conecte-se conosco


Segurança

Vitória: Secretaria de Segurança lança Cerco Móvel, nova ferramenta da Guarda Municipal

Publicado

O serviço prestado pela Guarda Civil Municipal de Vitória (GCMV) agora conta com uma nova ferramenta para continuar contribuindo com a segurança da capital. O Cerco Móvel, lançado na tarde desta terça-feira (6), na Prefeitura de Vitória, passa a fazer parte das operações.

A Secretaria Municipal de Segurança Urbana (Semsu) vai disponibilizar uma ferramenta que faz a leitura de placas de veículos, checando irregularidades e emitindo alerta para que os agentes de rua realizem a abordagem para averiguação.

Secretário Ícaro Ruginski lançou o Cerco Móvel, que faz leitura de placas de veículos e checa irregularidades.

“Atualmente, o dispositivo foca na questão do furto e do roubo de veículos, identificando as placas com restrição. Contudo, em breve, queremos identificar, também, veículos com documentos irregulares, sem licenciamento, sem pagamento de IPVA, o que vai contribuir para evitar que isso atrapalhe a arrecadação do município”, afirmou o secretário municipal de Segurança Urbana, Ícaro Ruginski.

“Estamos desde o dia 9 de junho sem crime violento na cidade. É mérito da união das forças de segurança, é um dado de cidade europeia. A Guarda Municipal deu um salto de qualidade e, hoje, apresenta índices. Queremos colocar a Guarda a dispor de vocês, das instituições de segurança. Sozinhos não chegaremos a lugar nenhum”, disse o prefeito de Vitória, Lorenzo Pazolini.

Queda nos números

Em comparação com o primeiro semestre de 2020, a GCMV registrou um aumento de 66,7% no número de veículos recuperados este ano. Foram 80 veículos em 2021, contra 48 de janeiro a junho do ano passado.

Na agenda, estiveram presentes membros das polícias Civil e Militar, da Polícia Rodoviária Federal, vereadores e representantes de entidades ligadas ao transporte por aplicativo.

Armamento

No lançamento do Cerco Móvel, também foi entregue novo armamento não letal para a GCMV. São 60 armas de choque Spark, que estarão disponíveis para o trabalho de rua.

Investimento

Desde o início da gestão, os agentes de Proteção Comunitária da Guarda Municipal foram equipados com novo armamento – pistolas TH.40 e carabinas calibre 12 – e instrumentos não letais (espargidores de pimenta). Para os agentes de Trânsito, foram adquiridos etilômetros.

A logística das equipes de rua foi reajustada com a definição dos pontos base e ações prioritárias elencadas de acordo com as demandas.

Seis carros para atividades administrativas da Guarda foram adquiridos com recursos obtidos pelo senador Marcos do Val.

A Ronda Ostensiva Municipal (Romu) foi oficializada e está em processo de formação, com turma prevista para se formar na segunda quinzena de julho. Ela vai atuar em situações de conflito e em locais de maiores riscos, o que vai contribuir para reduzir cada vez mais os índices de violência na capital.

Dois cães da raça pastor-belga-malinois, que também vão participar das ações da Romu, foram adquiridos por doação da Polícia Militar do Rio de Janeiro e estão em fase de treinamento para faro de entorpecentes em operações.

Leia mais:  Polícia prende padrasto acusado de torturar enteado autista em São José do Calçado
publicidade

Segurança

Homem é preso em flagrante com R$ 50 mil em notas falsas em Vila Velha

Publicado

O suspeito foi preso em flagrante no momento em que retirava o pacote com as cédulas em uma agência dos Correios no bairro Santa Mônica, em Vila Velha

Um homem foi preso em flagrante por aquisição de cédulas falsas na tarde desta sexta-feira (30), em Vila Velha. O dinheiro falso estava sendo enviado pelos Correios. O suspeito foi preso no momento em que tentava retirar a encomenda em uma das agências.

A prisão aconteceu após um trabalho conjunto entre Polícia Federal e Coordenação de Segurança Corporativa dos Correios no Espirito Santo. 

As investigações tiveram início após uma notícia crime ter sido repassada pela área de segurança dos Correios, a qual detectava um pacote destinado à Vila Velha e que nele teriam cédulas falsas.

Durante as investigações, foi descoberto que o investigado iria se apresentar no Centro de Distribuição Domiciliar (CDD) dos Correios no bairro Santa Mônica, em Vila Velha, para retirar a encomenda. 

No local, o suspeito foi preso em flagrante. No interior do pacote foi encontrada uma grande quantidade de cédulas falsas distribuídas em notas de R$ 100, R$50 e R$ 20,. Todo o material foi apreendido.

O preso confessou o crime. Segundo ele, dentro do pacote havia aproximadamente R$ 50 mil em cédulas falsas.

Após a apreensão das notas foi observado que não se tratava de uma falsificação grosseira e, por isso seria capaz de enganar qualquer pessoa.

As cédulas foram adquiridas pela internet (por meio de um grupo de Whatsapp) e encaminhadas de outro estado. 

Agora, a investigação vai prosseguir com a realização da perícia das cédulas e do material apreendido.

O suspeito vai responder pelo crime de adquirir ou guardar cédulas falsas. A pena varia de três a 12 anos de prisão.

Lei sobre falsificação de cédulas

Art. 289 – Falsificar, fabricando-a ou alterando-a, moeda metálica ou papel-moeda de curso legal no país ou no estrangeiro:

Pena – reclusão, de três a doze anos, e multa.

§ 1º – Nas mesmas penas incorre quem, por conta própria ou alheia, importa ou exporta, adquire, vende, troca, cede, empresta, guarda ou introduz na circulação moeda falsa.

Leia mais:  "Erro grosseiro da empresa", aponta pai de homem morto em acidente de tirolesa em Vila Velha
Continue lendo

Segurança

Secretário de Segurança do ES e prefeito sofrem acidente em rodovia no Sul do Estado

Publicado

Alexandre Ramalho e o prefeito de Presidente Kennedy, Dorlei Fontão, cumpriam agenda na região, quando o carro em que eles estavam foi atingido por um caminhão-baú

O secretário de Estado de Segurança Pública do Espírito Santo, Alexandre Ramalho, o prefeito de Presidente Kennedy, Dorlei Fontão, e outras duas pessoas se envolveram em um acidente, na tarde desta quinta-feira (29), na rodovia ES-060, no município do Sul do Estado.

O prefeito e o secretário visitaram a Escola Municipal de Marobá, que será no futuro uma Escola Cívico-Militar, e a divisa entre o Espírito Santo e o Rio de Janeiro, onde será instalado um posto da Polícia Rodoviária Estadual (PRE-ES).

O acidente aconteceu, por volta das 15h30, quando eles voltavam para o município para visitar um terceiro local. O carro onde estava a comitiva do secretário e do prefeito foi atingido por um caminhão-baú. 

O motorista do caminhão perdeu o controle e bateu em uma árvore. Ele chegou a ficar desacordado por alguns minutos. 

De acordo com a Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp), no carro estavam, além do secretário e do prefeito, o subsecretário interino de Integração Institucional, coronel Marcio Celante, e um integrante da equipe de segurança do secretário, que dirigia o veículo. 

O motorista do carro oficial se feriu levemente. Já os demais ocupantes saíram ilesos.

A prefeitura informou que o estado de saúde do prefeito Dorlei Fontão é estável. Ele foi levado para o Pronto Atendimento Municipal de Presidente Kennedy.

Leia mais:  Operação Verão 2020/21 terá reforço de policiamento e ações para segurança sanitária no Estado
Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana