 empregados e 95% estão parados. Quem ainda não aderiu é um grupo muito pequeno ligado ao setor administrativo. Essa grande participação é que os trabalhadores de lá estão muito insatisfeitos”, resumiu. 

A reportagem entrou em contato com a assessoria de comunicação do estaleiro Jurong, pedindo um posicionamento sobre a reivindicação dos trabalhadores, bem como a atividade da empresa foi afetada, mas até o momento não houve retorno.

Leia mais:  Habilitação: coleta de biometria estará suspensa nas agências do Detran de 16 a 19 de julho
publicidade

Cidades

Adolescente é resgatado de helicóptero após ter pulmão perfurado por galho de árvore

Publicado

O menino e o pai faziam a poda de uma árvore no sítio da família, em Laranja da Terra, interior do Espírito Santo, quando o acidente aconteceu

Um adolescente de 16 anos foi resgatado por um helicóptero do Núcleo de Operações e Transporte Aéreo da Secretaria da Casa Militar (Notaer) após ser atingido por um galho de árvore e ter o pulmão perfurado e as costelas quebradas.

O acidente aconteceu na manhã deste sábado (23) em Laranja da Terra, interior do Estado. Em 25 minutos, a aeronave levou o menino para o Hospital São Lucas, em Vitória, onde ele está internado.

Eles preferiram não gravar entrevista, mas contaram que o adolescente e o pai acordaram cedo e foram cortar os galhos de uma árvore no sítio da família. Durante a poda, um galho caiu em cima do menino.

Segundo informações da polícia, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) fez os primeiros atendimentos ao adolescente e acionou o transporte aéreo logo em seguida.

O Major Pablo afirmou que acionar o Notaer reduziu o tempo de deslocamento até o hospital: “Um trajeto que uma ambulância demoraria entre 3 a 4 horas para realizar, o helicóptero fez em 25 minutos”.

Ainda segundo a família, as primeira informações da equipe médica do hospital são de que o menino está na chamada “sala de choque” para se recuperar do trauma.

Leia mais:  Tecnologia inédita no País vai mostrar lotação em tempo real dos ônibus do Sistema Transcol
Continue lendo

Cidades

Carro vai parar embaixo de caminhão em Nova Venécia

Publicado

Neste sábado (23), por volta de 11h15min, um acidente foi registrado na rotatória da Avenida Guanabara, em Nova Venécia.

Um veículo, Fiat Strada HD WK, de cor prata, registrado em Vila Pavão, desceu o morro que fica ao lado do posto de gasolina e descontrolado bateu na carroceria de um caminhão.

Com o impacto, o para-choques que fica na traseira do caminhão foi arrancado.

No Fiat Strada estava apenas a motorista que sofreu ferimentos em uma das mãos.

Por sorte não havia ninguém no carona, parte que ficou completamente destruída.

A motorista do Fiat Strada, em estado de choque, não soube explicar o que aconteceu.

Leia mais:  Prefeito de Mantenópolis agradece a deputado pela destinação de 4 veículos entregue nesta terça
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana