conecte-se conosco


Camisa 10

Vitória, Capital do esporte: quadras e campos recebem melhorias por toda a cidade

Publicado

Quem passa por qualquer uma das nove regiões administrativas de Vitória encontra uma série de espaços e equipamentos públicos voltados para a prática esportiva e o bem-estar de moradores e turistas.

São quadras, academias, campos e espaços de esportes e lazer, que, desde o início da gestão, vêm recebendo uma atenção especial para atender o público neste momento de retomada de algumas atividades e avanço da vacinação contra a Covid-19.

Vestiário do campo da praça de Itararé está passando por melhorias

“A prática esportiva e o lazer estão diretamente ligados à qualidade de vida e à saúde, por isso é muito importante que os cidadãos possam contar com a excelência de atividades e serviços oferecidos pelos equipamentos e espaços esportivos da capital”, afirma o secretário de Esportes e Lazer de Vitória, Sandro Parrini.

Melhorias

Os campos de futebol dos bairros Resistência e Itararé receberam melhorias e tiveram seus vestiários totalmente reformados, atendendo a um antigo desejo dos moradores. A obra abrange troca de piso, sanitários, pintura, manutenção elétrica e outras melhorias. “Mais conforto e segurança para os jogadores”, destaca Sandro.

Leia mais:  Lewis Hamilton volta a convocar a Fórmula 1 na luta contra o racismo

Compromisso com o esporte

Outros campos, centros esportivos e as quadras de basquete e vôlei também estão recebendo intervenções, em um trabalho de equipe que tem rendido excelentes frutos entre a Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Semesp), a Central de Serviços e a Secretaria Municipal de Obras (Semob).

“A manutenção e a melhoria contínua dos espaços de esportes e lazer, bem como a promoção da prática esportiva e a retomada de grandes eventos e competições, são compromissos da Semesp”, afirma o subsecretário da pasta, Professor Índio.

Quadras de basquete

Nas quadras de basquete de Vitória, entre outros reparos, estão sendo substituídos os aros e as tabelas, em um investimento de mais de R$ 2 mil por quadra. Espaços em Bento Ferreira, Nova Palestina, São Pedro e Santo André já receberam melhorias.

“Como atleta profissional de basquete e também responsável por um projeto social na Grande Goiabeiras, vejo que são ações de extrema importância, tanto para a prevenção de acidentes quanto para a qualidade de qualquer prática esportiva”, conta Alessandro Casé, estrela e ídolo do basquete capixaba.

Leia mais:  Robinho é condenado em segunda instância na Itália a 9 anos de prisão

Assessor técnico na Semesp e um dos responsáveis pelos trabalhos de intervenção, Casé também é frequentador assíduo dos espaços. “Eu utilizo bastante as quadras da minha região e vejo como é bom praticar o basquetebol em um espaço em perfeitas condições. A diversão e o trabalho ficam bem melhores e muito mais seguros”, conta o atleta.

Vôlei de praia

O Centro Municipal de Vôlei de Praia, localizado na praça dos Namorados, também foi reformado, com limpeza e higienização da areia, reparo dos alambrados, estruturas e pintura dos mastros de quadra.

“Atendemos a uma solicitação da Federação Espírito-Santense de Voleibol (Fesv). Além de melhorar o espaço para os frequentadores, vai beneficiar a formação de atletas, os treinamentos para competições e a realização de campeonatos”, explica Sandro Parrini.

Os trabalhos de manutenção e melhoria dos equipamentos e áreas de esporte e lazer são realizados periodicamente por toda a cidade.

publicidade

Camisa 10

Capixabas ajudam Brasil a conquistar bronze no Mundial de canoa havaiana em Londres

Publicado

Jefferson Cabral, Carlos Fernando Bolsanello, João Paulo Helal e Wesley Oliveira fizeram história ao trazerem a primeira medalha ao ES na modalidade

Tem capixaba se destacando na canoa havaiana no velho continente. O Campeonato Mundial de Sprint Va’a, que aconteceu entre o período de 8 a 16 na Inglaterra (Dorney Lake), mesmo local onde foi disputado as provas de canoagem e remo olímpico dos Jogos de Londres (2012), tiveram quatro atletas do Espírito Santo conquistando o bronze por equipe brasileira.

A Master 40 V12 Masculino 500 metros, conquistou a medalha de bronze e tinha em sua formação quatro atletas capixabas: Jefferson Cabral, Carlos Fernando Bolsanello, João Paulo Helal e Wesley Oliveira.

A competição contou com mais de 30 categorias, 22 países e 1309 competidores. O Brasil encerrou com a conquista de 15 medalhas, como comparação nos dois últimos Mundiais realizados Tahiti (2018) e Austrália(2019), o Brasil havia conquistado 02 medalhas em cada. 

No total, o Brasil conquistou no torneio mundial uma medalha de ouro, sete medalhas de prata e sete medalhas de bronze. Além disso, esta foi a primeira conquista da primeira medalha em Mundial por atletas capixabas.

Leia mais:  Jobson marca dois gols, dá assistência e Capixaba goleia o Aster na Copa ES 2021

Continue lendo

Camisa 10

Segunda rodada do campeonato da 3ª Divisão vai movimentar estádios dos bairros e interior neste domingo (21)

Publicado

Neste domingo (21), as equipes do Campeonato de Futebol Amador da 3ª Divisão vão entrar em campo pela segunda rodada da competição. Os jogos vão movimentar os Estádios do Vasquinho, no bairro Interlagos, do Manoel Ribas Neto, no bairro São José, do Antônio Ferreira de Souza mais conhecido como Tafarel, no bairro Santa Cruz, além dos estádios da Vila de Povoação, Farias e do distrito de Bebedouro, a partir das 8 horas. Na primeira rodada, os atletas mostraram que sabem fazer gols e balançaram a rede 55 vezes.

Conforme o regulamento, as equipes estarão divididas em sete chaves e todos os times de cada chave irão se enfrentar durante a fase classificatória.  Os dois primeiros colocados de cada chave, além das duas equipes que tiverem o melhor terceiro lugar, vão garantir passaporte para as oitavas de final do torneio.

O campeão e vice-campeão vão subir para a 2ª Divisão em 2023. Os dois primeiros colocados serão premiados com troféus e medalhas. Também haverá premiação em troféu para o artilheiro e o goleiro menos vazado da competição.

Leia mais:  Olimpíada de Tóquio é adiada por um ano, devido ao coronavírus

Neste ano, a competição conta com 28 equipes e envolve cerca de 700 atletas na disputa do título. O campeonato é promovido pela Prefeitura de Linhares, por meio da secretaria municipal de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer.

A tabela completa dos jogos está disponível no site da Prefeitura de Linhares: www.linhares.es.gov.br

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana