conecte-se conosco


Política Nacional

Valdemar diz que eleição pode acabar no 1º turno, relatam empresários

Publicado

Presidente nacional do PL declarou que o esvaziamento da terceira via poderá acarretar em um cenário de vitória de Lula ou de Bolsonaro já no primeiro turno

O presidente nacional do PL e um dos coordenadores da campanha à reeleição do presidente Jair Bolsonaro (PL), Valdemar da Costa Neto, disse na sexta-feira (20) durante almoço com empresários do grupo Esfera Brasil que a eleição presidencial deste ano pode acabar já no primeiro turno. Segundo relatos feitos à CNN por participantes do almoço, Valdemar declarou que o esvaziamento da terceira via poderá acarretar em um cenário de vitória de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ou de Bolsonaro já no primeiro turno.

Ainda segundo fontes que estiveram no encontro, Valdemar disse acreditar na reeleição do presidente e que a vantagem do petista para Bolsonaro deverá diminuir a partir de julho devido a 40 inserções partidárias do PL que irão ao ar no rádio e na TV já em junho. Mas colocou a inflação como grande dificuldade para Bolsonaro na disputa deste ano.

Leia mais:  Arrecadação de ICMS no Espírito Santo cresce 57,5% em maio de 2021

Valdemar disse ainda que ideia central das inserções será promover realizações do governo Bolsonaro. Chegou a mencionar uma delas, o Pix, sistema de transferência bancária de recursos direto entre as pessoas. Para ele, ninguém sabe o que Bolsonaro fez e as inserções terão essa função, a ser complementada pelo horário eleitoral gratuito a partir de agosto.

O presidente do PL declarou também que o partido já mantém conversas com empresas para fiscalizar a eleição deste ano, conforme desejo do próprio Bolsonaro.
Valdemar mencionou ainda a situação de desvantagem de Bolsonaro no Nordeste, mas afirmou estar otimista principalmente com São Paulo e Rio de Janeiro. Declarou também que em Minas Gerais o cenário ainda está incerto para o presidente e é um dos focos da campanha agora é estruturar um bom palanque no estado, ainda mais após o acerto de Lula com Alexandre Kalil.

Valdemar também avaliou aos empresários que não aposta em grandes reformas ainda neste ano, mas que em um eventual novo governo Bolsonaro elas serão encaminhadas. Mencionou especificamente as reformas tributária e administrativa. Também apontou a possibilidade de que a pelo menos parte da Petrobras seja privatizada.

Leia mais:  Regina Duarte também convoca população para manifestação contra o Congresso

publicidade

Política Nacional

Mario Frias sofre infarto e é levado para UTI de hospital em Brasília

Publicado

Segundo boletim médico, o ex-secretário de Cultura está internado na UTI sem previsão de alta

O ex-secretário especial de Cultura Mario Frias foi internado na noite de segunda-feira (4), com quadro de “infarto agudo do miocárdio”. Frias divulgou um boletim médico nas redes sociais que informa que foi necessário que ele passasse por um cateterismo com retirada de trombos.

Ele está internado na UTI do Hospital Santa Lúcia, na Asa Sul, em Brasília. Não há previsão de alta. Por conta do estado de saúde, ele informou que cancelou a agenda dos próximos dias.

Frias tem 50 anos e já foi internado em outras ocasiões para passar por procedimentos no coração. Em 11 de dezembro de 2020, o ex-ator fez um cateterismo de emergência após sentir mal-estar. Ele precisou refazer o procedimento em maio de 2021.

O cateterismo cardíaco pode ser realizado para diagnosticar ou tratar doenças do coração. O procedimento é feito com a introdução de um catéter na artéria do braço ou da perna, até o coração.

Leia mais:  Regina Duarte também convoca população para manifestação contra o Congresso

Continue lendo

Política Nacional

Ministro do STJ vem o Espírito Santo na próxima sexta-feira (08)

Publicado

Sérgio Kukina participará palestra para membros do Poder Judiciário e público em geral, no TJES

Na próxima sexta-feira (08), o ministro Sérgio Kukina, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), estará no Estado para participar de uma palestra no Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES). Ele é o convidado da Escola da Magistratura (Emes), em evento que debaterá tópicos relevantes na jurisprudência da Corte superior.

Segundo informações da assessoria de imprensa do TJES, a palestra está marcada para acontecer das 10h às 12h, no Salão Nobre do Tribunal, e será aberta para integrantes do Poder Judiciário estadual e o público em geral.

O ministro

Kukina é ministro do STJ desde 2013. Atualmente, é presidente da 1ª Seção, membro da 1ª Turma e da Comissão de Regimento Interno. Graduado e mestre em Direito pela Universidade Católica do Paraná,  ele já atuou como promotor de Justiça e procurador de Justiça do estado do Paraná, além de ter sido ouvidor do STJ no período de 2020 a 2021.

Leia mais:  Câmara aprova urgência a projeto que libera mineração em terras indígenas

Inscrição

As vagas para participar do evento são limitadas, de acordo com a capacidade do espaço. Inscrições para confirmação de presença na palestra: formulário.

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana