conecte-se conosco


Internacional

Trump volta a usar petróleo como argumento para tirar votos de Biden

Publicado

Trump veiculou trechos de vídeos de Biden, nos quais o ex-vice-presidente promete uma transição para energias mais limpas nos EUA

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, voltou a atacar o rival na disputa pela Casa Branca, o democrata Joe Biden. Como tem feito em eventos recentes, Trump afirmou durante comício em Martinsburg, na Pensilvânia, que Biden destruiria o setor de energia dos Estados Unidos, prejudicando a produção de petróleo, caso vença a disputa.

Trump veiculou trechos de vídeos de Biden, nos quais o ex-vice-presidente promete uma transição para energias mais limpas nos EUA. O líder republicano argumenta que isso destruirá dezenas de milhares de empregos em Estados cruciais na disputa eleitoral, como a própria Pensilvânia.

Leia mais:  Associação de Hollywood prevê bilheteria mundial 10% menor por coronavírus
publicidade

Internacional

Cataratas do Niágara congelam em meio a forte frente fria

Publicado

As famosas cataratas do Niágara congelaram na segunda-feira (22/2), em meio a uma forte frente fria polar que continua a atingir várias regiões dos Estados Unidos.

O gelo se formou no topo da famosa cachoeira depois que as temperaturas caíram para -19C em Niagara, no norte do estado de Nova York.

Cataratas do Niagara congeladas

Nuvens espessas de vapor e um arco-íris também eram visíveis na área, localizada na fronteira entre EUA e Canadá e uma das mais visitadas dos dois países.

O fenômeno ocorreu depois que o presidente Joe Biden declarou um grande desastre no Texas, onde ocorreram apagões e pelo menos 30 mortes durante uma nevasca histórica. Nas redes, circula uma teoria da conspiração afirmando que a nevasca no Texas é “fake”.

No país, ao menos 69 pessoas morreram de envenenamento por monóxido de carbono, hipotermia, acidentes de carro, incêndios em casas e afogamentos no período congelante.

Cataratas do Niagara congeladas

Cataratas do Niagara congeladas

Leia mais:  Índia dá início ao mais ambicioso esquema de vacinação do mundo
Continue lendo

Internacional

Paciente transplantada morre de covid-19 após receber pulmões infectados

Publicado

Antes da cirurgia tanto a paciente quanto o órgão passaram por uma testagem onde não foi identificada a presença do vírus

Em Michigan, nos Estados Unidos, uma mulher morreu em virtude da covid-19 dois meses após receber o transplante de um pulmão infectado. Inicialmente, tanto a paciente que recebeu o órgão, quanto o próprio órgão deram negativo para a presença do vírus. O caso foi registrado no segundo semestre de 2020 e o cirurgião responsável por cuidado do pulmão também testou positivo.

Trata-se do único caso confirmado de infecção adquirida por transplante, mas de acordo com o diretor do serviço de doenças infecciosas de transplantes da Michigan Medicine, Daniel Kaul, a ocorrência alerta para a necessidade de testes mais rigorosos em órgão transplantados como o recolhimento de amostras da parte interna do pulmão.

De acordo com informações do jornal USNews, a doadora do órgão morreu em virtude de uma lesão cerebral após sofrer um acidente de carro. Já a paciente que recebeu o pulmão sofria de uma doença pulmonar obstrutiva crônica.

Três dias após a cirurgia, a paciente receptora do órgão apresentou febre e exames apontaram diagnóstico de infecção pulmonar. O quadro se agravou e a paciente apresentou choque séptico. Após a situação, a equipe médica decidiu realizar um novo teste de covid-19, o qual apresentou resultado positivo. Em dúvida sobre a origem da infecção, os médicos realizaram exames mais profundos com fluidos do órgão e também detectaram a presença do vírus.

Leia mais:  Mulher que vivia com 320 ratos em van é denunciada por vizinhos
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana